DioCast - Conheça as principais novidades do Ubuntu 22.04 LTS

Neste episódio do DioCast vamos discutir quais as principais novidades do Ubuntu 22.04 LTS e como a Canonical pode estar planejando recuperar a relevância perdida.

6 curtidas

Eu tava ouvindo com muito sono, talvez eu tenha cochilado :sweat_smile: não me lembro de ter sido comentado sobre o novo instalador. Ainda não vi ele, na daily build que eu baixei ainda não tinha, acredito que vai ser lançado mais pra frente.

Essa versão ta prometendo, eles sempre capricham mais em LTS do que nas outras versões.

mas o objetivo é esse mesmo. LTS é a versão “pra valer”, pra empresas, escolas etc. as intermediárias, para curiosos como nós. rsrsrsrsrs

2 curtidas

Ubuntu 22.04 LTS lançado oficialmente!

4 curtidas

Eu instalei nos meus computadores para experimentar. O sistema está muito belo e bem acertado, trazendo também uma série de melhorias do GNOME 42 e opções de personalização já incluídas nas configurações. Esta certamente é a melhor edição em muitos anos. Gostei bastante.

O principal problema ainda gira em torno da Snap Store, que continua pouco responsiva e sem suporte a Flatpaks, o que prejudica principalmente os usuários iniciantes e menos experientes. Soma-se a isso as controversas ações que forçam o uso do Snap (como o comando apt instalando o Firefox Snap).

No geral, é um excelente sistema. Para quem quiser testar, é importante salientar que há dois bugs ainda pendentes e a equipe de desenvolvimento está ciente (não é necessário reportar novamente):

  • Snap Store e Ubuntu Software não estão conseguindo desinstalar aplicativos .deb. Usando o terminal tudo funciona normalmente.
  • O Wayland ainda não foi adotado por padrão para placas Nvidia com driver 510, uma vez que ainda existem bugs severos a serem corrigidos.
3 curtidas

Eu também instalei ontem em duas máquinas, um Laptop de uso esporádico e em meu Desktop de uso diário.
Até o momento achei o sistema mais fluido e responsivo. Com configurações mais “facilitadas” porém ainda é necessário o “Gnome Tweaks” para alguns ajustes, ao menos para as minhas configurações pessoais.
Como o sistema acabou de ser lançado, existem correções e pendências em alguns fornecedores de software a serem regularizados.
Ressalto aqui alguns:
1º: usuários do Insync ainda não conseguem usar o aplicativo de sincronização, pois o desenvolvedor não disponibilizou os arquivos para esta versão do Ubuntu. Versões antigas se instaladas não executam.
2º: Para quem estava acostumado a usar o aplicativo Variety para troca de Wallpaper’s, ficará frustrado ao perceber que mesmo tendo o app instalado ele não troca mais as imagens aleatoriamente. Isso na verdade me parece algo ligado ao Gnome 42, não necessariamente ao Ubuntu. Mais vale a dica.
3º: O calcanhar de aquiles do Ubuntu, os famigerados Snap’s. Eu concordo em gênero, grau e número com o @KairanD. eu mesmo tentei utilizar os app’s “enfiados goela abaixo” nativos do Ubuntu 22.04, como o Firefox principalmente. No quesito de inicialização, os app’s estão abrindo bem mais rápido. Existe uma lentidão tamanha na primeira abertura do aplicativo, mais depois isso fica quase imperceptível. Não notei lentidão no início do sistema, pode ser que isso ocorra num prazo maior de uso, mais até o momento nenhum impacto.
Uma falha no Firefox Snap me incomodou muito, por opção pessoal todas as vezes que efetuo um Download o navegador abre a janela para que eu selecione a pasta onde será salvo este arquivo. Eu sempre deixo esta “pasta aberta” centralizada no meio do navegador. Porém no no firefox snap a cada download que vocẽ faz, essa visualização de pasta vai aumentando de tamanho até ocupar toda a tela do monitor. Ai vocẽ ajusta novamente pra um tamanho menor e pouco depois já está ocupando toda a tela novamente.
Finalizando.
Achei o sistema muito bom para usuários finais que não se preocupam com “como as coisas funcionam” e sim se estão funcionando.
Contudo a Canonical arrisca demais em versões LTS, obrigando o uso de aplicativos num sistema de empacotamento “exclusivo” de sua produção. Isso deixa muitos usuários mais avançados que tendem a alterar algumas variáveis do ambiente na mão.
Devemos lembrar que um sistema deve ter o foco no usuário final. Se um sistema não entrega facilidades e passa a engessar alguns processos. Pode estar seguindo em um caminho delicado.
No mais estou com sistema instalado e usual.
Devido principalmente a compatibilidade com meu Hardware optei pelo Ubuntu nessa LTs, e sim, removi completamente os Snap’s e estou usando o que não posso via .deb (Firefox, entre outros) em Flatpak.
Valeu.

3 curtidas

Para quem quer utilizar o Ubuntu 22.04 e também utiliza o Insync HQ para sincronizar suas pastas no Drive, por exemplo, uma solução de contorno informada no forum da Insync foi instalar a última versão disponível para Ubuntu (21.10) e após instalar, executar o comando:

sudo mv /usr/lib/insync/./libstdc++.so.6 /usr/lib/insync/./libstdc++.so.6.bak

Depois reinicie.

Fiz um teste e sincronizou sem problemas.

Esta solução pode ser utilizada enquanto não fornecem uma versão mais nova.

Link do forum do Insync: Insync not working with Ubuntu Jammy (with workaround)

1 curtida

A post was split to a new topic: Ubuntu 22 apresentando mensagem: “não está respondendo”