Falha de criptografia no Windows 11 pode danificar dados

Em 9 de agosto, a Microsoft expôs falha no Windows 11 e no Windows Server 2022 que pode danificar dados dos usuários e está relacionada sistema de criptografia.

O defeito está em processo do padrão Vector Advanced Encryption (VAES), suportado pelas gerações mais recentes de processadores da AMD e da Intel, e usado pelo programa BitLocker e outros comumente empregados no Windows para criptografia de dados.

O problema está identificado com o código KB5017259, e resulta da inserção de novos caminhos de códigos como suporte a aceleração de hardware na biblioteca Symcrypt.

A Microsoft afirma que grande parte das falhas afetou as linhas de processadores da Intel Ice Lake, Tiger Lake e Rocket Lake, e da linha Zen 4 da AMD. A Microsoft garante que a correção está providenciada em atualização do Windows 11, mas alerta que o processo corretivo pode diminuir o desempenho do sistema operacional.

Os usuários prejudicados ainda aguardam da Microsoft informação do que fazer para recuperar os dados.

3 curtidas

Tenho dó do pessoal que tem Dell kkkkk, a propria BIOS força o Bitlocker mesmo na versão home do windows(pra quem notebook inspiron principalmente)
Hj em dia compensa separar os arquivos em HDs ou nuvem do que deixar no mesmo espaço do sistema, previne principalmente esse tipo de situação

2 curtidas

Windows sendo windows. :sweat_smile:

1 curtida

Users de Pop!_os: :popcorn::sunglasses: