Eu gostaria de salvar certos programas para a próxima versão LTS do Ubuntu, qual o melhor método?

A próxima versão LTS do Ubuntu não está longe e estou preocupado com a possibilidade de usar programas antigos em sistemas mais novos, tenho receio deles não estarem mais disponíveis na próxima versão LTS do Ubuntu. Pra ser mais preciso é com o ZSNES (sei que há outros emuladores de SuperNintendo, mas gosto mais do jeitinho do ZSNES) , ele nem sequer tem binários em 64bit nos repositórios, por isso que temo não encontrá-lo nas novas versões do sistema.

Estou vendo aqui que o ZSNES pelo menos ainda se mantém no Ubuntu 19.04 (eu chequei através do ubuntu packages), se esse pacote se mantém numa “versão intermediária” do Ubuntu, creio que ele permaneça na próxima versão LTS, mas prefiro não arriscar.

Como temos agora recursos como snap, flatpak e appimage, suponho que um usuário comum como eu poderia gerar o executável de um programa que eu tenha instalado no meu sistema, como uma espécie de backup. Qual desses 3 vocês me sugerem usar para criar um executável que funcione no Ubuntu 20.04 (e quem sabe até no Ubuntu 22.04)? É demasiadamente difícil criar um executável desses?

3 Curtidas

Eis aí algo que também queria ver :slight_smile:

Então acho que você estar querndo publicar o zsnes como em outro formato (não sendo um distribuidor oficial) nesse caso acho que os melhores formatos seriam o flatpak e appimage, e para empacotar assim acho que aqui mesmo falava de um tutorial


mas caso queira colocar em snap ou flatpak vai ter que empacotar usando uma ferramenta no caso do snap acho que seria o snapper e no flatpak seria o flatpak-builder

1 Curtida