Qual trilha seguir? O que abraçar?

Olá colegas! Desejo uma opinião sincera! Qual linguagem de programação deve ser abraçada hoje, levando em conta a absorção do mercado e não a curva de aprendizado. Uma resposta imparcial, não levando em conta o gosto particular e sim o que o mercado precisa agora e para o futuro. Desde já obrigado! OBS: Criação de aplicações mobile, aplicações utilizando internet ou intranet, etc…

1 Curtida

Acredito que vai gostar dos tópicos abaixo:

2 Curtidas

Olá @FerreiraSsaBa tudo beleza?

Na minha opinião essa pergunta que você está fazendo é praticamente impossível de ser respondida, porque a “linguagem mais importante” em um mercado pode não ser em outro.

Nos exemplos que você mesmo citou:

  • mobile: a linguagem GO está muito forte no mercado brasileiro.
  • intranet: aqui é terra de ninguém… tem de tudo… java, perl, asp, php, .net… porque normalmente intranets trabalham sobre legados e não existe um padrão de mercado.
  • internet: tá internet do quê? sites? então pode ser ruby, go, php, react… ah, não é site… é internet das coisas? javascript, C, python

Um erro comum é procurar uma única resposta para questões que são totalmente diversas, sugiro realmente que consulte pesquisas de mercado e tendências da tecnologia. Porque o que será verdade para o mercado brasileiro provavelmente pode não fazer o menor sentido no mercado europeu.

:vulcan_salute:

2 Curtidas

Se você conseguir responder essa pergunta me responde pq é basicamente o que todos querem saber HAHAHAHAH

Respondendo a pergunta do OP:

Senta que lá vem história.

Não há resposta universal. Não busque ela.

Linguagens de programação são só uma ferramenta, o runtime delas é mais importante que a própria linguagem.

Sobre o mercado: varia muito, mas eu creio que o que mais bomba hoje em dia é mobile e web.

Sobre mobile: fuja de Java, a própria Google tá com treta com a Oracle tem um tempo já e tão incentivando a migração, tanto que o Fuchsia vai substituir o Android num médio prazo e eles estão priorizando Kotlin e Flutter (o próprio Fuchsia salvo engano é feito com Flutter e GO).

Web: Para grandes empresas o que reina é .NET (dotnet) e Java associados a frameworks front-end como Angular (o TS, mais atual, não o JS), Vue, React (que é mais lib do que framework). NodeJS, por mais que eu ame e adore, é mais pra mercado de nicho, onde I/O é fundamental e precise de microsserviços, tem lugar em grandes empresas mas são menos vagas. PHP é bastante usado, só que, pelo que sei (que não é muito) é mais utilizado em negócios menores.

Sobre langs: Java é a linguagem do seu próprio ecossistema (verbosa e o runtime consome muita memória RAM, é considerado pesado mas não é lento! Pré-compilada, roda na JVM. Era a rainha do mobile mas a Oracle processou o Google e a bagaceira desandou.

C# é a que domina o .NET, eu costumo brincar e chamar de Java++, é uma evolução da outra lang. Tem a plataforma pra windos e a não-windos (.NET core), tem um runtime melhorzinho que o Java, mas não é performática como GO por exemplo. Pré-compilada, roda na CLR.

JavaScript (vou falar pouco pq sou apaixonado <3): assincronia nativa, dinamicamente tipada, tem o runtime backend baseado na engine do chrome, que é o NodeJs, não é muito performático em si por ser uma linguagem interpretada, mas faz integração entre seus módulos lindamente. Relativamente fácil de aprender. É a rainha do front-end, “rica e bem novinha”, provavelmente sucessora do PHP (eu espero), associada com CSS e HTML é o que faz os sites/web-apps. Você vai ouvir falar mt de JS na web porque é um meta-assunto basicamente, você está num ambiente lotado de JS falando sobre JS :man_shrugging: (acabei falando mt)

PHP - interpretada, creio que seja a lang mais utilizada em web-development pelo mundo afora, antiguinha, não é tão forte como Java e .NET nas empresas grandes, não consigo recomendar.

Ruby - foi moda uns anos atrás mas está morrendo, fuja.

Python - está na moda agora, parece ser mais fácil do que JS, tem frameworks que funcionam bem no backend como Django e Flask, nunca mexi muito então meu conhecimento para por ai. Rainha da IA por causa dos frameworks (vide tensorflow).

C/C++: rainhas da performance absoluta, roda numa batata em full-speed, dona da IoT, difícil pra krl de aprender, quase impossível de dominar completamente, pointers. Rainha dos sistemas operacionais. Não vejo muito uso no mercado, o desenvolvimento nela é devagar e o runtime é rapidíssimo (claro que com compilação de flags otimizadas -O2 e -O3). Não consigo recomendar pra quem for mexer com sistema comercial. Compilada, só roda no sistema para o qual foi compilada, apesar de poder compilar pra windos dentro do gnu/linux.

GO: inspirada no C, performática e assíncrona por natureza, desperta mt meu interesse mas não vejo mt mercado atualmente.

Kotlin: sucessora do Java, linguagem do google, tão investindo pesado, só ouço coisas boas. Se for pra mobile pode ir tranquilo.

Dart: não tenho como dizer nada sobre, só que é lang do google dentro do Flutter, parece promissora, mas está no começo da vida, então um pouco de cautela vale a pena.

Flw Vlw

hmm sei não viu… GO pra frontend? acho que não…