EndeavourOS troca Xfce por KDE Plasma

Baseado no Arch Linux, o EndeavourOS é uma distro que se autointitula centrada ao terminal, buscando oferecer controle sobre o hardware pelo usuário. A nova imagem, denominada Galileo, trouxe grandes novidades à distro, envolvendo a troca da interface gráfica e o fim da distribuição das edições feitas pela comunidade.

Segundo a postagem oficial da nova edição do sistema, a troca de interface padrão, do Xfce para KDE Plasma 5.27, ocorreu devido à maior compatibilidade nativa ao instalador Calamares. Entretanto, quem fizer a instalação online, ainda poderá optar por instalar o sistema com o Xfce.

Entretanto, a partir de agora, as edições Sway, Qtile, BSPWM, Openbox, e Worm, não serão mais disponibilizadas durante a instalação, devido à falta de membros da comunidade interessados em trabalhar na compatibilização com a nova edição do Calamares. Quem deseja instalar alguma dessas versões, deverá baixar por uma página no GitHub.

7 curtidas

Creio que é acertado, não por eu ser usuário do Plasma 5, mas pensando comercialmente também. O Manjaro por exemplo apesar de ter mais usuários na versão XFCE vendia os produtos licenciados com o Plasma. Creio que será bom pro EndeavourOS ter a versão KDE como versão padrão, mesmo oferecendo outros DE’s aos usuários. O usuário mais avançado no Linux, que já está numa base Arch, não tem problema algum em instalar outro DE na hora da instalação, como por exemplo usar um i3wm da vida. Já o usuário comum, ter o Plasma por padrão, lhe oferecerá um desktop padrão mais bonito e moderno. Por mais que eu curta o XFCE, mesmo personalizado, é um ambiente mais antiquado. Já usei o XFCE no Xubuntu, que continuo recomendando para máquinas fracas, mas hoje vejo melhores opções, como o LXQt.

Eu acho que faria mais sentido por o cinnamon como default nesse perspectiva.

Fora o Mint qual outra distro relevante utiliza-o por padrão? Eu até gosto do Cinnamom, mas hoje uma distro relevante não tem pra onde correr, ao meu ver, o padrão ou deve ser o Gnomão da massa ou o KDE. É ruim pensar assim, mas não vejo as demais DE’s no mesmo patamar de aperfeiçoamento. A única distro relevante que me vem a mente que não usa uma das duas por padrão é o MX Linux,. que utiliza o XFCE, além é claro do próprio Mint que utiliza o seu próprio DE.

2 curtidas

Ad populum não serve como argumento válido, mas o mint usa-lo poderia servir de argumento ad auctoritate. Quando uma distro se propõe a ser uma versão mais fácil de uma base é comum vê-la ser referida como “o mint do fulano linux” por um motivo, mas isso também não importa. Plasma e gnome são mais utilizados por razões que não tem a ver com serem melhores ou piores.

O que interessa é que se tratando de usabilidade o cinnamon é a segunda DE mais completa (fica atrás apenas do próprio plasma), porém sua facilidade de uso e configuração são muito maiores, o desktop é consideravelmente mais leve, é muito mais difícil “quebrar” o cinnamon configurando errado e ele vem com a muito pedida função de reset que o plasma não tem. Além disso, entrando numa questão de gosto, o cinnamon com o tema adwaita-dark fica mais bonito que o plasma com qualquer que seja o tema - ele meio que é carregado nas costas nesse assunto e na questão da acessibilidade pelo fato de ser “filho” do gnome já que o gnome é melhor nisso que o plasma.

Por isso eu acho que ela é melhor DE pro público geral, embora por alguns motivos mais especificos eu prefira o xfce bem configurado e com alguns apps feitos pra outros desktops como o okular e o celuloide.

1 curtida

Quase nenhuma distro ignora a quantidade de usuários das DEs.

Depende do que você considera uma “DE mais completa”. Tanto o GNOME quanto o KDE têm suas própria suítes de aplicativos, suas formas pŕoprias formas de cor noturna, seus próprios gerenciadores de Bluetooth, seus próprios gerenciadores de janela/compositores etc.

O Cinnamon tenta acompanhar o GNOME e nisso ficou 11 anos com o Muffin sendo baseado em uma versão antigaça do Mutter.

Concordo com você, porém se facilidade de uso fosse um foco tão grande assim do EndeavourOS, eles não teriam usado XFCE por padrão anteriormente. O EndeavourOS não tem foco em usuários iniciantes.

Acho difícil você conseguir convencer alguém de que o Cinnamon consegue ficar mais bonito do que o Plasma, mas gosto é gosto. PARA MIM, o quesito beleza é um dos maiores pontos fracos do Cinnamon.

O Cinnamon ser baseado no GNOME não o torna automaticamente bom em acessibilidade, mas de toda forma não direi qual dos dois é melhor em acessibilidade porque eu não sei disso.

A maioria dos usuários do gnome precisa de extensões para usar a interface, o que eu pessoalmente considero gambiarra, sendo que poucas distros trazem ele como deve ser.

O KDE é inegavelmente mais completo (eu uso completo no sentido de ter por padrão as funcionalidades que qualquer um espera encontrar) ao custo da… eu não vou citar os motivos populares de critica ao kde pois eu não concordo com eles e acho importante que o plasma seja como é, mas meu ponto era que o cinnamon é quase tão bom nesse sentido sendo mais moderado e tirando vantagem disso.

porém se facilidade de uso fosse um foco tão grande assim do EndeavourOS, eles não teriam usado XFCE por padrão anteriormente. O EndeavourOS não tem foco em usuários iniciantes.

Isso é verdade, porém o meu primeiro comentário respondia não ao post e sim ao @Tosca16 que disse:

Já o usuário comum, ter o Plasma por padrão, lhe oferecerá um desktop padrão mais bonito e moderno

Para esse usuário comum eu vejo o cinnamon como a opção mais melhor que temos no linux hoje.

Acho difícil você conseguir convencer alguém de que o Cinnamon consegue ficar mais bonito do que o Plasma, mas gosto é gosto. PARA MIM, o quesito beleza é um dos maiores pontos fracos do Cinnamon.

Eu sei, por isso destaquei essa parte como mais questão de gosto mesmo.

1 curtida

Perfeito; precisar de extensões pra coisas básicas é diferente de instalar widgets ou apps por gosto pessoal/personalização. Usuário comum sentirá falta de coisas simples no Gnome padrão, e recorrer a extensões nem sempre é algo que este usuário saberá fazer.

Também concordo com isso.

Nem se compara, neste aspecto o Cinnamon está muito atrás; pra mim hoje falando em beleza, DDE e UKUI são os DE mais bonitos, mas por vários motivos não são os mais utilizados por nós no ocidente.

Eu concordo que o Cinnamon é uma excelente entrada no Linux, mas sempre atrelando-o a distro Mint. Na verdade é mais o Mint que a DE em si, apesar do Cinnamon ser muito bom nesta proposta, até melhor que o Mate e XFCE.

2 curtidas

Aproveitando o gancho, a customização do i3 no Endeavour é muito interessante. Mas , como já foi dito, a distribuição está longe de mirar o usuário novato.

Como eles mesmos dizem no site, é uma distribuição centralizada no terminal, apesar de soluções GUI muito boas.

1 curtida