Ubuntu 22.04 LTS, não dá mais para recomendar essa distro Linux!

Mais uma versão do Ubuntu está chegando, o Ubuntu 22.04 LTS, mas nesse vídeo além de mostrar como está essa distro, comento sobre os pontos de falha do Ubuntu que estão fazendo muitas pessoas migrarem para outras distros Linux!

12 curtidas

Cá estamos de novo com a exposição dos problemas no desenvolvimento do Ubuntu. E temos mais uma demonstração de Snap Store se arrastando. E de falta de inovação na experiência do usuário. O Ubuntu veio do Debian e está cada vez mais com cara de Debian. A cara de um sistema muito bom para servir de base a projetos terceiros.

9 curtidas

Para mim, quanto menos “novidades do Ubuntu” melhor o Ubuntu fica…rs

8 curtidas

Toda distro tem problemas. Vou listar algumas do Fedora por exemplo:

1 - Não tem renderização de fontes sub-pixel aa por padrão.
2 - É um parto pra usar drivers proprietários (principalmente nvidia).
3 - Atualizações que quebram Wifi e Bluetooth link: Instabilidade no Wi-Fi após atualização de Kernel Fedora 35 - #17 por Julio_Sordi
4 - Não tem bandeja de ícones, sendo que para alguns programas é essencial.
5 - Força o uso Wayland por padrão mesmo ainda não estando 100% compatível com vários programas.
6 - Ciclo extremamente curto de suporte de versões (apenas 9 meses).
7 - Não tem botões minimizar e maximizar.
8 - Não tem área de trabalho ativa.
Só alguns pontos.

Será se devemos realmente ficar recomendando o uso do Fedora? Fica a reflexão!
No vídeo/review o problema principal apontado é a loja (SnapStore), porém da pra instalar a Gnome Software com um comando (Inclusive tenho as duas instaladas aqui no meu 20.04) é importante ressaltar q o Ubuntu 22.04 ainda n foi lançado em versão final.

O que estou dizendo é que se o Ubuntu não pode ser mais recomendado, como eu posso dizer que o Fedora tmb não é? Sendo que há vários ajustes necessários pós instalação que um usuário comum vai precisar fazer para utilizar o sistema de forma agradável e produtiva. Nem todo mundo por exemplo consegue trabalhar sem usar os botões de minimizar/maximizar janelas.

8 curtidas

Seguindo essa lógica os “defeitos” do Fedora que você mencionou também não são um problema, pois também é muito fácil consertá-los. Na minha opinião é até mais fácil consertar os “defeitos” do Fedora do que os do Ubuntu; Habilitar os botões de minimizar e maximizar por exemplo é muito mais simples do que remover os snaps do Ubuntu

4 curtidas

Atenção as regras dispostas no FAQ, discutam ideias sem agredir as pessoas.

No vídeo, o Vanderlei deixa claro que não recomenda mais o Ubuntu para iniciantes. Os sistemas que ele diz recomendar são o Zorin OS e o Linux Mint. Em outros vídeos, o Vanderlei até põe o Fedora à frente do Ubuntu, mas com argumentos interessantes a usuários com mais experiência em distros de Linux.

Vanderlei não está sozinho.

2 curtidas

Assistir os vídeos, ler os comentários (de verdade ao invés de só passar por cima procurando defeitos)… as vezes faz bem, ele diz claramente que não recomenda o Ubuntu, mas recomenda suas derivações, remasterizações e flavours

Em momento algum ele recomenda o Fedora, só disse que o Ubuntu só traz o GNOME de novidade e ainda não traz todas as novidades, ele literalmente fez uma pergunta direcionada diretamente a usuários como você, mas sobre isso:

No trecho onde ele recomenda distros (e foi só duas por sinal), Mint tem seus problemas de gerência mas não tem nenhum desses problemas, Zorin não tem esse problema e não tem os problemas do Mint sendo que o Zorin tem uma equipe minúscula de desenvolvedores e menos de 1% do tamanho da Canonical

E além do mais:

Não é necessariamente uma problema, na verdade, é imperceptível isso

Isso é relativamente falso

Não é necessariamente um problema

Literalmente não é um problema

Você tocou num ponto importe, o vídeo cita N problemas que você não deve ter visto, mas sobre isso, já imaginou se o Android fosse assim? Ah, a playstore tá com problema, não tem problema, com um único comando no navegador vocẽ instala a XPTO Store… não faria sentido indicar o Android pra uma pessoa iniciante no mundo da tecnologia né? Pois é, a mesma coisa o Ubuntu, existem 4 softwares que devem ser impecáveis:

  • Gestor de arquivos
  • Configurações
  • Navegador
  • Loja de recursos/aplicativos

Se qualquer um desses vier quebrado por padrão, o sistema não deve ser indicado para iniciantes, simples assim

7 curtidas

Só para reforçar que muitos dos “problemas citados” nem são um problema ou é somente falta de informação, concordo com todo o restante da sua resposta.

https://src.fedoraproject.org/rpms/freetype/c/21ab00076a4c925c8b67f2e6c44efaeb2448a6a9?branch=master

7 curtidas

Isso explica porque eu nunca vi diferença, vlw man

1 curtida

Sempre que os problemas de patentes caem o fedora incorpora as bibliotecas problemáticas, por exemplo o ffmpeg vai para o repositório oficial creio que ainda no 36, mas vai ficar meio off-topic, não me intrometo mais em coisas de ubuntu, fazem 2 anos que não testo mais nem em vm.

3 curtidas

Eu concordo que a falta de inovação porque realmente é um ponto negativo, uma empresa tem que ser inovadora se quiser ficar a frente da concorrência, no entanto eu não vou largar o Ubuntu tão cedo, porque eu não largaria o Ubuntu?

  • É estável e sólido
  • Simplesmente funciona
  • Funciona bem na minha máquina
  • Atende as minhas necessidades
  • Me deixa fazer o que eu quero sem dores de cabeça

Distro hopping é um vício, agora que eu sosseguei um pouco não quero mudar de opção tão cedo, eu sou uma pessoa indecisa e as vezes tenho dificuldade de tomar uma decisão quando há uma abundância de escolhas.

4 curtidas

No Pop eu lembro da loja de aplicativos crashar ocasionalmente, no Ubuntu eu não tive problemas com a Snap Store, porém eu uso a Gnome Software pois ela tem suporte a flatpaks.

1 curtida

Como você acabou de afirmar, eu conheço pessoas que trabalham em empresas grandes e utilizam ubuntu nos seu laptops Dell que vem de fábrica e vivem reclamando de problemas, então cada caso é um caso, Estável e sólido vai muito além do que acontece na nossa máquina.

6 curtidas

Assim, casos onde a pessoa sabe se virar o Ubuntu continua sendo uma excelente opção, o problema é indicar pra quem tá no começo do começo no Universo Linux

4 curtidas

Vc tem um ponto, não há como um software funcionar em toda máquina, a variação de hardware é enorme e o software pode agir de muitas formas diferentes, porém muitas vezes o Ubuntu é sim estável e sólido, ele é derivado do Debian que é renomado pela estabilidade, se nem o Ubuntu for capaz de ser estável e confiável então acredito que as pessoas teriam que ficar presas a softwares e tecnologias arcaicas por décadas, o Windows inclusive não é mais estável desde que o 10 começou com os upgrades semestrais, as atualizações frequentemente criam mais problemas do que corrigem, muitos bugs passam despercebidos pelos insiders, o SO é testado em máquinas virtuais ao invés de hardware real, será que software estável atualmente é algo inexistente?

1 curtida

Eu já vi pessoal indicando Manjaro e Fedora. Quem tem coragem de dizer q essas são mais fáceis do q o Ubuntu ou Mint? O meu ponto foi mostrar q dizer q n indica por pequenos problemas pontuais é complicado, pois seu eu pegar as outras faço facilmente uma lista extensa de problemas que podem afetar a experiencia quando direcionadas para um usuário comum/médio. É diferente de nos que somos mais técnicos e podemos literalmente usar qualquer distro.

1 curtida

Acho que o Ubuntu atende perfeitamente um iniciante sem quaisquer problemas.

2 curtidas

Eu jamais recomendaria o Manjaro tanto para iniciantes quanto para qualquer outro usuário, o Manjaro tenta ser amigável porém falha em muitos pontos, o Pamac joga informações confusas na cara do usuário, a distro dá erro na hora de atualizar, o Pamac crasha ou congela ocasionalmente, o Manjaro tem muitos problemas que torna ele não tão beginner friendly quanto promete.

1 curtida

Para não me alongar muito nesse tópico já que eu não utilizo mais o ubuntu e nenhum derivado deste, vou falando aqui que não tenho nada contra a distro ubuntu em si, quanto a Canonical aí já é outra história, mas não vou entrar nesse assunto pois vai desvirtuar o tópico e eu cansei disso lá em 2011, hoje não tenho mais paciência, então boa discussão para vocês, só vim pelo fedora :upside_down_face: que em nenhum momento foi indicado para iniciantes no vídeo, mas entrou no tópico com algumas informações que não estão corretas.

#fuiiiiiiiii!!!

1 curtida