Windows 7 Ultimate rodando melhor que o Lubuntu 18.04.5 LTS

Oi pessoal, eu tô com uma dúvida percorrendo minha cabeça há dias:

Eu possuo um notebook bem simples (acho até que deve ser considerado um netbook): Lenovo G475, o qual possui um processador 64 bits AMD-C50 dual core de 1.00GHz, placa integrada AMD Radeon HD 6250, 4GB de RAM e HD de 500GB.

Nele eu estou executando o Windows 7 Ultimate, que imagino ser bem pesado para um notebook/netbook desse porte. Porém, o que me surpreende é o fato de que ele está rodando tão bem quanto o Lubuntu 18.04.5 LTS, que eu usava até um tempo atrás. :thinking:

Em comparação ao Lubuntu, o Windows está, ao menos no meu laptop da Xuxa, rodando melhor os navegadores que uso (Firefox e Chrome), carregando mais rápido os sites de produtos da Google (Drive, Fotos, Gmail) entre outros, está iniciando mais rápido (embora li uma vez que é normal o Windows iniciar mais rápido que uma distro Linux), está abrindo mais rápido o gerenciador de arquivos e estou conseguindo até rodar mais de três programas ao mesmo tempo sem engasgo (exemplo: Spotify, Chrome, Telegram e o Windows Update de fundo baixando atualizações). Minha maior surpresa no caso foi o Windows estar rodando melhor os vídeos no YouTube em relação ao Lubuntu, sem tantos travamentos.

Então, eu gostaria de saber se isso é algo bem comum, ou se envolve outras questões, como suporte a drivers (pois no Windows 7 eu preciso ir ao site da Lenovo baixar os drivers, enquanto no Lubuntu já fica tudo bonitinho quando termino de instalar ele), configurações do navegador, etc., pois eu curto muito o Lubuntu com LXDE e gostaria de voltar a usar ele como meu sistema único, se não fossem essas percepções que fiz.

Agradeço desde já se alguém puder responder e peço perdão se houver algum erro, pois é minha primeira vez postando aqui. :smile_cat:

1 Curtida

pode ser realmente problema de driver. tenta isso aqui

2 Curtidas

Testou outras distros para ver se o comportamento é o mesmo?

1 Curtida

Como meu notebook é antigo, eu só consigo testar versões antigas das distros pois as mais atuais sempre ficam com desempenho horrível. Testei o Linux Mint XFCE 17 e 18, Xubuntu 18.04 e 16.10, Ubuntu 14.04 - 16.10 - 18.10 e por último Lubuntu 16.04 (que até ficou com desempenho inferior ao 18.04.5) - 18.04.5 - 20.10 - 21.04. Aliás, o Lubuntu 18.04.5 foi o que, entre essas distros e versões, foi o que rodou melhor no meu notebook, o que me fez amar demais essa distro.

Porém em comparação a todas essas distros, o Windows conseguiu rodar melhor os sites e programas que uso…

1 Curtida

Existem distros modernas que conseguem rodar bem em seu hardware, se desejar e me permitir posso te sugerir algumas.

2 Curtidas

Opa, eu adoraria. O fato de eu estar usando um sistema operacional que já não tem mais suporte há um bom tempo acaba me fazendo ter receio, sem contar o fato de que o Windows 7 não me dá tantas opções de personalização quanto uma distribuição do Linux (o que é algo que eu gosto muito de fazer).

1 Curtida

Então lá vão elas:

  1. Q4OS (procura reproduzir a experiência do Windows XP, para o seu caso tem que ser a versão com Trinity Desktop):

https://q4os.org/

  1. AntiX:

https://antixlinux.com/

  1. Sparky:

https://sparkylinux.org/

  1. DebianDog (tem opção com várias interfaces gráficas, assim como o Sparky):
    Home
2 Curtidas

Logo de cara gostei desse Q4OS, vou dar uma olhada nos outros e me decidir qual vou testar (isso se não acabar decidindo que vou testar todos). Desde já muito obrigado! :grinning_face_with_smiling_eyes:

1 Curtida

Sobre o Windows 7 rodar bem, meu primeiro notebook da eMachines tinha hardware semelhante e apesar de modesto rodava muito bem no Windows 7 Starter e Ultimate, provavelmente pela otimização. Na época, lá por volta de 2009, testei o Ubuntu, e o desempenho dele só era pleno quando eu instalava o driver proprietário adicional da AMD com a ferramenta própria do Ubuntu, pode ser isso.

2 Curtidas

Faça isso. Sou fã dessa distro. Tem uns vídeos legais aqui mostrando ela:

2 Curtidas

O Ubuntu, em todas as versões que eu instalava, me dava opção de instalar o driver da AMD. Eu instalava mas acabava mudando nada (nada que fosse perceptível aos meus olhos). Já no Lubuntu e no Linux Mint, eu ia na opção de procurar drivers e ele não resultava em nada, como se os drivers já estivessem instalados. Sou relativamente novo no mundo Linux, então não entendo bem coisas desse tipo. :thinking:

1 Curtida

Entendo. Faça os testes, você não tem nada a perder e tem muito a ganhar.

1 Curtida

Já estou aqui baixando o Q4OS, bora ver no que dá :smile_cat:

1 Curtida

Eu adoro o Q4OS! É um Debian facilitado!

Instalei o Q4OS 3.x de 32 bits num netbook fraquíssimo, que veio de fábrica com WinXP, e deu super certo. E a vantagem é que o ambiente gráfico leve que vem com ele, o Trinity, é bem completo e fácil de usar. Muitas distros leves, que recorrem a Window Managers, não são fáceis para usuário leigo ou acostumado a Mint, Lubuntu, Xubuntu etc., mas no Q4OS a “aclimatação” é tranquila.

Tenho aqui em casa uma versão com KDE Plasma (estou usando a baseada no Debian 11, em que o Plasma está na versão 5.20.5), e logo após o boot não consome nem 500 Mb de RAM, isso com o Plasma no padrão, cheio dos efeitos.

2 Curtidas

Por isso eu recomendei, vendo o perfil dele e o tipo de máquina, penso ser uma opção adequada porque vai ter a estabilidade e suporte a hardware antigo do Debian em uma embalagem user-friendly, uma interface gráfica (DE) leve e com ares de antiga (inspirada no KDE 3), porém completa e que além de não consumir muitos recursos do hardware vai permiti-lo usufruir de tudo o que um sistema operacional atual oferece.

2 Curtidas

E o Q4OS vem com um instalador de ambiente gráfico que funciona com três cliques. Dá para passar do Trinity para Plasma, LXQt, LXDE, XFCE, Gnome e, até, Cinnamon e Budgie.

2 Curtidas

Sim, ele tem aquela caixa de instalação “Next, Next, Finish” igual ao Windows. Super intuitivo para quem vem do Windows.

2 Curtidas

E então, testou?

1 Curtida

Testei o Q4OS (Trinity), o SparkyLinux (LXQT) e o BionicDog. O Q4OS ficou com o desempenho bem ruim aqui, não sei o porquê. Demorava pra abrir o navegador, pra carregar as páginas, e ocorriam travamentos até nos programas que viam por padrão (gerenciador de arquivos, editor de texto, etc.), então acabei indo para o SparkyLinux.

O Sparky eu optei em instalar a versão LXQT pois imagino que é mais leve que a versão XFCE. O desempenho foi parecido com o Lubuntu com LXQT (que aliás eu acho o LXDE bem melhor), ou seja, não foi tão bom… não ficou tão ruim quanto o Q4OS, porém como eu já tive uma experiência quase igual com o Lubuntu, optei por ir para o BionicDog. Esse aí eu não consegui passar nem da instalação, pois achei muito confuso e, durante a execução do modo live, não consegui sequer me conectar ao Wi-Fi daqui de casa.

Não testei o AntiX pois já estava bem tarde e tive que voltar para o Windows 7 pois compartilho o notebook com minha mãe durante a manhã, e então não posso deixar o notebook sem um sistema operacional.

Agradeço pelas recomendações, mas tô começando a achar que, baseando no meu uso, meu notebook não vai conseguir se dar bem com o Linux. :confused:

1 Curtida

Seu processador é 32 ou 64 bits?

1 Curtida