Diferenças entre benchmarks para i5-11400

Antes eu tinha um Ryzen 1700X e agora tenho um i5-11400. Segundo pontuações de benchmark, no geral, o I5 é mais forte que o 1700X mas pelo menos para um render no Blender, eu me decepcionei.

Antes com o 1700X:

Agora, com o i5-11400:

Eu noto que o processador, no começo vai para um clock de 4,2 GHz mas depois fica em 3,7 GHz. Será que isso é devido ao cooler box não ter capacidade de segurar?

Tem alguma configuração de power limit para fazer ?

Valeu a todos.

Mas o Blender vai tirar proveito do máximo de núcleos disponíveis, natural que o i5 fique um pouco atrás mesmo ele sendo bem mais recente que o 1700x, isso pode acontecer em varias outras tarefas independente da velocidade de clock.

3 curtidas

A AsRock oferece um perfil para o CPU trabalhar no clock máximo, ignorando o PL1 e um pouco do PL2 em CPU’s non K, mas tu tá no coolerbox, será impossível. O processador seu está reduzindo o clock pois não fritará, visto que o CoolerBox da Intel que o acompanha tem um TDP máximo de ~65w (PL1 deste processador). Recomendo investir em um cooler mais robusto, mas não irá fazer milagre no Blender, já que ele usufrui bastante da quantidade de núcleos (como bem apontado pelo @tiagoquintino) , não de IPC entre um Zen1 Vs Cypress Cove (desing de núcleos da 11a geração).

Sources: ASRock Fully Supports 9th Generation Intel® Core™ Processors!!

1 curtida

Trocou um processador de 8 núcleos e 16 threads por um de 6 núcleos com 12 threads. Creio que a diferença de Clock não compense isso. Também o i5 que escolheu tem menos Cache - o que também faz diferença.

É bom confirmar os dados porque de cabeça posso estar enganado.

2 curtidas

Correto!

Só eu que fiquei sem entender o motivo da compra?
Com o dólar nesta altura, se sua máquina não queimou, não faz sentido trocar um topo de linha de quatro anos atrás por um intermediário atual.
Ele é basicamente pior que o i7 8700K, lançado em 2017, tendo algumas características iguais (número de cores e thread), suporte melhor à memória (óbvio, por ser mais recente), e clocks mais baixos.

Sem um problema na máquina e uma necessidade de custo benefício para uma “urgência”, foi trocar seis por meia dúzia, e desconfiado que dava para ter melhor custo x benefício pros dois lados (comprando algo melhor por pouco a mais, ou não tão pior por menos).

Eu tive que devolver o meu outro. A garantia não consertou e a solução foi a devolução. Então tentei pegar o que dava e o que prometia entregar mais.

Olhei no CPUBenchmark e em alguns comparativos que o i5-11400 era um excelente processador, inclusive se equiparando a um i7 10700.

Por causa desses motivos comprei esse.

Entendi…
Mas na hora que fiz a pesquisa e bati o olho no preço (atual), já vi que não era grandes coisas em termos de desempenho, considerando que você vinha de uma plataforma muito boa, a primeira que voltou a encarar, de fato, a Intel.
Hoje, mesmo algo intermediário, tá beirando R$ 2.000,00 (só a CPU).

Mas enfim, está explicado. Se fosse apenas trocar um pelo outro não valeria a pena, mas fica de exemplo por que (às vezes), vale a pena investir um pouco mais, que você terá uma plataforma que vai durar bastante tempo, com um nível aceitável de performance.

Sim, eu pensei em comprar um i7 10700, apesar de em algumas demandas o i5-11400 se equiparar, no geral ao i7 se sai melhor até mesmo em tarefas de multi-thread. O problema é que seriam mais R$ 600,00 e esse valor, serviu para pegar um SSD.

Eu estou satisfeito com ele até agora. Sou uma pessoa que esporadicamente demanda muito poder de processamento. Apenas eu fiquei esperando que esse i5 fosse bater o 1700X em todos os cenários.

Apenas para aproveitar o tópico, troquei o título.

Como disse: eu tive que escolher outra configuração pois tive que devolver o meu antigo. Meio que nas pressas eu olhei alguns benchmarks. Eu estava em dúvida sobre comprar o i5-11400 ou até mesmo o i7-10700( eu teria que complementar o valor). Meu objetivo era manter, ao menos, o poder de processamento.

Na época olhei alguns benchmarks e não atentei para algumas diferenças, como por exemplo:

Pelo visto, segundo estes testes, o i5-11400 seria superior ao R7 1700X

Em uma outra, como o exemplo abaixo, o i5 é inferior.

Afinal, estes testes sã confiáveis? Isso varia muito de aplicação? Tanto Blender quanto Cinebench estão renderizando e no Cinebench o i5 ganhou e no Blender( meu teste pessoal) ele perdeu.

Obrigado.

Onde cargas d’agua você viu esses testes?
Minha recomendação é acompanhar o Gamer Nexus, Hardware Unboxed e o site Tom’s Hardware. Fuja do site CPU UserBenchmarks. Uma das rasões: https://www.reddit.com/r/buildapc/comments/chco8h/userbenchmark_should_no_longer_be_used_after_they/
E desculpa cara, mas não adianta ficar chorando pelo leite derramado. Minha suposição, novamente, vai para que o cooler usado nos testes que você viu ofertava uma margem bem maior que o coolerbox da intel, por isso a diferença não era tão gritante (na medida do possível).

O primeiro é no CPU benchmark. É da CPU Mark, um famoso software de benchmark. O segundo é Youtube e o teirceiro é um site que tem vários modelos de processadores, usando softwares benchmark de mercado.

@JG22 Não é chorar pelo leite derramado. Eu apenas estou aproveitando para me inteirar. Faz mais de 10 anos que não estou por dentro de hardware.

Bom, se agora a CPU tá trocada, o jeito é melhorar seu desempenho. Já pensou na ideia de compilar um kernel específico pra ele? Xanmod poderia dar uma melhora nisso, aliado a um cooler mais potente, pra evitar a queda no clock…

1 curtida

Não pensei nisso. Também tem o fato que a instalação do Ubuntu atual está meio “bugada”. Eu instalei sem internet e parece que ficou sem um monte de driver. Não quis resolver pois está chegando um SSD e não posso ficar gastando muito tempo em formatação.

Mas obrigado pela ajuda. O objetivo do tópico é mesmo me “inserir novamente no mercado de hardware”.

1 curtida

Tinha visto, inclusive o vídeo desse cara

Julguei que o 2700 era mais forte que o 1700X. Mas relaxa, eu não sou “fominha de CPU” apenas é para aprender mesmo.

Valeu.

Qual é a sua placa mãe?

Algumas placas mãe não possuem uma alimentação correta, por isso não conseguem sustentar o turbo por muito tempo.
Outras possuem um VRM ruim, esquentam demais e cortam a performance para não queimarem.

1 curtida

Eu não me baseio em testes sintéticos até porque não compro pc para ficar fazendo testes e sim para trabalhos, jogos, edição de áudio e video, gosto muito de pesquisar em fóruns e ver a opinião da galera. Tem que focar no que você precisa e é claro no que vai caber no seu orçamento, pesquisar como o 11400 se comporta em um determinado software como por exemplo o próprio blender, photoshop, algum jogo especifico ai você compara com outros processadores para ter uma noção, pelo menos eu faço assim. Programas de testes cada vez que você os executa em um mesmo hardware ele apresenta valores e pontuação diferentes.

i5-11400 é um bom processador apesar de menos cores e threads isso pode ficar tranquilo, vai estar servido por um bom tempo.

1 curtida

É uma AsRock B560 Stell Legend.

Por padrão, a B560 Steel Legend seguirá os valores de TDP recomendados pela Intel - limitando o consumo de energia a 125 W em cargas sustentadas - e executa RAM a 2133 mhz. Isso deixa o desempenho um pouco prejudicado - especialmente em cargas mais pesadas.

A primeira coisa a se fazer é habilitar XMP e colocar a frequência que o i5 suporta, 2666 MHz. Você pode testar ir além, vai depender da memória. Seria testar e ver até onde ela aguenta, mas é melhor seguir com o relator, pois a diferença é irrisória.

Depois, habilitar o Dual Tau Boost que permite contornar essa restrição de energia. Nas configurações secundárias para este Dual Tau Boost, você pode definir um valor PL1 / PL2 de até 4095w (removendo efetivamente todos os limites de potência).

Pode ficar tranquilo que pela construção da placa, ela aguenta toda a carga de energia do i5 tranquilamente sem problemas, até mesmo de um i7/i9.

1 curtida

Agradeço sua resposta @nando3d

Quando eu pesquisei as especificações da placa e do i5 11400, falavam que suportariam memórias até 3200 MHz. Eu as comprei, mas também não tive muito tempo para ficar procurando como ativar. Elas estão em 2400 MHz, pelo que vi no GTKStressing.

Agora você falou na frequência de suporte a 2666MHz. É isso mesmo? Os 3200 MHz não irão funcionar?

Obrigado.