Web Engine open source Servo estará hospedado na Linux Foundation

A Linux Foundation anuncio nesta terça-feira (17) que agora irá hospedar o projeto open source de Web Engine Servo. O anuncio foi feito no site da fundação pelo Diretor Criativo, Craig Ross e a íntegra você pode conferir aqui.

Para quem não tá “ligando o nome a pessoa”, os Web Engines são um dos principais componentes dos navegadores e que são responsáveis pela renderização dos conteúdos em HTML que são exibidos nas telas dos PC’s e Smartphones. Temos alguns webkits famosos para o desenvolvimento como o WebKit da Apple, Blink do Google e o Gecko da Mozilla.

Como surgiu o projeto Servo

O projeto Servo surgiu em 2012 com a Mozilla dando o “pontapé inicial”, e assim juntando esforços com a comunidade para criar um novo Web Engine open source e que pudesse tirar o máximo de proveito dos hardwares multicore, assim dando mais velocidade, estabilidade e maior tempo de resposta na navegação do usuário.

O Servo é feito através da linguagem de programação Rust dando assim mais velocidade, Sistema de histórico para segurança e paralelismo dos processos. Além disso a indústria está dando o suporte necessário para a tecnologia com empresas como Futurewei, Let’s Encrypt, Mozilla, Samsung, Three.js e entre outras.

O que os envolvidos acham?

Tivemos declarações das três (3) partes dessa manobra, vindo tanto do projeto Servo, quanto da Linux Foundation e da Mozilla.

Começamos com o Presidente técnico do projeto Servo, Alan Jeffrey, que disse o seguinte:

”O histórico que a Linux Foundation tem em dar hospedagem e suporte para as tecnologias open source mais onipresentes no mundo, torna ela naturalmente a casa para o crescimento da comunidade Servo e o aumento do suporte à plataforma. Há muito trabalho para ser feito no desenvolvimento e também em oportunidades para nosso Comitê de Direção Técnica Servo considerar, e sabemos que esse modelo de colaboração do open source entre setores nos permitirá acelerar as prioridades mais altas para desenvolvedores da web.”

Tivemos também a fala do Diretor de Operações da Mozilla, Adam Seligman, que falou:

”A Mozilla é uma campeã do movimento open source, que vem trabalhando para unir as comunidades apaixonadas em construir softwares que mantenham a Internet aberta e acessível a todos. Estamos satisfeitos em ver Servo se formar na Mozilla e passar para a Linux Foundation, onde sabemos que essa tecnologia continuará a prosperar e a impulsionar a inovação baseada na web no futuro.”

Por fim tivemos a declaração do Vice-Presidente Sênior e Gerente Geral de Projetos na Linux Foundation, Mike Dolan dizendo o seguinte:

”Servo é o Web Engine mais promissor, moderno e aberto para a criação de aplicativos e experiências imersivas usando tecnologias da web, e isso tem muito a ver com a linguagem de programação Rust. Estamos entusiasmados em apoiar e manter este importante trabalho nas próximas décadas.”

Se você quiser saber mais sobre o projeto Servo e deseja contribuir de alguma forma, basta acessar o site deles aqui.

Nos vemos no próximo post, forte abraço! E confira nosso Feed RSS

1 Curtida