Me aventurando no Debian Testing

Bom dia. Sempre usei base Debian e agora decidi usar o próprio Debian (testing) usando o XFCE como interface gráfica. Como uso o firefox como navegador padrão e os aplicativos que uso a maioria tem versão .deb ou flatpak ou appimage acredito que não será problema haha. A única diferença até agora foi como instalar o driver mais atual da nvidia que precisou um pouco de editar alguns arquivos e instalar usando o .run do driver (no ubuntu bastava um $ sudo apt install nvidia-driver-515), mas tá funcionando (até orgulhoso de ter feito funcionar :face_holding_back_tears: ). Um link de como ficou:

Se alguém tiver alguma informação sobre usar o Debian, por favor, deixe nos comentários que vou adorar ler. Vou também usar para jogar além de estudos.

5 curtidas

Olá @unnamed_name, tudo bem contigo?

Temos vários tópicos bem interessantes sobre Debian aqui no fórum, sugiro fazer algumas buscas com nossa ferramenta de pesquisa.

Indico este aqui para começar:

:vulcan_salute:

6 curtidas

Bem vindo ao Debian, companheiro. Quando migrei também senti certa satisfação pessoal ao constatar havia aprendido a resolver os “B.Os” que apareciam.

1 curtida

Também uso Debian como distro principal há muito tempo, mesmo tendo usado várias outras por algum tempo, sempre acabo voltando para o Debian.

Atualmente uso Debian SID na estação de produção sem problemas. :smiley:

2 curtidas

Muito legal seu relato amigo. Para vc ter uma ideia era para mim estar usando o Debian desde 2013 mas fui para outras distros, agora voltei e tomei coragem para atualizar do “Stable” para o “Testing”. Deu tudo certo estou com o Debian testing cinnamon. Tentei o Debian gnome testing mas ele dava problema, sempre que eu desligava o monitor ele bloqueava a tela e depois de desbloquear e desligar novamente ele bloqueava e não dava mais vídeo, eu tinha que reiniciar, o mesmo acontecia quando a tela desligava enfim cansei. Agora o Cinnamon está muito bom.

1 curtida

Que post bem trabalhado. vou dar uma pesquisa no fórum aqui de primeira mão caso eu encontre um problema hehe

sim!! é muito boa essa sensação

Não curti muito o gnome, eu só usava ele mas não consegui gostar (pelo menos o do ubuntu)


Bem usei pouco tempo, mas já sinto algumas diferenças do navegador (firefox) comparado com as versões flatpak e snap que eu usava. Eu estou achando muito mais fluído.

E no geral consegui instalar tudo que eu usava antes e está funcionando normalmente :slightly_smiling_face:

2 curtidas

Tentei o Debian testign gnome novamente e o problema continua. Agora instalei com Xfce copiando o amigo e está uma beleza de leve esse Xfce, tudo flui q é uma maravilha.

2 curtidas

Eu só uso Debian testing e Gnome e não tenho nenhum problema… O bloquei de tela tem que ser retirado em dois lugares nas configuraçãoes, na parte de Energia e Privacidade → Tela.

Olá :vulcan_salute:

Pra mim, essa é a mistura perfeita! Só não mudo para essa configuração por que estou com preguiça de formatar e satisfeito aqui no Arch.

Recomendo alterar a sources.list quanto ao repositório que está buscando, pois provavelmente está como bookworm, troque para testing, já que logo os pacotes irão “congelar” para a versão 12.

Outra coisa é adicionar o repositório unstable e experimental para deixá-lo mais “completo”.

deb http://debian.c3sl.ufpr.br/debian/ unstable main contrib non-free
deb http://debian.c3sl.ufpr.br/debian/ experimental main contrib non-free

Fique tranquilo que isso não irá quebrar o sistema, pois basta indicar qual irá dar preferência. Para isso, crie o arquivo /etc/apt/preferences e adicione esse texto:

Package: *
Pin: release a=testing
Pin-Priority:500

Package: *
Pin: release a=unstable
Pin-Priority: 50

Package: *
Pin: release a=experimental
Pin-Priority: 50

E, quando for baixar algo do repositório unstable ou experimental, basta seguir essa sintaxe:
sudo apt install -t unstable nomedoprograma
ou
sudo apt install -t experimental nomedoprograma

Apesar de não usar, tenho uma VM do Debian com XFCE.

Essa é a sources.list dela se quiser copiar:

deb http://debian.c3sl.ufpr.br/debian/ testing main contrib non-free
deb http://debian.c3sl.ufpr.br/debian/ testing-updates main contrib non-free
deb http://security.debian.org/debian-security testing-security main contrib non-free

deb http://debian.c3sl.ufpr.br/debian/ unstable main contrib non-free
deb http://debian.c3sl.ufpr.br/debian/ experimental main contrib non-free
2 curtidas

Ativar estes repositórios tem grandes chances de quebrar algumas coisas, só recomendo se você tem alguma experiência em “desquebrar” os pacotes do APT.

:vulcan_salute:

3 curtidas

Concordo, por isso que deixei claro que é necessário adicionar um arquivo que dê preferência aos repositórios. Se a pessoa for baixar “direto”, por exemplo apt install neofetch, irá primariamente baixar do testing, pois para baixar de outros é necessário usar o parâmetro -t.

1 curtida

O Debian se instala meio “cru”, mas isso dá oportunidades de aprendizado do Linux pelo uso do terminal e edição de arquivos de configuração.

Mas quem quiser ter experiência próxima à do Debian “vanilla” sem maiores riscos pode usar o SpiralLinux. Até porque o Spiral se instala em btrfs e snapper pré-configurado para permitir rollback a partir do menu do Grub. Isso é perfeito para quem quiser se aventurar no Debian nas versões Teste e Instável.

1 curtida

Eu acho muito legal o XFCE, simples e bonito na minha cabeça e também sou produtivo usando ele porque gosto dessa barra de tarefas com o nome das janelas haha Eu sinto que o sistema fluí mesmo.

Hmmm eu tava em dúvida porque o pessoal fazia do stable para o testing com esse parâmetro, já quando baixei ficou por padrão o bookworm. Vou alterar, obrigado!

Eu acho que vou deixar só testing mesmo, mesmo vocês falando que é estável o unstable. Como eu não uso nenhum hardware super novo por fora, acho que tá de boas deixar só o testing, meio que consigo aproveitar um pouco dos dois mundo.

É isso que estou buscando, começar a me aprofundar no Linux e como sempre usei distro com base Debian em geral deve funcionar os softwares como eu espero.

2 curtidas

Se for para pinar o apt, como o kevinlucasilva sugeriu, para usar os ramos unstable e experimental no testing, além do arquivo preferences, tem que criar um arquivo orientanto o apt qual é o ramo padrão, o comando abaixo rodado como root, faz isso:

echo APT::Default-Release “testing;” >> /etc/apt/apt.conf

1 curtida

Sim amigo eu fiz isso mas se eu desligar o monitor pelo botão ele faz a mesma coisa, bloqueia a tela quando eu digito a senha e volto a desligar pelo botão ele não da mais vídeo tendo que reiniciar, uma pena pois gosto muito do gnome.

1 curtida

Agora entendo o porque das distros LTS não atualizarem muito. Ontem atualizou a versão do kernel da versão 5.18 para 5.19, quando acordei e fui ligar o PC deu o seguinte erro: “Failed to Start Light Display Manager”. Resolvi apertando alt + ctrl + f2 e instalando novamente os drivers da nvidia que foi o problema e agora tá funcionando normal.

parabéns. continue assim. é fuçando que se aprende.