Ubuntu Asahi - Utilize a distro em computadores Apple M1 e M2

O projeto Asahi, mediante engenharia reversa, está levando o Linux a computadores Apple com os novos chips proprietários M1, M2 e seus sucessores. Além de adotar a arquitetura ARM, os chips da Apple possuem outras peculiaridades, como a integração de memória RAM e uma poderosa GPU, sem a necessidade de um sistema avançado de arrefecimento.

Até então, as distros suportadas oficialmente são o Arch Linux e mais recentemente, o Fedora, entretanto, Tobias Heider, engenheiro da Canonical, está trabalhando num suporte - ainda não oficial - ao Ubuntu 22.04 LTS, Ubuntu 23.04 e em breve, Ubuntu 23.10, incluindo dual-boot obrigatório com o macOS, afinal, o sistema da Apple é necessário para atualizações de firmware.

A intenção é oferecer um sistema Ubuntu completo e totalmente funcional para computadores Apple Silicon. Este esforço poderá ainda facilitar a portabilidade de sistemas baseados no Ubuntu.

Mas afinal, como o Ubuntu lida com o notch da tela dos computadores Apple? Basicamente ele corta toda a parte superior para manter o aspecto e não perder nenhum elemento da interface, entretanto, desenvolvedores de interfaces, como GNOME e KDE, podem optar por lidar com esta particularidade dos computadores Apple.

Fonte

4 curtidas