Qt 6: O que há de novo?

Confira o post completo no blog: https://diolinux.com.br/noticias/qt-6-o-que-ha-de-novo.html

O Qt é um framework muito utilizado para desenvolvimento de aplicações e interfaces gráficas que recentemente recebeu uma grande atualização. Venha conferir as novidades do Qt 6

8 curtidas

Minha mente explode :star_struck: QT 6 ou GTK 4 :thinking:, otimas noticias para esse final de ano.

3 curtidas

Resumindo
Gnome vs KDE

2 curtidas

Será que algum dia seria possível a equipe do GTK e a do QT se unirem e unificarem as duas? pra mim tendo um único Toolkip gráfico seria muito melhor a todos.

1 curtida

Acho difícil, já que os dois projetos tem visões MUITO diferentes.

1 curtida

Olha que interessante, tenho um projeto originalmente feito em Qt 4, pra migrar pro Qt 5 eu tive que readequar os #include, agora pro Qt 6 eu tive que adequar o type casting (coisa do C++) e mudar QList para QVector… Se deu 5 linhas modificadas de código mesmo foi muito, acho isso incrível

3 curtidas

Isso é improvável, embora os devs de ambas as plataformas eventualmente tomem um chopp no final de semana, o código (e o objetivo) são de Universos diferentes, Qt conversa com GTK mas o contrário não é possível por decisão do projeto GTK, não é bom nem ruim, só torna improvável uma junção dos dois

2 curtidas

Uma pena… Mas qual o Objetivo diferente? as duas não querem trabalhar com visual gráfico para usuário final? ainda acho que seria melhor se fosse uma coisa só.

1 curtida

Qt é um framework enquanto GTK é um toolkit, é como se GTK fosse uma caixa de ferramentas básica e o Qt fosse uma oficina inteira com uma caixa de ferramentas que você pode usar ou só usar as outras coisas que a “oficina Qt oferece”

O que mata é que os projetos tem visões completamente diferentes, pra não dizer opostas, enquanto Qt faz modificações internas mantendo o máximo de compatibilidade possível a nível API, já GTK é o oposto, por vezes nem tem tanta mudança interna que justifique mudar um método a nível API, mas ainda sim mudam a API… por outro lado o design do GTK é impecável bonito pakas enquanto o Qt é bem… feio, dá pra corrigir com temas (sim o Qt ao contrário do GTK suporta temas reais) mas o padrão é feio que dói… seria bom a mentalidade do Qt e o designers do GTK no mesmo projeto, mas como os dois (mentalidade e designers) são correlacionados é bem improvável (pra não dizer impossível) disso acontecer


Off topic:

Quando eu digo que Qt conversa com GTK, saca só esse código:

#include "gtk/gtk.h"

int main(int argc, char *argv[])
{
    GtkApplication *app;
    int status;

    app = gtk_application_new(argc,argv);

    GtkWidget *window;
    GtkWidget *button;

    window = gtk_application_window_new (app);
    gtk_window_set_title (GTK_WINDOW (window), "Window");
    gtk_window_set_default_size (GTK_WINDOW (window), 200, 200);

    button = gtk_button_new_with_label ("Hello World");
    gtk_window_set_child (GTK_WINDOW (window), button);

    gtk_window_present(GTK_WINDOW (window));

    status = g_application_run(G_APPLICATION (app), argc, argv);
    return status;
}

Naturalmente vc pode pensar que se trata de um demo GTK, mas olha esse repositório

4 curtidas

Nesse código aí tem duas coisas que acho muuuuito mal feito no GTK, e não sei como nunca arrumaram isso, e continuam replicando em código novo.

Code Smell

GTK_WINDOW (window)
G_APPLICATION (app)

Isso é mal feito de tantas maneiras que nem tenho vontade de explicar, programadores entenderão!

2 curtidas

Também nunca vi um real motivo pra isso mas considerando o desprezo por estabilidade de API que eles tem, deve ser algo muito sério

2 curtidas