Mini-review adaptador Bluetooth USB TP-Link UB400

Faz um tempo que o @eddiecsilva fez uma postagem sobre um adaptador Bluetooth custo-benefício bem interessante, que me chamou à atenção. Comentei num tweet dele sobre um modelo especifico que possuo, o mesmo pode não ser tão atraente comparado ao preço do modelo resenhado pelo Edson, mas como ele me sugeriu fazer um pequeno review, aqui estou falando sobre o Adaptador Bluetooth TP-Link UB400.

Especificações do adaptador

  • Marca: TP-Link;
  • Nome: TP-Link UB400;
  • Bluetooth: 4.0;
  • USB: 2.0;
  • Alcance máx: 20m.

Sistemas operacionais dos testes

  • Ubuntu 20.04.3;
  • Pop!_OS 20.04;
  • Fedora 34;
  • Fedora 35.

Qualidade de áudio e alcance do sinal

Meu objetivo primário com este dongle USB era utilizá-lo para jogos, conectando um joystick Bluetooth ao mesmo, porém curioso que sou acabei efetuando testes e conseguindo emprestando devices de familiares para uso durante alguns dias.

De imediato posso afirmar que me surpreendi com a qualidade do áudio, seja para músicas ou gameplays. Na internet sempre ouvi que usar fones Bluetooth ocasionavam um delay do áudio nos jogos, e ao menos nos que testei não senti diferença alguma. Alguns dos games que joguei durante o uso de fones Bluetooth foram:

  • Injustice: Gods Among Us Ultimate Edition (Steam/Proton);
  • Horizon Chase Turbo (Steam/Nativo);
  • Left 4 Dead 2 (Steam/Nativo);
  • Mario Kart 8 (Cemu/Proton);
  • ARMS (Yuzu);
  • Entre outros.

Seja jogando ou ouvindo música, ou assistindo vídeos/filmes não notei atrasos (latência significativa); No site do fabricante é informado que o dispositivo consegue operar em até 20m de distância, obtive resultados semelhantes, entretanto com um diferencial: Em meio à vários obstáculos, sendo paredes (mais de 3), moveis etc. A qualidade ou sinal não foram perdidos, superando as indicações do site oficial (outra surpresa). Os fones utilizados foram os seguintes:

Testei alguns codecs de áudio Bluetooth, aptX, A2DP, SBC, SBC XQ etc.

BN_01

Conectividade de joysticks

Como abordei inicialmente meu objetivo principal era utilizar o dongle USB TP-Link UB400 para conectar um joystick, e utilizar os sensores de giroscópio e acelerômetro, via Bluetooth. Acabei testando dois joysticks, estes são:

  • GameSir T4 Pro (no modo Nintendo Switch);
  • Ípega Pg-9025 (joystick para Android).

Ambos funcionando perfeitamente, inclusive com a instalação do driver HIG- Nintendo o GameSir T4 Pro tem reconhecido pelo “jstest-gtk” os sensores (mas este não é o tema do tópico - cenas dos próximos capítulos rsrs).

BN_02

Notei desconexão apenas no Ípega Pg-9025, mas isso quando sua bateria estava no fim. Ou se mantiver a aba “Bluetooth” do GNOME Configurações aberta. Este comportamento é comum, afinal enquanto ela estiver aberta o processo de procura por outros dispositivos se mantém em execução. Vá para outra aba ou feche o app que tudo funcionará sem engasgos. Em demais ocasiões tudo como o esperado.

Envio de arquivos via Bluetooth

Confesso que essa é a forma em que raramente transfiro arquivos, acho o wifi muito mais prático, todavia já efetuei algumas transferências entre o PC e Android. Ocorreu tudo bem.

BN_03

Configuração no Linux

O adaptador TP-Link, como muitos devices, não tem explicito em lugar algum sua compatibilidade com Linux. Minha escolha por tal dispositivo se valeu de outro usuário gringo utilizando o mesmo para o propósito original que abordei algumas vezes no texto.

Contudo no banco de dados do “Hardware Probe” existe a seguinte mensagem:

"Este modelo de dispositivo é conhecido por ter problemas"

Acima você pode ver uma lista recente de sistemas operacionais baseados em Linux e o funcionamento deste dongle. Curiosamente a mesma mensagem aparece para meu SSD e HDs, e nunca tive problemas com nenhum deles.

O provável motivo é que aparentemente o driver utilizado para reconhecimento do dongle USB é genérico. Assim não é difícil imaginar que outros dispositivos que utilizam o mesmo driver e que tem mal funcionamento possam ser “creditados” dando essa impressão de falso alerta. Tal hipótese casa com os outros dispositivos que o Hardware Probe também identificou como problemáticos.

No meu caso nunca foi preciso nenhuma configuração prévia, literalmente foi “conectar e usar”.

Conclusão

Numa breve pesquisa não notei impedimentos e adquiri esse hardware há um tempo.

Seu preço no momento atual do país não é tão atrativo como já foi, e talvez o dongle abordado pelo Edson seja mais vantajoso, minha escolha foi baseada nas recomendações de terceiros e boas experiências que tive com a marca.

Observei que com o aumento da demanda pelo TP-Link UB400 seu preço aumentou tremendamente, some a situação atual do país e temos um desastre. Os preços no Mercado Livre estão bem altos.

Resumindo, satisfez totalmente minhas necessidades de uso SISTEMATICAMENTE!

Observações

Não utilizei ferramentas auxiliares, vide o Bluez e afins. Não senti necessidade e meu uso foi OTB no Linux.

No fórum do Ubuntu vi reclamações com o uso do TP-Link UB400 na versão 20.04 LTS, porém outros relataram boas experiências com o Ubuntu 20.04.2 LTS e superiores. Creio que distros com kernels mais antigos possam ter essas questões.

Todos os links foram meramente para ilustração, não tenho nenhum envolvimento comercial ou coisa do tipo com seus idealizadores, a veracidade das informações é de total responsabilidade de seus autores.

Este mini-review é totalmente baseado em minha experiencia pessoal, não oferecendo garantia alguma de funcionamento para seus propósitos - então analise se caba ao teu uso.

10 curtidas