Microsoft anuncia o Edge para Linux em Outubro

Parece que o ano de 2020 vai ser um ano bem “”atípico””, e essa notícia podemos ver isso se concretizar :grin:.

A chegada do navegador Microsoft Edge no Linux era questão de tempo, pois o mesmo quando teve o seu desenvolvimento começado em 2018, era de usar a base do Chromium (que é compatível com o Linux) e assim só faltava alguns ajustes da Microsoft para o Linux, parece que já foram feitos.

E a suspeita de que teríamos uma versão para Linux do navegador foi confirmada um ano depois na conferência da MS, a Ignite de 2019, que em 2020 a versão de Linux chegaria no seu canal de testes (chamado de Preview).

Mas antes da chegada do Edge, outro produto da MS estreou no mundo do Pinguim, foi o MS Teams. No ano passado (2019), fizemos várias postagens sobre a chegada do Microsoft Teams e como ele poderia ser uma termômetro para a empresa em como os seus produtos seria visto pela comunidade, além do Skype, e que poderia acarretar na chegada de mais produtos da empresa de Redmond, como o OneDrive e o MS Office de formas nativas, por exemplo.

Agora em 2020, mais precisamente na data de hoje (22/09/2020) a Microsoft fez o anuncio em seu blog, sobre algumas novidades que ela anunciou no Ignite de 2020 ( que por motivos óbvios foi online), e uma dessas novidades foi a chegada do Edge para Linux em outubro de 2020, no seu canal Insiders (para devs e testes) mas que pode ser usado pelo “usuário comum” também.

Mas uma parte do anuncio que me chamou a atenção foi:

“When it’s available, Linux users can go to the Microsoft Edge Insiders site to download the preview channel, or they can download it from the native Linux package manager. And just like other platforms, we always appreciate feedback—it’s the best way to serve our customers.”

“Quando estiver disponível, os usuários do Linux podem acessar o site do Microsoft Edge Insiders para baixar do canal preview ou podem fazer o download através do gerenciador de pacotes nativo do Linux. E, assim como outras plataformas, sempre apreciamos feedback - é a melhor maneira de atender nossos clientes.”

Essa parte do “the native Linux package manager”, ficou meio vago, pois no Linux temos vários gerenciadores de pacotes, mas tomando como “padrão” dos outros produtos MS no Linux (Skype , Teams , VSCode), creio que esse gerenciador de pacotes nativo seja o Snap (snapd), visto que ele possa ser instalado em todas as distros. Mas aposto que venha também nos pacotes .deb e .rpm.

Para conferir o post completo do anuncio, que contém outras novidades, você pode acessá-lo aqui.

Para mim, isso só mostra que a MS está disposta a quebrar certos “tabus” e colocar os seus produtos e serviços no máximo de sistema possíveis, e o Linux é um deles, que vem ajudando ela em outros projetos, como o Azure por exemplo. Creio também que o último passo dela será em trazer o OneDrive e o Office, assim deixando toda a sua plataforma disponível no máximo de lugares possíveis.

Parece que mais uma previsão acertada hein galera :grin: :joy: .

Nos vemos no próximo post, forte abraço! E confira nosso Feed RSS

2 Curtidas

Posso estar enganado, mas acho que gerenciador de pacotes nativo que você mencionou seja do Flatpak, não o Snap, pois Microsoft Teams tem o Flatpak de forma oficial, não consegui encontrar em Snap. Se eu errei, me perdoe. Escrevi sem pesquisar muito. Kkkkk :sweat_smile:

Ai vc se enganou mesmo kkkk, pois no formato flatpak não é oficial (como visto aqui), igual o snap (visto aqui). E o q eu quis dizer, é que a MS pode adotar o Snap como o “gerenciador nativo para Linux”, mas que to apostando nos formatos ““tradicionais”” .deb e .rpm. Fazer as coisas correndo não ajuda muito, ainda mais pesquisa haha.

1 Curtida

image

Estava falando desse aqui: Flathub—An app store and build service for Linux.
Acredito q seja oficial, pois está escrito que developer é Microsoft Corporation.
Espero que Edge também tenha em Flatpak.
Vlw por me corrigir cara :v:t2:!

Ele não é, pela seguinte frase q tem na descrição: “NOTE: This wrapper is not verified by, affiliated with, or supported by Microsoft Corporation.”, creio q só colocaram que o app principal é feito pela MS e não esse.

Duvido muito, chuto mais em Snap, por causa da parceria com a Canonical.

:v:t2: sempre

1 Curtida

Ah tá, agora entendi. Mas se tiver um Flatpak não oficial msm assim, tô satisfeito :slight_smile:

Os apps da Flathub geralmente são mantidos por publishers não necessariamente por desenvolvedores, olha o desenvolvedor do WPS Office:

Olha quem publicou na Flathub:

Poucas pessoas mantém dezenas (se não mais de 100) de apps na Flathub mesmo sem ter qualquer relação com o programa


Tem apps na Flathub que os devs abominam flatpak (não é o caso do WPS eu acho) chegando ao ponto de fechar qualquer issue que vem de pessoas usando a versão Flatpak

2 Curtidas

O developer é quem criou o software, não necessariamente quem publicou ele no Flathub. Pode ser a própria empresa que desenvolveu, mas nem sempre. :stuck_out_tongue:

2 Curtidas

Vai ser em .deb e .rpm mesmo

3 Curtidas