[RESUMO] Minha experiência com Linux esse mês: voltei com tudo (Fedora / OpenSUSE TW / Debian)

Boa tarde meus amigos! Estive usando Debian 12 no meu notebook secundário por aproximadamente 6 meses sem problema algum. Em vista disso, resolvi colocar Linux no meu notebook primário e no meu desktop. Vou contar minha experiência!

Comecei pensando: 6 meses com o Debian 12 no meu notebook fraco e nunca deu nenhum problema, adoro usar ele, amo a interface GNOME e quero muito abandonar o Windows (parcialmente) por causa da sua chatice de interface.

Resolvi então começar pelo meu notebook Dell Inspiron 5490 i7 16GB / 480GB.
Fiz dual boot com o Windows por ainda querer “testar” qual Linux eu iria me dar bem.

Instalei Fedora pois sempre ouço falar bem dele e usei a 37 e foi fenomenal comigo. Infelizmente bugou muito. Reinstalei e nada resolvia. O sistema ficava irresponsivo e travava toda interface. Nem ao menos fazia logoff.
Diante disso resolvi procurar outra distro “bleeding edge” e me deparei com OpenSUSE Tumbleweed. Resolvi tentar.
Primeira coisa que me chamou a atenção foram os snapshops configurados por padrão. Isso é uma mão na roda gigante (pois pelo que pesquisei, configurar o BTRFS com snapper no Debian, por exemplo, é extremamente complexo e não tenho esse conhecimento).
Instalei na VM e quebrei o sistema de propósito. Simplesmente dei boot numa snapshot anterior e fiz um rollback e tudo voltou a funcionar perfeitamente, achei maravilhoso. Então resolvi instalá-lo no SSD há 5 dias e não tive problemas. O notebook tem APU com NVIDIA, instalei os drivers e não tive nenhum problema, inclusive usando o Wayland.
Pelo que percebi, se não tiver nenhum problema “grave”, esse vai ser meu sistema do notebook primário a partir de agora. A experiência “bleeding edge” dele é maravilhosa.

Já no meu desktop (Ryzen 3600 / GTX 1660 Super) resolvi colocar o OpenSUSE TW também, porém a experiência não foi a mesma. No terceiro dia já deu uns problemas com o gráfico, glitches, travamentos, etc. Fui obrigado a removê-lo já que não tenho conhecimento e não queria ficar procurando soluções para isso.
Tentei X11 e Wayland e dava bastante erro, mesmo antes do sistema subir, enquanto aparecia os logs.

Com isso, resolvi colocar o Debian 12 também (que já conheço e considero um sistema incrível) no desktop. Foi uma maravilha! Infelizmente com a última atualização do Kernel não consegui instalar os drivers da NVIDIA, porém estou usando o nouveau sem problemas por enquanto (não jogo e não mexo com gráficos pesados, tipo edição de vídeo/foto). Espero que esse problema seja resolvido logo.

Infelizmente no desktop ainda sinto necessidade de alguns softwares do Windows que não há alternativas ou não se encaixam para mim no Linux. Por isso deixei com Dual Boot. Porém instalei o Win10 numa máquina virtual dentro do Debian usando o Virtual Box e consegui mexer em tudo que queria lá sem problemas, com uma fluidez mais do que aceitável. O que me leva a crer que breve retirarei o Windows do SSD, mantendo apenas o Debian 12 com o Win em VM.

Desculpem o post extenso, porém fico muito feliz com o progresso usando Linux, e a comunidade aqui sempre ajuda então quis compartilhar minha felicidade com vocês! :heart:

Segue algumas imagens:


Primeiro teste com OpenSUSE Tumbleweed no notebook em VM


Momento em que estava instalado OpenSUSE TW no notebook e desktop


Debian atual do desktop com Win em VM

6 curtidas

@JulioMarin, obrigado por dividir conosco sua experiência!

Fedora é um mistério. Para uns, funciona excepcionalmente bem, enquanto para outros é sofrimento. No canal Diolinux temos vídeo em que o Dio conta e mostra altos problemas ao tentar instalar a edição 32, e me lembro de bate-papo no Diolinux Labs em que o Eddie Silva conta sua falta de sorte com o Fedora, em contraste com a boa experiência do Raul Craveiro.

3 curtidas

Ahh, não sabia disso! Mas que pena! É uma distro muito boa quando ocorre tudo bem. Infelizmente não foi meu caso com a 39.

Apesar dos “apesares”, eu estou MUITO contente com o desfecho dessa semana, praticamente aprendi o que aprenderia em um ano se não fosse fuçar intensamente como fiz. E claro, sempre com a ajuda da galera aqui e os vídeos do Dio!

Como uso Win faz uns 20 anos, eu sou muito dependente dele, mesmo usando Linux a um tempo já, porém nunca foi como sistema primário.
Eu estou super ansioso para limpar meu SSD do desktop e deixar apenas com o Debian 12, estou esperando esse “bug” da NVIDIA ser corrigido, espero não demorar muito.
Volto com mais notícias, obrigado por serem um fórum tão aberto ao público leigo assim como eu. Abraços e bom carnaval!

2 curtidas

Também tenho problemas com o Fedora, aqui na empresa, ano passado tinha 5 máquinas novas que instalamos ele, em 2 meses todas elas deram problemas, parece que o Fedora se auto-corrompe em alguns hardwares, hoje elas estão com o OpenSuse Tumbleweed, e isso já faz mais de 1 ano e tudo está funcionando bem.
Em casa uso o Debian 12 em um Core i5 de quarta geração e é maravilhoso, principalmente para programar, nunca falha.

1 curtida

Ah então é exatamente igual eu!
Problemas com Fedora e usando o OpenSUSE TW e Debian. Estou adorando esses dois sistemas. Cada um com seus benefícios: OpenSUSE TW extremamente atualizado e relativamente estável e Debian super estável e confiável. O melhor dos dois mundos!

Placas da Nvidia combinam muito bem com distros LTS como Ubuntu, Leap, Debian já que não sofrem alterações grandes no kernel, ou quando ocorre são testadas (caso do Ubuntu LTS), nas demais distros é muito passável de problemas principalmente distros RR como Tumblweed e Arch.

Recomendo usar o Virt-Manager para gerenciar VMs, desempenho gráfico é melhor que no Virtual Box.

2 curtidas

Infelizmente a última atualização do Debian 12 (12.5) quebrou o driver da Nvidia. Estou esperando arrumarem, por enquanto to sem driver da Nvidia.

Então, como eu uso para o básico, acho o Virtual Box melhor de usar. Fácil instalar os Virtual Box Guest Additions com um click, clonar máquinas, instalar e remover OS com pouquíssimas configurações.
Porém eu sei o poder do Virt-Manager, infelizmente não me sinto “pronto” ainda para usar ele, mas no futuro quero migrar! Obrigado pela dica.

2 curtidas

Também estou em processo de migração/adaptação, ainda usando dual boot devido algumas necessidades no Windows. Para mim, a escolha foi o Pop!_OS, gostei muito do sistema, esperando ansiosamente sair o Cosmic pra ver como vai ficar. @JulioMarin quais foram os softwares que você não conseguiu substituir no Linux?
Eu ainda tou me batendo muito com planilhas de Excel com Macro bem complexas que eu tenho, além de algumas coisas que só funcionam no Windows.

1 curtida

Foi a atualização de final de semana, ela costuma quebrar algumas coisas do Virtual box também, até o próximo final de semana deve ser corrigido.

Os principais foram Photoshop (consigo fazer a mesma coisa no Gimp, mas demora muito mais e é muito chato pra mim mexer nele, não consigo me acostumar com a usabilidade e interface dele) e os outros são o iTunes e um software chamado Sifidy, uso ele para baixar as músicas que tenho no Apple Music para meu SSD já com as ID3 Tag configuradas.
Pra mim esses softwares são indispensáveis e não rodam nem no Wine.

1 curtida

Sim, foi essa mesmo.
Saiu no dia que instalei o Debian, aí fui instalar o driver da Nvidia deu altos paus, achei que tinha ferrado o sistema kkkk por sorte tá tranquilo. Só tá sem o driver mesmo.

No Virtual Box tá tranquilo, inclusive editei umas imagens no Lightroom sem problema algum usando o driver nouveau, o que acabei achando impressionante (não sei se faria diferença ter o driver da Nvidia usando o Virtual Box, mas a experiência de edição foi satisfatória demais)

Já tentou usar o PhotoGimp? É uma adaptação feita no visual do GIMP pra ficar com os mesmos controles do Photoshop, ajuda quem já vem dos programas da Adobe, é do próprio Diolinux esse projetot:

PhotoGIMP - Github

2 curtidas

Tem dois anos desde o último update, será que ainda funciona?

https://bugs.debian.org/cgi-bin/bugreport.cgi?bug=1062932
Nas próximos horas algum patch já vais estará a caminho.

1 curtida

Ae sim!! Que bom, obrigado pela info!
Até tava acompanhando esse post e alguns do Reddit, mas nossa, é muito complicado a estrutura desse post do Debian kkk me perdi na metade, nem sabia mais o que tava acontecendo ali KKKKKKKKKK

No caso, o arch tem o kernel linux-lts no repo então acho que deva ser a melhor opção.

Já usei várias distros e não gostei do fedora ele da muitos bugs no meu Pc. Aí estou usando atualmente o mint 21.3 , estou achando ele muito melhor que o Ubuntu. Sistema simples, mas trás segurança e também foi pensando para usuários de windows. Que a equipe que desenvolve o mint continue assim. Pq o sistema é show!

1 curtida

O Mint é excelente! Só não uso ele porque cansei da interface tipo Windows. Amo usar o Gnome, pra mim deixa o uso mais fluído.
Mas não posso negar, realmente o Mint ele é tudo de bom pra quem tá migrando do Windows, não falta nada, é fácil de mexer e super estável.