VIM - O que você acha?

Não é um tópico para criar polêmicas, mas sim para discutir opiniões sobre o editor de texto VIM.

Você acha que vale a pena investir o seu tempo para aprender esta ferramenta? O que você acha dela como um editor de código, ou talvez até mesmo para outros documentos que não são códigos.

Geralmente acabo utilizando o nano/pico para editar arquivos rapidamente pelo terminal, mas cada vez mais vejo pessoas recomendado aprender VIM para uso geral, seja um edição rápida de texto, um arquivo de configuração, ou para programação no lugar de IDEs ou outros editores de código como VSCode e Atom.

6 Curtidas

Olá @Fritzzin tudo beleza?

Eu sou usuário de VIM desde sempre, assim como de Nano, de Ed, de VI… ser um “mestre Jedi” no Vim provavelmente não vai mudar a sua vida. Um dos motivos que me levou a aprender Vim/Vi é porque ele já vem instalado em 98% das distros enquanto outros editores vão variar de acordo com o gosto dos DEV’s do projeto.

Mas, quanto mais você se torna proficiente em uma ferramenta, maior é a chance de você conseguir um resultado fantástico com ela. Se seu workflow depende de muito trabalho/codificação via terminal aprender bem a utilizar ferramentas como Vim/Vi, seed, grep, Tmux, awk te tornará um profissional mais completo e produtivo.

Mas, caso seu worflow te permita usar o terminal apenas quando necessário, então, certamente você pode seguir utilizando outras ferramentas.

:vulcan_salute:

7 Curtidas

Assim como @eddiecsilva explicou, depende de seu uso. Faça a si mesmo algumas perguntas, tal como as seguintes:

  • Você usa um editor de texto para modificações rápidas em arquivos de configuração?
  • Você gosta de fazer anotações rápidas em arquivos de texto?
  • Você usa algum ambiente gráfico mínimo?
  • Você é um desenvolvedor e deseja passar mais tempo no terminal ou simplesmente trocar uma ferramenta que você já usa pelo VIM?

As suas respostas para esses tipos de perguntas irão te dizer se vale ou não a pena investir seu tempo aprendendo VIM. Particularmente, aprendi a utilizar o VIM em minha época de I3WM e desde então utilizo ele mesmo não usando mais WMs. O VIM te proporciona um poder e rapidez como editor de texto que nenhum outro editor de texto é capaz, mas muito cuidado ao pensar que você conseguirá substituir uma IDE pelo VIM, porque provavelmente você não conseguirá.

Para transformar o VIM em algo parecido como uma IDE, você vai ter que investir tempo configurando ele e buscando aprender como utilizar as ferramentas adicionais, isto em cima de ter que aprender a utilizar o VIM padrão e tenha em mente que a funcionalidade de IDE que você conseguirá não será tão funcional como a presente em uma IDE. Usando a minha experiência como exemplo, quando busquei substituir o VIM pelo VSCode, passei um bom tempo configurando o VIM até conseguir o resultado desejado, mas na medida que comecei a passar mais tempo no VIM tentando utilizar ele como IDE para desenvolvimento WEB, comecei a me sentir lento, porque por mais que eu conseguisse realizar edições de forma veloz, outras tarefas acabavam sendo irritantes, como navegar pelo meu projeto usando o nerdtree (explorador de arquivos para o VIM).

A minha experiência com o VIM como IDE me mostrou que por mais que o VIM seja o melhor editor de texto, este deve ser utilizado como um editor de texto, ponto. Ademais, você é capaz de ter algo como o VIM no VSCode, por exemplo, utilizando uma extensão do VSCode responsável por habilitar o “modo VIM” no mesmo, algo que reflete outra coisa legal sobre o VIM, sua comunidade.

Enfim, depende de você. Espero que a minha experiência seja útil em sua decisão, mas em sumo, saiba que o VIM é muito útil como editor de texto, mas pense duas vezes antes de colocar ele no centro de seu workflow.

4 Curtidas

Como simples “usuário”, raramente preciso usar o vi / vim, mas quando preciso, é sempre em situações críticas, ou complicadas.

Por isso, copiei alguns comandos básicos na primeira página do meu caderno de anotações (em papel), imprimi uma folha de referência e mandei plastificar, e também coloquei alguns links nos bookmarks do celular para consulta em casos de emergência.

Sem isso, eu não conseguiria usar, e ainda perderia meia-hora tentando sair do editor.

1 Curtida

@Fritzzin, tentei usar o VIM para escrever ficção, foi divertido configurar, mas no fim acabei voltando para o LibreOffice Writer por não haver nenhuma vantagem real em relação à suíte de escritório livre.
Digo o mesmo para programar, prefiro mexer nos meus projetos envolvendo C e HTML/CSS/JavaScript com respectivamente o Code::Blocks e o BlueFish.

Não é difícil começar a aprender o vim. Com esse programa apropriadamente instalado (o *ubuntu, por exemplo, não vem com os pacotes vim e vim-runtime), rode o comando vimtutor no terminal, o tutorial vem inclusive em português.


No Kubuntu 20.04 o VIM não veio instalado, apesar dos pacotes vim-common e vim-tiny já estivessem instalados. O comando vim não funcionava, será que eu devia ter tentado vi?

2 Curtidas

O Vi é bem mais simples que o Vim (que significa VI Improved) e atende bem edições simples e coisas corriqueiras. Agora, é um trabalho digno de Hércules fazer tarefas mais complexas no VI.

:vulcan_salute:

1 Curtida

Acho que é importante dominar se a pessoa costuma programar E administrar máquinas remotamente.

Pra quem só programa, vai ficar mais fácil usar programas em modo gráfico. Quem apenas precisa administrar máquinas pode fazer o básico de configuração com o nano.

Mas pro pessoal que precisa resolver diversos problemas em servidores que sequer rodam interface gráfica, o vim é uma poderosa ferramenta de administração e programação, principalmente aliado com tmux ou screen. Acho que o termômetro pra saber se precisa aprender vim é o quanto usa de programação em shell para administração de sistemas!

2 Curtidas

Olha, eu nunca tive paciência para usar o VI/VIM além do básico, e invejo quem tem superprodutividade naquilo ali. Eu sou preguiçoso, então também fico no nano ou quando preciso de algo mais completo, acabo instalando o mc só pra usar mcedit (aquilo me quebra o maior galho)

Enfim, se você estiver disposto, acho que vale a pena, as pessoas fazem coisas no vim que são de cair o c* da bunda, e normalmente o vi/vim vem por padrão ou pelo menos no empacotamento das distros. Se você vai trabalhar com desenvolvimento, em especial se tiver de apelar para o terminal de um server acessado remotamente, vá fundo e enfie a cara no vim. Se aprender mesmo, deixa o contato pra quando eu tiver dúvidas :grin:

2 Curtidas

No meu caso, na faculdade estamos trabalhando com Docker e muitas vezes máquinas virtuais que precisamos conectar através da internet por ssh. Então acabei aprendendo alguns básicos para me movimentar. Hoje estou utilizando a extensão no VSCode pois acho muito mais simples de configurar, trocar temas, e se algo der errado, posso simplesmente desativar a extensão e ter todo meu workflow ainda ali preparado.

E essa discussão sempre pode ficar mais interessante com um bom meme :smiley:

2 Curtidas

@eddiecsilva como habilita um corretor ortográfico para o Vim?

1 Curtida

Eu deletei de vez todos os editores que eu usava (Howl e VSCode) posso até sentir falta futuramente, mas to gostando de usar nvim, acho bem produtivo (vai de acordo com oq você configura), eu configuei do jeito que queria pode está faltando algo, mas sempre é dia de aprender o nvim.

NeoVim

2 Curtidas

Caramba, não conhecia o NeoVim, vou dar uma olhada.

Me lembre que meses atrás eu tive que dar manutenção em um pdv de um cliente, os pdvs utilizavam uma versão um pouco antiga do slackware e eu tive que usar o VI, achei que nunca mais iria utilizar esse editor novamente pois a ultima vez que havia utilizado o VI foi em meados de 2009.

1 Curtida

O VIM é tão bom que até hoje não conseguir sair dele kkkkkkkkkkkkk piada infame :joy: :stuck_out_tongue_winking_eye:

2 Curtidas

Usei Vim pela primeira vez aqui. Nossa, mudou totalmente meu conceito sobre editar textos e arquivos de configuração. Aquelas ações em que você precisa teclar várias vezes no Nano é muito mais simples e rápido no Vim.

Eu aprendi o básico nesse site, é um tutorial interativo onde você aprende na prática: https://www.openvim.com/

2 Curtidas

Já tentei aprender a usar o vim diversas vezes, mas como não dependo dele pra nada, o nano/pico sempre me atendeu, nunca dei continuidade nesse aprendizado. Quem sabe um dia eu me animo.

1 Curtida

sou iniciante em programação e dês do começo decidi usar vim durante o aprendizado… não sinto falta de nenhuma outra ide, e com Plugins o vim fica bem legal!

2 Curtidas

Olá @Pablo8 tudo beleza?

Cara, jamais tentei buscar algo nesse sentido para o Vim/Vi, dando uma pesquisada no Google achei vários métodos que podem te ajudar - mas realmente, jamais me passou pela cabeça habilitar algo desse tipo.

:vulcan_salute:t2:

Por questão de compatibilidade e de economia de espaço a maioria das distribuições modernas trás o Vi instalado por padrão e usam meta-pacotes do Vim.

:vulcan_salute:t2:

1 Curtida