KDE começa a receber Dynamic Triple Buffering, impulsionando GPUs integradas

KDE começa a receber Dynamic Triple Buffering, impulsionando GPUs integradas

Tal como está programado para o GNOME 46, deu-se início ao desenvolvimento do Dynamic Triple Buffering para o KDE. O software gerencia a GPU para, quando detectar que a geração de quadros na tela não está sincronizada, aumentar temporariamente a frequência de processamento. Embora isso possa gastar mais energia, a experiência de uso do sistema fica mais rápida, com menos latência, engasgos e travamentos, mantendo o fluxo de trabalho sem interrupções. A novidade é relevante sobretudo para GPUs integradas, com desempenho inferior às dedicadas.

O Dynamic Triple Buffering está sendo integrado ao KWin, o gestor de janelas do KDE Plasma, sem data para ficar pronto, pode não estar presente no lançamento do KDE Plasma 6.

Fonte

7 curtidas