Nós vamos entrevistar o Will Cooke da Canonical, o que você gostaria de perguntar?

ubuntu
#1

Oi pessoal, tudo certo?

Nós vamos fazer uma entrevista com um dos líderes da divisão Ubuntu Desktop da Canonical, Will Cooke, e eu acho que seria interessante se vocês pudessem participar de alguma forma também.

Por isso, respondam este tópico com perguntas que vocês gostariam de fazer a ele.

Obs: Não posso garantir que todas as perguntas serão feitas ou usadas na entrevista, mas é interessante termos um noção de, pelo menos, onde a maior parte das dúvidas e questionamentos residem, criando quase que um FAQ.

É a sua chance, bora lá? Comente :slight_smile:

6 Likes

#2

Pergunta: Aparentemente a visão de Desktop do Ubuntu diverge um pouco do que os desenvolvedores do gnome-shell querem para o Ambiente Desktop. A equipe do Ubuntu pensa em algum momento desenvolver realmente um fork assim como foi o unity visto que poderá ter mais controle sobre como seu Desktop se comportará?

8 Likes

#3

Pergunta: Quando teremos um Ubuntu Rolling Release?

11 Likes

#4

Minha pergunta é: Por que não se tem (ou pelo menos nunca vi) marketing (Comerciais de TV, anúncios em redes sociais, etc.) do Ubuntu para desktop? O marketing não seria uma boa forma de atrair novos usuários e fortalecer a imagem do Ubuntu e da Canonical no mercado? :thinking:

9 Likes

#5

Pergunta se pretendem colocar o Global Menu novamente

1 Like

#6

Eu perguntaria o seguinte:
As gingantes do setor, Google e Microsoft, cada vez mais miram nos serviços e aplicações. A Red Hat, recentemente comprada pela IBM, também tem seu foco nas aplicações e serviços. Como a Canonical vê essa movimentação em direção aos serviços e aplicações e ao Cloud Computing, Cloud Storage? Ela tem projetos de fazer o mesmo, seguir a tendencia, ou acredita que essa migração adotada pelas gigantes abrirá espaço para que a Canonical cresça com a distribuição de SOs e/ou serviços direcionados à um público alvo, ou a algum nicho específico de mercado?

1 Like

#7

Pergunta:

Sabendo que uma das principais características que mantiveram a permanência dos Desktop’s e notebooks entre os desejos de consumo das pessoas é a industria dos games (visto que os celulares reinam absolutos em questão de mobilidade), existe algum plano da Canonical - a referencia junto com a RedHat em opensource - de parceria com NVidia e/ou Amd/Intel para trazer suporte oficial de drivers as distros de kernel Linux em especial placas hibridas?

4 Likes

#8

Existe alguma proposta oficial de uma supergigante tecnologica - Microsoft, IBM, Apple - para compra da Canonical? E como vocês vêem a escalada do windows em direção ao Linux, seria isso um indicio que a Microsoft se prepara para englobar essa nova fatia de mercado, visto o crescimento exponencial de usuarios de OS com Kernel Linux (Atualmente 4% da fatia do mercado)?

3 Likes

#9

Supostamente a canonical iria trazer uma nova cara ao gnome-software, ainda está nos planos da canonical?

3 Likes

#10

A algum motivo para n ter usado o gnome vanilla

2 Likes

#11

Uma das maiores críticas ao Linux é a sua fragmentação (divisão de esforços) de projetos. Quando tratou-se sobre unificar os instaladores de aplicativos (colocando-os em containers), a Canonical optou por rejeitar o Flatpak e criar o Snappy… O por que desta atitude? A comunidade Linux não ganharia mais, ao juntar esforços em prol do Flatpak?

6 Likes

#12

Como o Ubuntu é a distribuição Linux mais famosa…a maior parte das pessoas que procuram aprender a usar o Linux, na maioria das vezes, vai escolher o Ubuntu. Convenhamos…as distribuições Linux hoje, são mais out of the box que o windows até…mas não significa que as pessoas consigam instalar com facilidade e graficamente tudo aquilo que elas querem e precisam. Seria muito bom se o Ubuntu tivesse uma loja de aplicativos mais completa justamente para facilitar a entrada e adaptação desses usuários recém chegados. A pergunta: Tem algum esforço por parte da equipe do Ubuntu para ter uma loja de aplicativos mais atraente e tão sortida quanto a do Deepin e para facilitar ao máximo a instalação de drivers atualizados…pelo ao menos. Isso falo para os novos usuários. Tentando facilitar a entrada desses novos usuários. Na minha opinião hoje distribuições como Deepin e manjaro são até mais fáceis que o Ubuntu/mint…pelo ao menos graficamente.

1 Like

#13

Tenho duas perguntas.

1 - Alguma chance de termos uma versão rolling release do Ubuntu?
2 - A Canonical pretende substituir o APT pelo Snap no futuro?

4 Likes

#14

Ja adiantando a segunda pergunta rsrs. Nao passou de boatos, saiu ate matéria no blog.

1 Like

#15

Estou ciente, minha pergunta não tem relação com aquela blueprint.

1 Like

#16

Então estaria em relação a q??? Pq o único lugar q saiu isso foi ali. E fora que no Tweet que esta no post já explica isso. E de um dev que trabalha la dentro.

2 Likes

#17

Creio que a pergunta seja auto-explicativa. A meu ver essa é a intenção da Canonical, tanto que o Ubuntu, por padrão, já contem alguns aplicativos do Gnome no formato Snap, acredito que esses aplicativos estejam ali como forma de teste, para efetivamente substituir o APT pelo Snap no futuro.

Inclusive, eu tinha postado sobre isso antes do Dio Linux.

2 Likes

#18

Ao meu ver o Ubuntu hj já é um “hibrido” de .deb/snap, porém é mais conservador mantendo a maioria das aplicações em .deb. Talvez a pergunta poderia ser também: pretendem aumentar gradativamente o uso de snap’s por padrão no sistema?

2 Likes

#19

Bom, lá vai…

Como é estar sendo lider de uma divisão onde o sistema é basicamente o sistema principal para todas as distros [ou quase] do mundo linux? Vale a pena ser um dos lideres mundiais e também, poder consumir isso de alguma forma?

1 Like

#20

A Canonical avalia que os resultados obtidos do Ubuntu Desktop em termos de uso e críticas é compatível com os esforços para o seu desenvolvimento e manutenção?

1 Like