Pedi suporte ao EasyAntcheat para suportar Proton da Valve

Neste tweet: https://twitter.com/gsaraivaoficial/status/1387090816104116225
Quem quiser da um retweet para conseguimos alguma notoriedade.


Esse deve aqui Guy1524 · GitHub já conseguiu fazer o Paladins da Hi-Rez Studios rodar no Wine e recente mente tive noticias que ele voltou a trabalhar nisso, espero um dia esse game e outros que usam o Mesmo Antcheat rode de forma oficial pelo Proton ao menos.
Tenho que mencionar, a Valve tem apoiado o Linux cada vês mais e isso é muito bom.

4 Curtidas

Após o lançamento do Steam Play 2.0 (Proton), a empresa responsável pelo Easy Anti-Cheat havia dito que iria colaborar com a Valve para que o anti-cheat passasse a ser compatível com Proton, mas alguns meses depois, a Epic Games comprou a empresa, e desde então não tivemos mais pronunciamento oficial sobre o andamento desta compatibilidade.

Eu não crio expectativas sobre EAC e Linux, visto que o hipócrita do Tim Sweeney (Fundador e CEO da Epic Games) não gosta de Linux, inclusive ele disse que instalar Linux é equivalente a se mudar para o Canadá, e um ano depois, disse que Linux é ótimo.

Aqui estão “apenas alguns trechos chaves” sobre o andamento do EAC e Linux, publicados pelo GamingOnLinux.

Maio de 2019

“Acabei de ser alertado de algo que é muito preocupante, de acordo com Garry Newman do Facepunch Studios, o Easy Anti-Cheat está “pausando” seu suporte ao Linux.” - Liam Dawe (Dono do GamingOnLinux)

Ainda em Maio de 2019

Liam Dawe descobriu que eles não estavam interrompendo o suporte nativo oficial para Linux, e que a notícia de Garry Newman, da Facepunch Studios, afirmando “A EAC está pausando seu suporte ao Linux” não estava certo.

Aqui está o e-mail da Epic Games, respondendo Liam Dawe:

“Agradecemos seu contato! Desculpe ver toda a confusão neste tópico.
Os comentários de Garry refletem as decisões de priorização do dia a dia entre os problemas anti-cheat em todas as plataformas que oferecemos suporte. Essas compensações contínuas de prioridades não significam que haja qualquer mudança no desenvolvimento a longo prazo de nosso anti-cheat no Linux, e continuamos comprometidos em fornecer o suporte necessário para o Linux como plataforma de jogos.”

Julho de 2020

“Com o atual esforço de desenvolvimento em andamento da comunidade para fazer o Easy Anti-Cheat funcionar nas camadas de compatibilidade do Wine/Proton, eles alcançam continuamente novos marcos.”

Agosto de 2020

“Atualmente não há notícias para compartilhar sobre o status do suporte Easy Anti-Cheat para o Proton. O trabalho não-oficial que parecia inicialmente excitante teve um grande revés quando o EAC foi atualizado e quebrou tudo. Essa é apenas uma das muitas montanhas que essa camada de compatibilidade precisa superar de alguma forma.”

Novembro de 2020

“Pierre-Loup Griffais (Desenvolvedor da Valve) mencionou que o trabalho do Kernel “não tem nada a ver com anti-cheat” e, em vez disso, é para anti-adulteração e DRM funcionarem corretamente, ao mesmo tempo que mencionou o suporte anti-cheat adequado “ainda está muito longe e precisará do suporte do fornecedor”. Isso por si só vai ser um ponto sensível por muito tempo para títulos multiplayer executados na camada de compatibilidade do Proton.”

Até o instante momento, não houve mais novidades sobre EAC e Linux.
Para os interessados, aqui está a página dedicada ao Proton/SteamPlay do site GamingOnLinux.

Como pôde perceber, fazer o EAC ser compatível com Wine/Proton soa muito trabalhoso, e logo quando recebemos uma notícia positiva em relação ao EAC progredir com Wine/Proton, bastou uma atualização de EAC para quebrar toda a compatibilidade, assim retornando a estaca zero.

E como o próprio Pierre-Loup Griffais (Desenvolvedor da Valve) disse, “precisamos do suporte do fornecedor”, ou seja, enquanto não tivermos um real apoio da Epic Games (já que o EAC pertence à eles), não temos ideia de como isso será tratado, nem quando irá subir para Wine e Proton.

3 Curtidas

Obrigado pela pesquisa, muita cosia que eu não fazia ideia, Sobre este artigo aqui: More progress on Easy Anti-Cheat in Wine / Proton coming | GamingOnLinux em especifico eu cheguei nela através de uma gameplay de Apex Legends.
É triste saber disso pois a EpicGames agora é uma concorrente da Steam e com isso estreita ainda mais a questão principal que é a falta de apoio por Parte da EpicGames.
Mas mesmo assim eu ainda vou continuar a gritar por ai e dizer que é necessário sim o suporte.

1 Curtida

Sim, e talvez é disso que precisamos, fazer barulho para mostrar que há clientes interessados.

Nessa parte você pode ficar tranquilo, pois esta empresa ainda está muito longe de ser considerada uma concorrente.

A loja sem carrinho Epic Store é apenas uma página do site Epic Games, cuja loja não possui 30% dos recursos Steam, é metida em polêmica de roubo de dados de seus usuários, superaquece CPUs ao abrir a loja, e vivem comprando exclusividade temporária de jogos, achando que desta forma conseguirão competir com a Steam.
Talvez ela consiga daqui uns 10 ou 15 anos, até lá a Steam vai ter que errar muito.

E para mostrar que o meu repúdio por essa empresa não é gratuito, aqui está uma lista sobre Tudo de errado com a Epic Games, apresentando diversas palhaçadas e práticas anti-consumerismo.

A lista é de 2019, portanto se encontra desatualizada.

1 Curtida

Eu só pego joguinho gratuito na Epic, meu dinheiro vai tudo para a Steam, logo logo vou comprar DLC para cities skylines na Steam.

4 Curtidas