Distro com Gnome "puro" - Laptop com placa Hibrida qual escolher?

Fala galera blza!

Tenho a seguinte configuração do meu laptop de uso pessoal, uso para tudo, um poquinho de jogos, trabalho, etc etc… Nos ultimos tempos pulei de distro em distro mas nunca fiquei satisfeito, até que cai em distro que tenham gnome como padrão e dai não consigo mais usar nada que não seja gnome rsrs, o modo de utilização, de janelas, desktop etc e etc me fizeram me acostumar demais com o gnome. maaaaas ultimamente tenho tido muitos problemas em fazer rodar a minha placa de video que no caso é hibrida Intel+Nvidia.
as configs atuais do meu laptop são essas:

Acabei ficando um poquinho no debian 10 buster, onde, acho bem clean, sem frescura. maaaas não consigo deixar a placa de video funcionando full time que é o que queria no momento, e tbm vejo muita gente falando que o debian tem muita coisa antiga, isso e aquilo… mas roda bem rapido e fluido aqui neste laptop. diante disto gostaria da ajuda de vcs, qual distro, com gnome meio que “puro” tipo debian eu poderia usar que rodasse de uma vez por todas esta placa da Nvidia full time, sem precisar ficar ativando ou desativando ela, coisa que nem isso consegui aqui no debian… ou se alguem que saiba como resolver isto possa me ajudar.

fico muito grato.

Abraços!!!

1 Curtida

Seja bem vindo ao fórum @leobruno!
Dentre as alternativas, acredito que debian não seja uma das melhores escolhas quanto a notebook com placas híbridas, nesse quesito, ao menos para mim, duas distribuições com gnome rodaram bem: Fedora 31 e PopOs.

Desstaque para o PopOs pela possibilidade de trocas de placa e opções de economia de bateria, além de não aquecer meu notebook, não apresentou travamento, até o momento. Estou usando há 3 semanas.

2 Curtidas

Bacana quero testar, eu amei o fedora, mas não sei o que esta acontecendo agora que logo dps que instalo ele ele demora coisa de dois a 3 minutos p iniciar não sei mais o que fazer, sobre o POp fiquei curioso e quero testar, só não gostei das cores, temas e etc, mas creio que da p deixa-lo com a cara do debian, fedora etc né?

Sim com certeza, a personalização é ampla e fácil. O Pop ainda conta com o diferencial de possuir nativamente a troca de tema claro e escuro.

1 Curtida

Sobre o fedora, vc sabe como instalar este tipo de placa e como resolver estes problemas de demora na inicialização? estou ainda na duvida entre o uso destas duas distros :frowning:

Pra hibridas só o Regata OS. No entanto é KDE

No Pop é só instalar o pacote gnome-session e depois no login selecionar “Gnome sob Xorg” que você vai ter a experiência pura do Gnome :stuck_out_tongue:

2 Curtidas

Há controvérsias, a experiência pura do GNOME acontece sobre Wayland e não Xorg :wink:
Aliás no PopOS a sessão já roda sobre o Xorg como em todos derivados do Ubuntu que já testei, dizem que é a solução para placas Híbridas, mas digo-lhes enquanto não houver uma migração em massa para o Wayland os fabricantes continuarão dando suporte somente ao Xorg, porém em algum momento o desenvolvimento do Xorg ficará estagnado pois a RedHat já deixou claro que o foco futuro será no Wayland, creio que tendo o foco 100% no Wayland virão coisas ótima “Adios X.org”.
GNOME — Christian F.K. Schaller

Finalmente, há a questão do suporte ao driver binário da NVidia. Assim, você pode executar uma sessão nativa de Wayland sobre o driver binário e terá essa capacidade por um longo tempo. Infelizmente, não há suporte para o driver binário no XWayland e, portanto, os aplicativos X (dos quais existem muitos) não estariam recebendo nenhum suporte gráfico 3D acelerado por HW. Adam Jackson trabalhou para permitir que o XWaylands carregasse o driver binário NVidia x.org e agora estamos aguardando a NVidia revisar esse trabalho e, com sorte, poder atualizar seu driver para dar suporte a ele.

Quando terminarmos, esperamos que o X.org entre rapidamente no modo de manutenção difícil. A realidade é que o X.org é basicamente mantido por nós e, assim que paramos de prestar atenção, é improvável que haja novos lançamentos importantes chegando e pode até haver alguma configuração de bitrot ao longo do tempo. Vamos ficar de olho nisso, pois queremos garantir que o X.org permaneça suportável até o final do ciclo de vida do RHEL8, no mínimo, mas seja um aviso amigável para todos que confiam no trabalho que fazemos mantendo a pilha de gráficos do Linux, entrar em Wayland, é aí que está o futuro.

Fui!!

1 Curtida

Eu uso pop diariamente há mais de 3 meses e não mudo por nada do meu laptop

2 Curtidas

Interessante que eu não gostava do menu gnome, tela toda, justamente por causa da pouca experiência com o Windows 8. Comecei a usar o Deepin e passei a gostar do menu fullscreen.

Hoje já tenho preferência pelo menu gnome, invertendo completamente meu conceito inicial :sweat_smile:

3 Curtidas

Mais um para o lado gnome da força HAHAH

2 Curtidas

Você pode verificar aqui: Getting GNOME – GNOME
Estão em destaque o Fedora, openSUSE e Ubuntu. E em letras menores Arch Linux, Debian e Gentoo. Olha as que te interessam e teste a Live CD pelo pendrive para ter uma visão melhor sobre cada distro escolhida.

2 Curtidas

se vc quer usar a placa da intel + nvidia com um gnome puro tem o arch linux! se não só o PopOS ou ubuntu gnome! regataOS é perfeito para placa hibrida, mas usa KDE Plasma

1 Curtida

Sim sim, eu digo visualmente. Não vai ter a modificação de temas, extensões e outras coisas.