NVIDIA lança a nova versão do seu driver Beta com Vulkan

Nesta terça-feira (15/12/2020) tivemos mais uma atualização para o driver Beta da NVIDIA com suporte ao VULKAN com adição de suporte a algumas extensões para a API, além de correções e melhorias para outras funções, como para a tecnologia PRIME presente nos “terríveis” laptops híbridos.

Extensões VULKAN adicionadas

Nesta nova versão foi adicionado o suporte para algumas novas extensões para o VULKAN, e elas foram:

  • VK_KHR_acceleration_structure extension.
  • VK_KHR_ray_tracing_pipeline extension.
  • VK_KHR_ray_query extension.
  • VK_KHR_pipeline_library extension.
  • VK_KHR_deferred_host_operations extension.
  • VK_NV_fragment_shading_rate_enums extension
  • VK_KHR_fragment_shading_rate extension.
  • VK_KHR_shader_terminate_invocation extension
  • VK_EXT_shader_image_atomic_int64 extension.
  • VK_KHR_copy_commands2 extension.

O que foi adicionado, removido e corrigido

Nesta versão foi adicionado um “bocado de” suportes (além das extensões já citadas), como bem foi removido outras e corrigidos alguns bugs. E eles foram:

  • Adicionado suporte para a GPU RTX A6000
  • Adicionado suporte RandR rotation and reflection quando usado o driver da NVIDIA como um PRIME Display Offload.
  • Adicionado suporte para “Reverse PRIME Bypass”, uma otimização que ultrapassa a largura de banda do PRIME Render Offload e PRIME Display Offload em condições em que uma aplicação de renderização offload é fullscreen, dessincronizada e visível apenas em uma determinada saída do PRIME Display Offload comandado pela NVIDIA. O uso da otimização é informado no log X quando o registro completo é ativado no servidor X. (esses dois últimos suportes adicionados são referentes para o pessoal das híbridas.)
  • Corrigido um bug que impedia que resoluções de tela em escala configuradas através do nvidia-settings fossem relatadas pelo RandR.

A release com todas modificações você pode encontrar aqui e aqui.

Falando em Vulkan, no mesmo dia tivemos uma nova versão do SDK da API, que chega agora na versão 1.2.162.0 com o ray tracing sendo suportado juntamente com o Validation Layers. No anúncio começa assim:

“A LunarG lançou o Vulkan Software Development Kit (SDK) versão 1.2.162.0, com suporte total para as novas extensões do Vulkan Ray Tracing, incluindo Validation Layers e integrando as novas ferramentas GLSL, HLSL e SPIR-V shader atualizadas. The Khronos open source Vulkan Samples e o Vulkan Guide foram atualizados para ilustrar as técnicas de ray tracing. Finalmente, com o envio dos drivers de produção tanto da AMD quanto da NVIDIA, os desenvolvedores agora estão habilitados a integrar facilmente o Vulkan Ray Tracing em suas aplicações.”

Também tivemos a declaração de Daniel Koch, senior graphics system software engineer na NVIDIA e na Khronos Vulkan Ray Tracing TSG. Ele falou o seguinte:

“O envio das especificações da API foram apenas o primeiro passo na construção do ecossistema de desenvolvimento para o Vulkan Ray Tracing, agora temos ferramentas e amostras para realmente permitir que os desenvolvedores aproveitem o poder da aceleração do ray tracing em cross-platform. Uma das principais solicitações da comunidade de desenvolvedores foi a capacidade de trazer facilmente o código DirectX 12 ray tracing (DXR) para Vulkan. Conseguimos isso através da entrega de um superconjunto cuidadosamente projetado de DXR e da integração do suporte Vulkan Ray Tracing no compilador HLSL de código aberto DXC”.

E o comunicado, que você pode conferir aqui, ainda diz que “Através do projeto do Vulkan Ray Tracing, projetos como o vkd3d-Proton serão capazes de apoiar eficientemente o DXR em camadas sobre o Vulkan.”.

Nos vemos no próximo post, forte abraço! E confira nosso Feed RSS

1 Curtida