GUITAR RIG 5 no Mint?

Sempre me interessei muito pelo mundo open-source. Usei o Ubuntu em 2006 pela primeira vez e foi como se eu estivesse vendo uma cor que nunca tinha visto! Foi sensacional…

Toco guitarra há mais de dez anos, e há cinco deixei de usar amplificadores para usar uma interface. Claro, usei o Guitar Rig, Amplitube, TH-U, BIAS Fx etc e ficava no Windows só por conta destes programas. Bem, resolvi instalar o Mint mais uma vez (uso o Mint porque não sou o usuário “pro” no terminal, até hoje não sei descompactar tar.gz rs - e nem quero saber, hehehe - e acho ele bem legalzinho) e já estava conformado que não ia conseguir tocar via interface.

E eu estava errado! Fui atrás de como tocar via interface e USB e consegui! Open-source é f*da! Por isso, vim compartilhar com os amigos guitarreiros/baixeiros que querem tocar no Mint (e acho que nos filhos do Ubuntu…) com uma alternativa aos programas que citei.

O Dio já fez uma postagem ensinando como instalar o programa que emulação dos amps, pedais etc, então vou pular esta parte, pois o mais chato é configurar o Jack Audio.

Mas o que é Jack Audio? Segundo a Wikipédia,

JACK Audio Connection Kit é um daemon de servidor de som profissional que fornece conexões em tempo real e baixa latência para dados de áudio e MIDI entre aplicativos que implementam sua API.

Trocando em miúdos, acho que é o Asio4All para usuários dos sabores do Linux. O rolê dele é fazer as ligações entre as interfaces e as DAW/Emuladores. Ele está disponível no Gerenciador de Aplicativos do Mint, basta procurar.


Esta primeira imagem são os parâmetros. A única coisa que fiz foi selecionar minha interface (que é a Behringer UCG102) e coloquei os frames em 512 para deixar a latência bem baixa.


Esta imagem são as ligações entre outputs e inputs. Simples! Feito isso, só abrir o Guitarrix que você já pode tocar. E se nada disso der certo, abra o Guitarrix, dê um CTRL+C que, segundo a lenda, o Guitarrix cria as ligações (claro, faça isso com a interface ligada).

É isso! Não sei se ajudei muito, rs. Mas dá para tocar guitarra no Mint e, pombas, não volto mais para o Windows nem fodendo! Há tempos uso o Libre Office e o único software proprietário que me mantinha no Windows era o Guitar Rig. O Guitarrix é bem legal, tem timbres incríveis, tem uma comunidade que faz uns presets muito sodas, que estão neste link: Guitarix Presets

É isso! Valeu!

2 Curtidas