Conselho é demitido e Sam Altman retorna à OpenAI

Nesta semana, a governança da OpenAI ganhou destaque na mídia, com inúmeras reviravoltas. Tudo começou com a demissão do CEO Sam Altman, um dos fundadores da companhia, inicialmente sem fins lucrativos, pelo board, devido a problemas de comunicação. Em sua gestão, Sam adquiriu reconhecimento público, como personalidade que representa a OpenAI.

Após Sam tentar, sem sucesso, retornar ao seu cargo, Satya Nadela, CEO da Microsoft, empresa fortemente prejudicada pela reação dos investidores com a demissão, anunciou que contrataria o ex-lider da OpenAI para conduzir projetos em inteligência artificial.

Entretanto, mais de 700 funcionários da OpenAI ameaçaram demissão coletiva, exigindo a renúncia do conselho de diretores e o retorno de Sam Altman.

Na noite do último dia 21, a demanda dos funcionários foi atendida, Sam foi readmitido e deu-se início à formação de um novo board, que deverá aumentar de 4 para 9 membros, onde apenas um antigo será mantido, e deverá haver maior participação da Microsoft. O acordo para a mudança, envolve uma investigação independente para entender a demissão do executivo.

5 curtidas

Isso foi uma loucura. Provavelmente nunca iram vazar o que rolou nos bastidores, ficaremos apenas na curiosidade.