Como instalar o Wine no Linux Mint Xfce 20.2?

Não consigo instalar o Wine.
Por favor, me dê o passo a passo para instalar o Wine de forma correta.
Atenciosamente,

Vá na loja de aplicativos e instale o Bottles.

1- sudo dpkg --add-architecture i386

2- wget -nc https://dl.winehq.org/wine-builds/winehq.key

3- sudo apt-key add winehq.key

4- sudo add-apt-repository 'deb https://dl.winehq.org/wine-builds/ubuntu/ focal main'

5- sudo apt update && sudo apt install --install-recommends winehq-stable

Fonte: Ubuntu - WineHQ Wiki

@thespation impressão minha ou é um tópico triplicado, quiçá quadruplicado?

2 curtidas

Olá boa noite!
Basta seguir comando por comando no terminal?

@thespation impressão minha ou é um tópico triplicado, quiçá quadruplicado?”
Desculpe a minha ignorância, não entendi a pergunta friend.

Sim, copiar e colar. É a mesma coisa que está na documentação oficial do site do wine.

Não é uma pergunta, mas sim marcando um moderador no seu tópico pois já tem vários extremamente similares aqui no fórum. Exemplo: Como instalar Wine no Mint 20.1

1 curtida

Obrigado por responder e pela observação.

Lendo listas de pacotes... Pronto                                              
N: A ignorar o ficheiro 'additional-repositories.list.save.1' no directório '/etc/apt/sources.list.d/' porque tem uma extensão inválida no nome do ficheiro
N: A ignorar o ficheiro 'additional-repositories.list.save.2' no directório '/etc/apt/sources.list.d/' porque tem uma extensão inválida no nome do ficheiro
N: A ignorar o ficheiro 'additional-repositories.listsudo apt update' no directório '/etc/apt/sources.list.d/' porque tem uma extensão inválida no nome do ficheiro
E: The repository 'cdrom://Linux Mint 20.2 _Uma_ - Release amd64 20210703 focal Release' does not have a Release file.
N: Atualizações a partir de tal repositório não podem ser feitas de forma segura e estão, portanto, desativadas por definição.
N: See apt-secure(8) manpage for repository creation and user configuration details.

Foi até neste ponto.
O que devo fazer agora?

Você provavelmente ativou um repositório não necessário ai ele está bloqueando pacotes que venham daí, desta forma o sistema evita de quebrar. Tenta rodar: sudo apt update && sudo apt autoremove -y && sudo apt autoclean para limpar o cache do apt e tirar pacotes orfãos

Primeiro comando:

N: A ignorar o ficheiro 'additional-repositories.list.save.1' no directório '/etc/apt/sources.list.d/' porque tem uma extensão inválida no nome do ficheiro
N: A ignorar o ficheiro 'additional-repositories.list.save.2' no directório '/etc/apt/sources.list.d/' porque tem uma extensão inválida no nome do ficheiro
N: A ignorar o ficheiro 'additional-repositories.listsudo apt update' no directório '/etc/apt/sources.list.d/' porque tem uma extensão inválida no nome do ficheiro
E: The repository 'cdrom://Linux Mint 20.2 _Uma_ - Release amd64 20210703 focal Release' does not have a Release file.
N: Atualizações a partir de tal repositório não podem ser feitas de forma segura e estão, portanto, desativadas por definição.
N: See apt-secure(8) manpage for repository creation and user configuration details.

O Wine já está nos repositórios do Mint, então basta rodar o comando:
sudo apt install wine

Obs: Use alguma PPA somente se quiser uma versão mais recente, caso não tiver a necessidade use a que já está nos repositórios mesmo (wine 5.0.3 ).
Caso quiser adiciona uma PPA recomendo segui a documentação:
https://wiki.winehq.org/Ubuntu

Segundo comando
N: A ignorar o ficheiro ‘additional-repositories.list.save.1’ no directório ‘/etc/apt/sources.list.d/’ porque tem uma extensão inválida no nome do ficheiro
N: A ignorar o ficheiro ‘additional-repositories.list.save.2’ no directório ‘/etc/apt/sources.list.d/’ porque tem uma extensão inválida no nome do ficheiro
N: A ignorar o ficheiro ‘additional-repositories.listsudo apt update’ no directório ‘/etc/apt/sources.list.d/’ porque tem uma extensão inválida no nome do ficheiro

Terceiro comando
N: A ignorar o ficheiro ‘additional-repositories.list.save.1’ no directório ‘/etc/apt/sources.list.d/’ porque tem uma extensão inválida no nome do ficheiro
N: A ignorar o ficheiro ‘additional-repositories.list.save.2’ no directório ‘/etc/apt/sources.list.d/’ porque tem uma extensão inválida no nome do ficheiro
N: A ignorar o ficheiro ‘additional-repositories.listsudo apt update’ no directório ‘/etc/apt/sources.list.d/’ porque tem uma extensão inválida no nome do ficheiro

@Natanael.755 você que é mais inteligente do que eu, consegue dar uma luz? Será

Não é erro. Ele apenas está ignorando esse repositório/arquivo para evitar de quebrar o sistema. Só espera o Natanael responder para ver o que pode ser feito. Tenho em mente o que possa ser, mas não quero passar instrução errada e você quebrar o sistema por bobagem.

Obrigado friend.
Vamos aguardar!

Provavelmente há linhas duplicadas nos seus arquivos da sources.list.d, de uma verificada, pois aparentemente você desorganizo eles adicionando várias vezes a mesma PPA.
Qualquer coisa poste a saída deles para analisarmos.
sudo nano /etc/apt/sources.list.d/additional-repositories.list
Ou use um gerenciador e remova a PPA do Wine que é a que provavelmente você duplico e instale a versão que já está no repositório do Mint como indiquei acima.

@gigiolinux Tente restaurar os repositórios ao padrão. Vá no menu e procure pelo app “Fontes de Aplicativos”. Abra ele, e clique no botão "Restaurar configuração padrão (ou algo parecido), como na imagem abaixo (na foto está em inglês):

Galera, tenho receio de mexer no PPA.
Fiz isto e deu problema.
Abri até este post para tal:

O que posso fazer de certeza para instalar e colocar para funcionar o Wine?

Desculpe a pergunta friend. Sou leigo no assunto.
Posso fazer este comando sem risco de prejudicar o sistema?
Já tive problemas com o PPA.
Este post me salvou:

Atenciosamente,

Qual(is) programa(s) você pretende instalar usando o WINE?

Sinceramente, eu sempre recomendo usar um front-end facilitador, como o PlayOnLinux (tem na loja de aplicativos). Muitas vezes é desnecessário o sofrimento de instalar e administrar o WINE diretamente.