Bug no Menu do Ubuntu MATE 20.04

Oi! Coloquei essa dúvida em outro tópico, mas não tive resposta.
Atualizei o Ubuntu MATE de 18.04 pro 20.04 sem fazer uma nova instalação. Foi tudo bem, exceto que ele disse ter dado erro em algo relacionado a fontes, agora não lembro bem.
Mas o problema principal foi o desaparecimento de alguns ícones do menu, todos relacionados a funções do sistema.
Eu uso “Aplicações”, “Locais” e “Sistema” em separado como opção de exibição e tanto no Aplicações quanto no Sistema ele dá erro nas categorias - os lançadores aparecem corretamente em cada menu, mas o ícone do menu em si é um “!” ou “X”, dependendo do tema/conjunto de ícones que use.
Já tentei reinstalar temas, resetar o painel, reinstalar o MATE via terminal e o erro persiste.
O print screen não deixa capturar os menus, mas o Plank ele deixou, notem o ícone do “Centro de Controle” (mate-control-center), aparece com um (?) quando esse não era o ícone dele
Vejam a imagem atual do sistema e como era antes:


image
Bom, qq ajuda é bem vinda!
(maldita hora que esqueci de instalar o Timeshift antes de fazer o upgrade…)
Valeu mesmo, pessoal!!

1 Curtida

Já tentou mudar para o tema padrão?

1 Curtida

Já. Tentei todos os temas nativos do MATE e mais alguns instalados. Apenas um coloca alguns ícones de serviços - o Zafiro icons coloca ícone no centro de controle no dock. Mas as gavetas do menu permanecem com o mesmo ícone (de “sem ícone”, em alguns mostrado como um “?”, em outros como um “X”)

1 Curtida

Também estava usando o Ubuntu Mate 18.04, fiz uma instalação limpa para o Mate 20.04, pois troquei o HD por um SSD ontem, caso contrário nem faria essa atualização, só pra constar. :smile: Então depois de ver o menu todo cagado resolvi reinstalar só que no minimal e nada, realmente esta bugado. Só não vou voltar pro Mate 18.04 porque estou com preguiça de baixar iso, formatar tudo outra vez.

2 Curtidas

Até na instalação limpa tá vindo com erro? Fala sério!
Só não fui pro Gnome pq o lap engasgou quando tentei… só aceitou bem o MATE. O engraçado é que instalei o app das extensões do Ubuntu Studio e ele criou os ícones do menu, mas duplicou um monte de entradas - mas isso é fácil de resolver

1 Curtida

No meu teste, alterando o idioma do Mate para inglês restaura os ícones. Parece ser algum problema com a tradução para português, talvez alguém tenha traduzido o que não devia (nome do arquivo de ícone).

3 Curtidas

Bom, aí nem sei como traduzir, até pq não devia ser necessário, né? Sem falar que isso é um erro bem de amador…

1 Curtida

Comigo aconteceu a mesma coisa. Fiz uma instalação limpa do Mate e ficou sem os ícones, quando alterei para o Inglês eles voltaram a aparecer. Isso é um problema muito grosseiro.
E no meu equipamento foi o que ficou melhor para meu uso.

1 Curtida

O treco é tão bizarramente tosco que até no vídeo que o @Dio fez sobre as flavors do Ubuntu o erro apareceu… esperemos que role o que ele disse, que a Canonical corrija isso alguma hora, pq é um erro bobo que não poderia ter passado

1 Curtida

Ora, veja… bastou traduzir o sistema para castelhano que tudo se resolveu! Puxa, Canonical, com a pá de usuários que o Linux tem no Brasil (são muitos? Nem sei…), um erro desses na tradução é primário demais…

1 Curtida

A pasta default de ícones está vazia. Mas você pode escolher os ícones manualmente pelo centro de controle e usar os do gnome por exemplo. Isto permite manter em português sem passar para inglês ou
Vá em centro de controle>menu>clique no ícone desconfigurado. Vai aparecer a opção propriedades. Clique em cima do ícone da janela que vai aparecer.
Vai aparecer outra janela no gerenciador de arquivos da pasta de ícones. Eu selecionei os do gnome 48 x 48.
Tive que mudar um por um e dei trabalho mas mantive o idioma em português.

!

1 Curtida

Outra coisa que achei pior do que isso é que após uma instalação limpa o ícone de exibir aplicativos do painel inferior bugou e não só não mostrou os aplicativos abertos como travou a tela.
O mesmo ocorreu ao mudar o mirror do servidor do Brasil para o principal. Neste caso consegui abrir o monitor do sistema e matar o processo.
Fiz o seguinte: instalação limpa. Ao iniciar o boot pelo pendrive escolhi a opção: instalar Ubuntu mate , não optei por iniciar o Ubuntu mate sem instalar. Nas opções de instalação desmarquei baixar atualização enquanto instala e não instalei software proprietário e drivers.
Quando reiniciou pela primeira vez foi demorado e fez as atualizações.
O menu ficou bugado mas é só consertar manualmente.
No restante o sistema é muito rápido instalado em um SSD.
Em tempo o Ubuntu gnome está mais bugado e apresentou vários travamentos no meu PC. O Ubuntu mate está mais estável.

Oi, como sou fluente em castelhano, não tenho problemas em usar o sistema assim. O mais chato é reaprender os atalhos de teclado do Libre Office, que são diferentes. Mas nada demais, já que tive mesmo que aprender quando passei pra ele do M$ Office. Quanto aos ícones, o bug mais significativo é nos ícones das categorias do menu, e esses são bem chatos de mexer. Por isso, realmente, a dor de cabeça é muito menor ao trocar o idioma do que alterá-los um a um.
Por fim, bom saber que o MATE está menos bugado que o Gnome. Estava pensando em trocar para ele. Vou ficar onde estou… rs

Recentemente, ontem (13_05_2020) fiz uma instalação do openSUSE Tumbleweed com Mate e aconteceu a mesma coisa e com os mesmos ícones.
Vejo que esse problema não é exclusivo do Ubuntu Mate, mas sim do próprio projeto Mate.

1 Curtida

Isso ao menos em Português, nessa versão. Em inglês, como o @Fabio_Monteiro fez, ou em castelhano, tá dando certo. Ainda é a melhor opção, trocar o idioma do sistema

Mesma coisa aqui comigo. Fiz uma instalação limpa do Ubuntu Mate 20.04, e quando vejo, sem os ícones no menu. Muito frustrante.

1 Curtida

Acredito que seja um problema do projeto MATE, mesmo, pois já testei em várias distros e o ícone das categorias não aparecem. Vi em um outro fórum que tinha um esloveno reclamando do mesmo problema que o nosso.

Também me aconteceu mas foi na versão 19.04. Até hoje n consegui o restaurar. O que eu fix foi nas configurações do plank (dock) colocar o menu na aba extensões.

A solução que dei foi mesmo a troca do idioma, como sugerido mais em cima no post. Mas migrei pro Gnome, pra ver se me acostumava e estou nele. No entanto, amo o MATE e o defenderei!

me ajudou. agradecido