Como fazer dual boot com Windows e Linux sem dores de cabeça

Este tópico é uma Wiki, você pode ajudar a deixá-lo mais completo e rico adicionando informações ou corrigindo problemas que encontrar.

Sobre a tecla Super


Essa é a tecla que fica entre as teclas CTRL e Alt na parte inferior do Teclado ela geralmente possui o logotipo do Windows, existem duas delas, uma a direita da barra de espaço e outra a esquerda, em notebooks uma delas é substituida pela tecla Fn
.

O processo de dual boot

Distros Linux lidam de forma diferente com o Dual Boot, por isso é importante observar a documentação de cada sistema. Aqui, cobriremos algumas opções populares.

Criando um pen drive bootável

A menos que a distro recomende outro software, use o Etcher. Se o Etcher não funcionar, use o Rufus no modo DD.

Problemas ao formatar o seu pen drive criado com o Etcher?

O Etcher pode gerar alguns problemas para quem está habituado a formatar o pen drive normalmente depois de usar ele para criar uma unidade bootável. O canal Diolinux Tem um vídeo que explica como usar o Gparted para recuperar o pen drive sem problemas.

Confira o vídeo aqui:

Como FORMATAR um PEN DRIVE criado pelo Etcher - Tutorial - YouTube

Dual Boot com Ubuntu, Linux Mint e derivados que usem Ubiquity e GRUB

Temos um tutorial em vídeo no canal Diolinux para mostrar o processo de dual boot com Windows 10 e Ubuntu, conforme você pode conferir abaixo:

Resolvendo problemas eventuais do Dual Boot

Embora seja possível fazer isso na maioria dos casos com exatamente 1 clique (se desconsiderar a configuração) essa facilidade esconde vários detalhes que se não forem observados pode dar errado e gerar frustração, é coisa de detalhes.

Problemas com data e hora no Windows depois do Dual Boot

Agradecimentos ao @Capezotte por mostrar e ao @daniloancilotto pela solução veja o post original aqui

  1. Pressione Super+I
  2. Digite “Alterar data e hora”
  3. Clique em “Sincronizar agora”
  4. Desmarque “Definir horário automaticamente” e “Definir fuso horário automaticamente”

Feito isso:

Se seu Windows é 64 bits…

Crie um arquivo contendo:

Windows Registry Editor Version 5.00

[HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\CurrentControlSet\Control\TimeZoneInformation]
"RealTimeIsUniversal"=hex(b):01,00,00,00,00,00,00,00

E salve como CorrigeWindows.reg e de um duplo clique

Se seu Windows é 32 bits…

Crie um arquivo contendo:

Windows Registry Editor Version 5.00

[HKEY_LOCAL_MACHINE\SYSTEM\CurrentControlSet\Control\TimeZoneInformation]
"RealTimeIsUniversal"=dword:00000001

E salve como CorrigeWindows.reg e de um duplo clique

Hibernação é um pecado capital

Embora seja possível montar o HD/SSD onde o Windows está instalado forçando a remoção do arquivo de hibernação, no caso da instalação da distro Linux, em algum momento vai dar erro, seja no particionamento ou seja na instalação do GRUB, para resolver isso, ainda no Windows faça:

  1. Pressione Super+X e escolha “Prompt de comando (Admin)” ou “Power Shell (Admin)” qualquer um serve

  2. Rode o comando:


powercfg.exe /hibernate off

Dica: Fazer isso aumenta a autonomia de notebooks mesmo sem dualboot

UEFI x Legacy BIOS a briga decisiva

Embora a regra básica seja: se seu PC suporta UEFI, use UEFI (a menos que a distro não suporte UEFI), nesse caso é um tanto diferente, siga o modo que o Windows foi instalado, para saber:

  1. Pressione Super + R

  2. Digite:


msinfo32

  1. Na tabela que aparecer procure por “Modo da BIOS” ou “BIOS Mode”:

se aparecer: “Herdado” ou “Legacy” faça o pendrive usando MBR ou GPT (ignore se estiver usando Etcher) e dê boot no modo Legacy ou BIOS

se aparecer UEFI ou EFI: faça o pendrive em GPT (ignore se estiver usando Etcher) e dê boot via UEFI

Lidando com o Secure boot

Se for usar o modo Legacy pode ignorar essa parte

Esse recurso é uma medida de segurança para impedir malwares do tipo rootkit, tudo que entra a nível Kernel deve ser certificado pela distribuição ou Microsoft no caso do Windows, o problema é que drivers de terceiros especialmente os proprietários que não podem ser redistribuídos pela distros geralmente não podem ser certificados então isso frequentemente dá problema, tanto na instalação quanto no pós-instalação dependendo da distro, via de regra a menos que o Debian nonfree (ou equivalente em outras distros) funcione tudo de cara, desative o passo a passo vária conforme a fabricante, no meu notebook por exemplo, basta clicar no checkbox “Secureboot” pra desmarcar na tela que permite escolher por onde vai dar boot

Desmarque algumas opções só pra evitar a fadiga

Desmarque a opção “Instalar atualizações enquanto instala”, caso dê problema você vai perder no máximo 15 minutos

Desmarque a opção Instalar “drivers e recursos de terceiros”, pelo mesmo motivo acima, instale depois que o sistema estiver instalado

Pequeno mas ocupa espaço

De maneira geral as distros tendem a serem muito pequenas ocupando em média 16 GB mas você vai precisar de no mínimo o dobro (32 GB) pra usar no dia a dia então certifique-se de que ou você possua esse espaço livre ou como espaço não alocado (recomendado) ou na partição onde o Windows está instalado (geralmente a C:)

Tenha internet (se possível)

No Windows (especialmente a versão Jack Sparrow) se criou o estigma de não formatar o computador com internet, no pinguim é o exato oposto, dá pra Instalar sem internet, mas o ideal é ter internet

Não use BTRFS ou outro sistema de arquivos mágico (se for instalar manualmente)

Se você for iniciante vai precisar fazer alguns ajustes, na dúvida se for particionar manualmente (não for usar a opção “Instalar ao lado de…”), até a data desse artigo (09/06/2021), escolha EXT 4

Atenção!


Isso é apenas para caso for fazer o particionamento manual, se o sistema escolhido automatizar esse processo, simplesmente ignore essa etapa
.

Conclusão

Isso não vai eliminar todos os problemas de dualboot, mas vai eliminar os mais comuns na hora da instalação e vai ajudar no diagnóstico (caso dê problema) já que a maioria das soluções primárias vai envolver alguma das observações citadas

26 curtidas

Muito bom. Parabéns!
Vai ajudar muito os novatos e servir como referência a ser indicada pelos mais experientes na resolução de problemas.

OBS: Só recomendo dar uma revisadinha no texto. :wink:

3 curtidas

Onde?

2 curtidas

Tem algumas coisinhas, nada sério.

Ex:

“Embora seja possível possível fazer isso na maioria”

“no caso da instalação do em algum momento”

2 curtidas

Bacana as suas dicas! A comunidade agradece.

2 curtidas

Acho uma boa um link para esse tópico: [DICA] Resolvendo problema de Hora errada no Windows 10 em Dual Boot com Linux

8 curtidas

Eu li o artigo inteiro na expectativa de entrar um solução para o problema de volume do microfone no meu mint 20, eu instalei o dualboot e o mic não funcina corretamente de maneira nenhuma quando uso o navegador, no audacity funciona ok, talvez tenho algum tipo de ganho no volume e eu não percebi. Já procurei em tudo que é lugar uma solução, nos fóruns dizem que pode ser a inicialização rápida do windows, mas já desativei e não obtive sucesso.

Mas obrigado por compartilhar estas dicas, certamente vai ajudar bastante gente. Vale citar que pra minha surpresa, no firefox o mic funciona melhor que no chrome, não entendi o motivo, não funciona perfeitamente, mas o volume já fica audível, coisa que no chrome fica ridículo. Abração!

2 curtidas

Esse tópico e assunto é tão bom e importante, que poderia ser a nossa primeira Wiki do fórum, o que acham @moderadores ?

13 curtidas

Concordo plenamente.

:vulcan_salute:

3 curtidas

Changelog:

Corrigido todos os detalhes

Adicionado uma seção mostrando um meio alternativo com referencia ao original

4 curtidas

Também creio que esse seja o lugar dele. :+1: :wink:

2 curtidas

Wiki? Como funcionaria?

1 curtida

Uma ótima idéia

1 curtida

Oi @Natanael.755 , como qualquer Wiki (como a Wikipédia mesmo), a grande diferença é que qualquer pessoa com nível suficiente pode adicionar informações, sugerir alterações que podem ser aprovadas por você, criador da Wiki ou pelos moderadores.

A ideia é que este seja “o documento oficial sobre dual boot” com todas as informações que pudermos colher sobre isso num lugar só, com a ajuda de toda a comunidade.

Nunca fizemos uma wiki de um post aqui no fórum, então algumas coisas podem ser novidades pra gente também, mas o seu conteúdo tem esse potencial. O que você acha?

5 curtidas

Adorei a ideia

2 curtidas

Pronto, o seu tópico é oficial uma Wiki do Diolinux Plus, você pode editar e convidar pessoas para te ajudar a criar a melhor documentação de todas sobre o assunto de dual boot

4 curtidas

Adicionei algumas informações, organizei algumas coisas, criei uma imagem original, para não ser usado de outro site. Agora é continuar polindo para que fique o mais completo possível.

Ensinando todo o processo de dual boot e todas as variáveis que conseguirmos.

4 curtidas

Pode parecer banal, mas, sugiro que coloque uma nota de rodapé ou parênteses explicando que a tecla “Super” é o nome correto da assim chamada “tecla Windows”. Algumas pessoas não sabem desse detalhe e podem ter dificuldades, assim, se aproveita duas oportunidades: ensina-se a nomenclatura correta e evitasse dúvidas.

1 curtida

Olá! Fazendo esse dual boot eu consigo posteriormente criptografar meu disco com o VeraCrypty ou o dual boot impossibilitaria isso?

Bom também incluir na dica “Como usar a partição para o /Home em NTFS para que tanto Windows como Linux compartilhem os mesmos arquivos.”

Ou seja, Tanto a pasta “Área de Trabalho” do Win tenha os mesmos arquivos que no Linux; E Etc.

1 curtida