Ubuntu Linux clonado para SSD M.2 2280 não realiza boot rapidamente

Olá pessoal, tudo bem?

Eu tenho um Ubuntu instalado em um HDD de anos (2013 para cá e vou atualizando para as LTS, estou com a 20.04 LTS) que sempre usei em dual boot com o Windows.

Ano passado, como o Windows estava muito lento, tanto para carregar, quanto para funcionar, eu comprei um SSD Kingston 240 GB e clonei o Windows para ele. Ficou ótimo, super rápido para carregar e para funcionar.

Porém, fiquei incomodado com o fato do Windows no SSD carregar muito mais rápido Ubuntu no HDD, coisa de 20s (windows) vs 3 minutos (ubuntu). Para sanar isto, deixando o boot do Ubuntu tão ou mais rápido do que o Windows, eu comprei um SSD M.2 Kingspec de 256 GB.

O SSD M.2 chegou hoje à tarde e eu já fiz boot pelo Live-CD Ubuntu 20.04 e usei o GParted para clonar o Ubuntu do HDD para o SSD. Desliguei, desliguei o cabo sata do HDD e esperei. Nossa, continuou demorado demais para carregar o Ubuntu (eu uso o GRUB para seleção do sistema operacional). Reiniciei várias vezes e a lentidão persiste.

Fui então na BIOS, mudei toda a ordem de prioridade de BOOT, conferi se o Fast boot estava habilidade, reiniciei e continua muito lento.

Vocês poderiam me ajudar com esta questão?

Muito obrigado,

Allexandre.

Placa-mãe: Asus Gaming B450/BR

Olá @allexandre tudo bem contigo?

Se você apenas clonou o HDD sobre o M.2, provavelmente todos os apontamentos do sistema estão exatamente iguais, ou seja, carregando via HDD. Abra o arquivo “/etc/fstab” do M.2 e confira se as partições listadas são as corretas.

Pelo próprio Gparted você consegue descobrir os UUID’s das partições e conferir se estão corretos no instalação clonada.

:vulcan_salute:

Olá Eddie! Fiz um print com o GParted mostrando o UUID do M.2 ao lado do arquivo fstab

O meu HDD com a instalação original do Ubuntu está desligado no momento.

Obrigado,

Allexandre.

Comente no fstab todas as partições que você não está usando mais, tudo isso consome tempo no boot. Esse M.2 que você comprou é do tipo NVME?

Porque aqui para mim, os devices são reportados de forma totalmente diferente.

:vulcan_salute:

Eu posso comentar a partição SWAP? E neste mesmo arquivo fstab tem uma UUID apontando para a partição EFISSD do SSD com Windows, Posso comentá-la também?

obrigado

Se você tem certeza que elas não estão em uso, pode comentar sim. Quando eu migrei do SSD pro NVME eu também clonei via Gparted e me lembro de não ter gostado do resultado, tenho quase certeza de que era algo relacionado à performance mesmo.

:vulcan_salute:

O novo SSD não é NVME.

Comentei todas as linhas, exceto a que identifica o Ubuntu no arquivo fstab. Eu preciso mudar algo na BIOS (prioridade do boot) ou no GRUB? Eu rodei o boot-repair agora e vou reiniciar novamente.

Eu conectei meu HDD antigo também e o grub carregou o Ubuntu dele.

Você acha melhor eu fazer uma instalação do zero no SSD M2?

Obrigado.

1 curtida

Inicia o sistema no SSD, de preferência tirando o “quiet” e “splash” lá no menu do grub para ver se dá alguma dica de onde está demorando.

Se mesmo assim não apareceu nada de anormal, veja as estatisticas gerais do boot com
sudo systemd-analyze

e são os 10 serviços mais demorados pra iniciar com
sudo systemd-analyze blame | head -10

Por último coloque aqui os inícios das partições do seu SSD para ver se ele está alinhado com o erase-block do disco:
sudo fdisk -l /dev/sdX
onde o X é a letra referente ao seu disco SSD.

Ah, se não sabe como tirar o “quiet” e “splash”, aqui vai a dica:

1 curtida

Olá Deleterium,

Desativei o quiet e splash e continuou lento (2 min e 8 seg). Mostrou praticamente nada na tela:

resutado dos comandos

sudo systemd-analyze
Startup finished in 13.391s (firmware) + 5.793s (loader) + 32.936s (kernel) + 1min 34.935s (userspace) = 2min 27.057s
graphical.target reached after 1min 34.842s in userspace

sudo systemd-analyze blame | head -10
4.055s NetworkManager-wait-online.service
4.047s plymouth-quit-wait.service
1.202s dev-sda3.device
769ms dev-loop2.device
756ms dev-loop0.device
707ms dev-loop1.device
689ms dev-loop8.device
674ms dev-loop4.device
672ms dev-loop10.device
650ms dev-loop3.device

sudo- fdisk -l /dev/sda
Disco /dev/sda: 238,49 GiB, 256060514304 bytes, 500118192 setores
Disk model: NT-256
Unidades: setor de 1 * 512 = 512 bytes
Tamanho de setor (lógico/físico): 512 bytes / 512 bytes
Tamanho E/S (mínimo/ótimo): 512 bytes / 512 bytes
Tipo de rótulo do disco: gpt
Identificador do disco: 44948769-3A79-43D6-B60C-4B61600CD843
Dispositivo Início Fim Setores Tamanho Tipo
/dev/sda1 2048 1914879 1912832 934M Microsoft dados básico
/dev/sda2 1914880 2914303 999424 488M Microsoft dados básico
/dev/sda3 2914304 500117503 497203200 237,1G Linux sistema de arquivos

Essas duas partições sda1 e sda2 eu clonei junto com a sda3. Eu preciso delas?

Muito obrigado,

Allexandre

O boot do computador na questão do sistema parece estar dentro da normalidade. O problema parece estar no userspace, ou seja, ao carregar as configurações do seu usuário.

Tente verificar os serviços a nível de usuario que demoram mais pra iniciar:
systemd-analyze --user blame

O particionamento do seu disco foi bem executado e não tem partições desalinhadas. Então não é isso que pode causar lentidão ao ler ou escrever arquivos no disco.

Depende. Se algumas dela for uma partição EFI que está com o tipo errado e vc tem boot no modo UEFI, precisa sim. Se elas forem apenas partição do windows, não precisa. Agora eu acho que não vale a pena apagá-las, pois a sua partição sda3 já está clonada e tentar aumentar ela mais pro início do disco vai dar um trabalhão! Recomendo apenas apagar se algum dia vc decidir instalar outro sistema no disco, daí zera tudo e começa de novo.

Resultado do comando:

systemd-analyze --user blame
947ms gnome-shell-x11.service
345ms gsd-xsettings.service
320ms tracker-extract.service
249ms gsd-datetime.service
184ms tracker-miner-fs.service
125ms gnome-terminal-server.service
120ms zeitgeist.service
96ms pulseaudio.service
94ms gsd-keyboard.service
93ms gsd-media-keys.service
89ms gsd-power.service
78ms gsd-wacom.service
66ms evolution-calendar-factory.service
64ms gsd-print-notifications.service
63ms evolution-source-registry.service
62ms gsd-color.service
62ms gsd-rfkill.service
61ms gsd-housekeeping.service
58ms telepathy-mission-control-5.service
48ms gsd-a11y-settings.service
48ms gsd-wwan.service
45ms gsd-sound.service
44ms [email protected]
43ms evolution-addressbook-factory.service
38ms gsd-smartcard.service
38ms gnome-session-signal-init.service
35ms gvfs-goa-volume-monitor.service
34ms gsd-usb-protection.service
32ms gsd-screensaver-proxy.service
31ms gsd-sharing.service
21ms zeitgeist-fts.service
17ms gvfs-udisks2-volume-monitor.service
11ms telepathy-logger.service
9ms gnome-keyring.service
6ms gvfs-mtp-volume-monitor.service
6ms gvfs-metadata.service
6ms gvfs-gphoto2-volume-monitor.service
5ms xdg-permission-store.service
4ms gvfs-afc-volume-monitor.service
4ms at-spi-dbus-bus.service
3ms gvfs-daemon.service
3ms dbus.socket
3ms gnome-keyring-ssh.service
1ms gnome-session-monitor.service
896us session-migration.service

Como eu sei se a partição está com o tipo errado? Pelo GParted (print abaixo) ele fala que ambas são msftdata.

Obrigado,

Sobre a demora ao iniciar eu não sei o que pode ter acontecido, pois o systemd não mostrou nada que seja demorado nem no sistema nem no usuário. Espero que outro usuário mais experiente tenha alguma dica.

Sobre o tipo errado de partição, acontece o seguinte… A tabela de partição, que no seu caso é do tipo GPT, indica quais são os setores de início, fim, tipo e atributos de cada partição. Há centenas de códigos para os tipos de partição, como vc pode ver em Tabela de Partição GUID – Wikipédia, a enciclopédia livre
Dependendo do modo de boot do seu computador (se for UEFI) ele necessita de uma partição que seja formatada em fat32, de tipo “Partição de sistema EFI”, para carregar os inicializadores dos sistemas operacionais (bootloaders). Felizmente (ou infelizmente na minha visão) alguns dos firmwares não ligam para a identificação da partição e conseguem carregar inicializadores de qualquer partição que ele ache um sistema de arquivos fat32. O seu sistema não parece estar iniciando em UEFI porque não foi montada nenhuma partição em /boot/efi. Então a princípio essas duas partições não precisavam ter sido clonadas.

Porém se o seu computador está iniciando em modo Legacy e tem o disco com particionamento GPT, o manual do grub indica que seja criada uma partição do tipo bios_grub com pelo menos 1M, para haver mais espaço pro grub carregar tudo que ele tem pra carregar. Novamente felizmente (infelizmente no meu ver) o grub não liga pra isso caso ele caiba apenas na mbr, fazendo com que as vezes funcione e as vezes não funcione nessa configuração.

Resumindo tudo:
Não sei porque seu computador está demorando demais pra iniciar. O modo de inicialização e particionamento do disco não está seguindo as recomendações de instalação, mas está funcionando.

Caramba, estou pensando em reinstalar o Ubuntu. Você e ou @eddiecsilva acham que teria chance de melhorar a velocidade do boot Ubuntu?

Pensei em deixar conectados ao PC somente o SSD M2 para o Ubuntu e o SSD sata (que já tem o Windows 10). Eu formataria e já rodaria o boot-repair para ele deixar o GRUB somente com estes dois sistemas. Depois que estiver ok, eu conecto o HDD que tem a atual versão do Ubuntu e formato ele.

Além disto, tenho esse outro problema (Ubuntu 20.04 com NVIDIA Geforce GTX 1650 não apresenta saída de áudio HDMI - #12 by allexandre) com o driver HDMI da placa de vídeo que tenho, onde o áudio vive sumindo. Acham que existe a chance de corrigir ambos problemas?

Muito obrigado,

Allexandre.

Pra ser sincero, eu recomendo reinstalar e fazer backup do que você precisa. É tão mais fácil e evita todos esses problemas beyond logic aí. Procedimento padrão, evita dor de cabeça.

Se por acaso ainda assim ficar lerdo, torne a postar novamente.

Sobre o problema do HDMI, que é outro mistério, continuo sem ideia do que pode estar ocorrendo. Mas desejo boa sorte.

2 curtidas

Então, o Ubuntu e o Fedora eu já considero quase como um Windows: tem tantos processos diferentes e variáveis de instalação entrelaçadas entre sistema e usuário que fica mais fácil reinstalar do que resolver. Uma última cartada pode ser você criar um novo usuário, verificar se resolve o problema do boot lerdo, e se resolver, migrar os arquivos entre os usuários…

Sobre a instalação, recomendo ver no windows qual o modo de boot (UEFI ou Herdado) e se for herdado, criar a mídia de instalação do seu sistema via Rufus no modo BIOS+mbr. Se você usar o modo herdado com um sistema para cada disco, fica bem simples de gerenciar.

1 curtida

Muito obrigado @anon99219498 e @Deleterium

Instalei do zero o Ubuntu no SSD M2 e esse foi o resultado :rocket::
>sudo systemd-analyze
Startup finished in 2.086s (kernel) + 6.743s (userspace) = 8.830s
graphical.target reached after 6.735s in userspace

Mas estou com outro problema, como reestabelecer o GRUB e reconhecer o Windows do outro SSD. Isso só pode ser feito à partir do live CD? Tentei pelo Ubuntu instalado e tive a resposta abaixo:

boot-repair

Obrigado

Se você instalou o UBuntu do zero, não há necessidade de recuperar o GRUB as entradas necessárias serão criadas automaticamente.

Dá uma olhada nesse vídeo aqui, creio que ele pode te ajudar.

:vulcan_salute:

2 curtidas

Verifica se o pacote os-prober está instalado. Se não, instale-o. Daí tenta um sudo update-grub e veja se os sistemas aparecem

Então, o seu windows estava instalado no modo UEFI e vc instalou o ubuntu no modo legacy. Nesse caso o grub não consegue fazer dual boot e das duas, uma:

  1. Reinstalar o ubuntu em modo UEFI
    ou
  2. Usar o boot menu da sua placa mãe pra escolher entre windows e ubuntu (geralmente apertando F11 ou F12, confira no manual da placa). Nesse caso o GRUB só vai conseguir iniciar o Ubuntu.
3 curtidas

Consegui!

Fiz assim:

  1. Na BIOS eu desativei o CSM
  2. Salvei, reiniciei e coloquei o pendrive bootável do Ubuntu
  3. Fui na BIOS e escolher fazer o boot pelo pendrive com ubuntu
  4. Fiz o boot pelo pendrive, escolhi experimentar o Ubuntu e instalei o boot-repair usando estas instruções do Edivaldo Brito
  5. Executei o boot-repair e ele fez algumas correções e me pediu para executar alguns comandos no terminal
  6. Finalizou o processo e mandou reiniciar.
  7. Já apareceu a “janela” do GRUB só com o Ubuntu e o Windows, cada um em um SSD!

Pessoal! Muito obrigado pela ajuda, vocês são ótimos!

Vou marcar como solucionado o tópico.

4 curtidas