Nobara 38 remove repositório Fedora flatpak

O Nobara Project chegou à versão 38. Esta distro Linux, baseada no Fedora, é mantida pelo desenvolvedor Thomas Crider, conhecido como Glorious Eggroll e seu foco é dar um suporte melhor a jogos e programas utilizados por streamers, como o OBS Studio. A versão 38 do Nobara melhorou o suporte à instalação do editor de vídeo DaVinci Resolve, que funciona via terminal, com prompts para eventuais ações do usuário. Além disso, ela consegue rodar a versão para Linux do jogo Payday 2, que não é mais suportada pelos desenvolvedores e por isso, é incompatível com versões mais recentes do OpenGL.

Como o nome sugere, o Nobara 38 é baseado no Fedora 38, portanto traz a interface gráfica GNOME 44, com sua taxa de atualização variável que permite interagir com a interface, mesmo durante alta carga de processamento. O GStreamer 1.22 foi modificado para suportar o formato de mídia AV1 e a biblioteca MESA foi feita sobre a versão LLVM 15 em vez da LLVM 16 do Fedora 38, para evitar problemas de compatibilidade com o jogo Team Fortress 2.

Foram feitos ajustes para o Blender funcionar corretamente em sessões Wayland, o Nautilus permite executar arquivos e abrir pasta com permissão de administrador apenas clicando no botão correto do menu de contexto. Todos os repositórios Fedora flatpak foram removidos para evitar a duplicidade, sendo assim, usuários que forem atualizar do Nobara 37 para o 38, precisam antes remover seus flatpaks do repositório Fedora e após atualizar, instalar via Flathub.

4 curtidas

Um nobara cinnamon ou xfce seria tão bom…

sudo dnf install @cinnamon-desktop-environment

sudo dnf install @xfce-desktop-environment

1 curtida