O Navegador Chromium agora está disponível no FlatHub de forma oficial

Chromium é o navegador que dá base para muitos outros navegadores da internet, como MS Edge, Opera, Vivaldi e afins. Ele já vem instalado em algumas distros e nos últimos tempos vinha sendo distribuído via snap (feito pela Canonical), tanto que teve uma polêmica com o Linux Mint mas agora eles já empacotam a sua versão do navegador.

Chromium no Flathub

Em um primeiro momento o Chromium estava disponível somente no Flathub Beta, se você quer saber como ativar ele temos esse artigo explicando, para assim receber os feedbacks de quem testava ele e dos entusiastas.

Bom, agora ele está disponível de forma oficial no Flathub “principal”, podendo ser instalado por qualquer distro que tenha o flatpak habilitado. Os principais pontos são:

  • Suporte nativo ao Flatpak.

  • Suporte para VA-API, OpenH264, libfdk-aac e Widevine.

Vale destacar que o suporte ao VA-API por hora não funciona com GPUs da NVIDIA, baseado no backend VDPAU. Mas se você tiver placas de vídeo da AMD/Intel basta habilitar a aceleração por hardware em chrome://flags e procurar pela opção Hardware-accelerated video decode. Lembrando que precisa da versão 1.8.2 do flatpak.

flatpak install flathub org.chromium.Chromium

Depois é só esperar a instalação acabar.

Vale mencionar que um dos envolvidos nesse projeto é o brasileiro Georges Basile Stavracas Neto, que é um dos principais contribuidores do GNOME e do EndlessOS.

A página do Chromium no FlatHub você pode acessar aqui.

Nos vemos no próximo post, forte abraço! E confira nosso Feed RSS

4 Curtidas

Eu habilitei a aceleração por hardware, mas como faço pra saber se está funcionando mesmo ? Alguém sabe ?

1 Curtida

Vai sentir apenas em vídeos usando h264, YouTube usa muito vp9, mas pode forçar via extensão para reproduzir sempre em h264(isso pode limitar a resolução de alguns vídeos em 1080p)

1 Curtida

Tá realmente funcionando o Vaapi nele? Tô pensando em testar mais tarde. Além disso, Spotify e Netflix também estão funcionando?

Netflix tá funcionando; acabei de testar.

1 Curtida

Opa, vlw. Testar mais tarde no meu note.

Realmente usando a extensão para forçar o h264, deu pra perceber uma redução significativa no uso da CPU. Reproduzindo um vídeo em 1080p no Youtube sem a extensão o meu Pentium G4560 fica em torno de 60% de uso. Com a extensão ativa e reproduzindo o mesmo vídeo em 1080p o uso de CPU fica em torno de 20 a 30%, ou seja, cai pra menos da metade o uso. A placa de video é integrada da Intel uma HD 610. Parece que a aceleração está funcionando mesmo.

aqui com h264 minha gpu ficou bem mais ativa tbm…uso amdgpu

Falando em chromium o edge já está disponível no flathub beta

pra quem quiser usar compartilhamento de tela do Chromium no Wayland, ative a opção:

chrome://flags/#enable-webrtc-pipewire-capturer

2 Curtidas

Acabei de ver que o Firefox também trouxe a opção de decodificação de vídeos acelerada por hardware (desde a versão 80), inclusive com suporte ao Xorg. Para ativar, basta digitar about:config e ativar estas três flags:

  • layers.acceleration.force-enabled
  • media.ffmpeg.vaapi-drm-display.enabled
  • media.ffmpeg.vaapi.enabled

Parece que não funciona apenas com o driver proprietário da Nvidia.

layers.acceleration.force-enabled: true
gfx.webrender.all: true
media.ffvpx.enabled: false
media.ffmpeg.vaapi.enabled: true
widget.wayland-dmabuf-vaapi.enabled: true
widget.wayland-dmabuf-webgl.enabled: true

1 Curtida