[Dica/Tuto] Como fazer um chroot no Arch(etc...) e no Debian(etc..)

chroot do sistema operacional Unix é uma operação que muda o diretório root do processo corrente e de seus processos filhos. Um programa que é re-rooted para um outro diretório não pode acessar arquivos fora daquele diretório, e o diretório é chamado de “prisão chroot” (ou chroot jail ).

Pode ser utilizado numa instalação do sistema ou para recuperar o sistema.
Recomendo fazer pela imagem de instalação ( por exemplo via USB)

Primeiro use o comando para listar as partições

lsblk -f

exemplo:
NAME FSTYPE LABEL UUID FSAVAIL FSUSE% MOUNTPOINT
sda
└─sda1
ext4 e4ea1fe2-8bac-43fe-bff1-e7748aebe5b5 31,2G 15% /
sr0

No caso temos uma só partição: sda1

Vamos montá-la no diretório /mnt

mount /dev/sda1 /mnt

Se tivéssemos mais de uma partição como /home, /var etc…

Montaríamos também:
exemplo

mount /dev/sda2 /mnt/home
mount /dev/sda3 /mnt/var

e assim por diante.

Altere para o diretório raiz das suas partições montadas ( caso não esteja fazendo pela midia de instalação)- Nunca fiz esta modificação e não tive problemas

mount -t proc proc /mnt/proc
mount -t sysfs sys /mnt/sys
mount -o bind /dev /mnt/dev
mount -t devpts pts /mnt/dev/pts/

Por fim, acesse o chroot
Para acesar manjaro, debian ,ubuntu, etc…
Então acesse o chroot com o comando abaixo:
chroot /mnt

Para acessar com Arch
arch-chroot /mnt

Para sair
exit
ou
Ctrl+D

Obs.: O Manjaro tem manjaro-chroot ( nunca utilizei)

acesse
sudo manjaro-chroot -a

Aguarde até que seja exibida uma lista com as partições do sistema disponíveis no seu computador e escolha a que você deseja reparar.

1 Curtida