Linux Mint 20.1 disponibiliza versão beta

Confira o post completo no blog: https://diolinux.com.br/linux/linux-mint/linux-mint-20-1-beta.html

O Linux Mint liberou recentemente uma versão beta de sua próxima versão, apelidada de “Ulyana”. Confira as novidades do sistema.

2 Curtidas

São mudanças pontuais mas que mantém o Mint como opção bastante estável e amigável. E o Hypnotix eu tô testando aqui, já está disponível tanto no flathub quanto no AUR e é legal, mas com poucas opções em português ou castelhano, e apenas europeias. Nada de América Latina.

Esse Hypnotix tá praticamente em versão alpha ainda, tá tudo muito cru.

Com relação a lista de canais do brasil, acho muito difícil achar alguma free. Com essa onda de conteúdo por assinatura a maioria as emissoras privadas vão dar um jeito de colocar seus conteúdos em algum pacote de assinatura. Não vão querer perder a boquinha, não vão divulgar seus produtos via streaming gratuitamente.

os unicos sites de tv online br são ilegais, ai precisa de web scraping pra gerar listas e precisa alterar o codigo fonte do hypnotix pra conseguir rodar esses canais desses sites.

redecanais, topcanais, aovivo.gratis

1 Curtida

E não sei se seria tao necessário, já que temos serviço de TV abertos como o pluto TV, que é um serviço da gigante ViacomCBS, e que esta começando no Brasil com força

Não existe uma ferramenta leve que manipule listas de iptv no linux, essa é a proposta do hypnotix atender esse nicho.

O pluto TV ainda está no começo, com conteúdo pouco relevante ainda… Mas o problema são os hardwares modestos (tablets da ‘XUXA’ e raspberry) e os combo da desgraça. No momento o linux não lida bem aceleração grafica em navegadores.

Assisitir videos com 720p pra cima nesses dispositivos é bem complicado via navegador. Então uma ferramenta que usa o mpv pra assisitir lista iptv acho que pode ser uma alternativa mais viável nesses casos, agora é esperar pra ver como será o desenvolvimento do programa e se vão adiconar uma função CAST to TV, aí sim seria magnifico.

1 Curtida

Seila amigo, o pluto TV com 12 canais tem programação mais relevante que todos os canais da TV aberta e da maioria da TV a cabo… Mas entendo o foco desta aplicação. Só não entendo o Mint estar focando nisso, sendo que, eles têm que melhorar a interface dele, investir em marketing, melhorar site, e tudo mais, que parece estar sendo veementemente ignorado.

1 Curtida

O desenvolvimento do Cinnamon me parece essencial, nisso ele se vende

Sim, e você tem que concordar, que faz um tempo que o cinammon não tem uma evolução boa…

1 Curtida

Não. É uma bela interface, deveria ter tudo pra ser o Plasma do GTK. Mas é pesada, pouco customizável e engessada. Não é a toa que a maioria dos usuários que preferem GTK curtem muito mais o XFCE, por razões óbvias…

Eu gosto do Cinnamon e acho ele ok, mas poderia ser mais fácil a customização e a beleza poderia ser melhor. Por isso estou no KDE, e tá bem melhor. How much blur I want? Yes.

2 Curtidas

Acho que uma das propostas do Cinnamon é de ser assim mesmo (engessado/padrãozão). Não é atoa que o Linux Mint é uma das distros mais escolhidas pelos usuários novatos no mundo GNU/Linux por ser do tipo “KISS”: Keep It Simple Stupid

2 Curtidas

Não teria problema se ela fosse mais leve, mas não é o caso, né?
E ela ser distro de entrada é por uma das virtudes dela, a facilidade de instalar programas, drivers e atualizações, penso

Sim, tanto que foi um dos motivos de eu sair do Mint. Atualmente eu utilizo o openSUSE com KDE, que é BEM mais leve que a Cinnamon e anos luz mais costumizável.

2 Curtidas

Basicamente, a única coisa que faz o Mint ser interessante, é o gestor de atualização dele. Cinammon morreu no tempo, não tem nenhuma evolução considerável, e os deves parecem que estão ignorando o desenvolvimento da interface que é o atrativo do sistema, para continuar desenvolvendo apps que ja existem, não criando nada realmente novo e interessante… Seila, me parece que falta foco no desenvolvimento do Mint…

Acho que o sistema vir engessado de fábrica não é um problema, o problema é não podermos alterar isso de jeito nenhum, não tendo nenhuma ferramenta pra isso. O xfce é meio feio out of the box, mas você consegue até por blur nele se quiser. Não dá pra fazer isso no Cinnamon.

Eu até gosto do Cinnamon, mas sei lá, as vezes eu acho que muitos desktops são apenas mais do mesmo. Só dois mesmo se destacam entre a multidão: Gnome (por ser uma metafora diferente de desktop) e o KDE (por sua customizabilidade, performance, leveza, etc). Não é ofensa a outros DEs, você usa o que bem entender, mas é apenas o que eu acho.

O que eu gosto no Cinnamon é a questão do Mutter dar menos problemas com minha placa nvidia. Mas é assim menos problemas. Não quer dizer que funciona 100%, e principalmente não o tempo todo. Switching to AMD in 5…4…

2 Curtidas