Conectando seu instrumento musical MIDI ao Ardour e JackAudio

jack
midi
ardour
linux-mint
ubuntu
#1

Como instalar o Ardour e o servidor de som Jack, e fazê-los funcionar com um teclado controlador ou qualquer outro instrumento MIDI/USB no Ubuntu, Mint e derivados? É facin’…

Há algum tempo atrás comprei um teclado musical e estava tentando conectá-lo ao Ardour, procurei por tutoriais de como fazer isso em vários, se não muitos lugares, e não encontrei nenhum tutorial completo de como realizar o procedimento no Ubuntu/Linux Mint. Depois de muita pesquisa, muita tentativa e erro consegui encontrar a forma de como fazer isso, por isso decidi postar aqui qual é o procedimento para ter o seu instrumento musical MIDI/USB conectado e funcionando com o Ardour e o Jack.

1 - O primeiro passo é instalar os repositórios do KX Studio, para fazê-lo, basta executar os seguintes comandos no seu terminal:

“sudo apt install apt-transport-https software-properties-common wget”

“wget https://launchpad.net/~kxstudio-debian/+archive/kxstudio/+files/kxstudio-repos_9.5.1~kxstudio3_all.deb

“sudo dpkg -i kxstudio-repos_9.5.1~kxstudio3_all.deb”

“sudo apt-get install libglibmm-2.4-1v5”

“wget https://launchpad.net/~kxstudio-debian/+archive/kxstudio/+files/kxstudio-repos-gcc5_9.5.1~kxstudio3_all.deb

“sudo dpkg -i kxstudio-repos-gcc5_9.5.1~kxstudio3_all.deb”

“sudo apt update”

“sudo apt install ardour qjackctl alsa-firmware-loaders”

Lembre-se de retirar as aspas. =)

2 - Ok, agora vamos criar um arquivo de texto. Primeiro utilize o seguinte comando:

“sudo nano /etc/security/limits.d/99-realtime.conf”

Uma vez executado esse comando uma tela (quase) vazia será exibida, então utilize as teclas Ctrl+Shift+V para colar as seguintes linhas dentro do arquivo:

@realtime - rtprio 99
@realtime - memlock unlimited

Agora um Ctrl+O seguido de um “Enter” para salvar.

Então basta fechar o editor de texto utilizando Ctrl+X.

3 - Mais um pouquinho de copiar e colar, execute os seguintes comandos:

“sudo groupadd realtime”

“sudo usermod -a -G realtime username” (Substitua “username” pelo seu nome de usuário do sistema)

4 - Encerrar a sessão ou reiniciar a máquina.

5 - Agora vamos configurar o Jack para que reconheça o seu instrumento musical MIDI/USB.

Primeiro plugue o seu teclado MIDI/USB no seu PC, então ligue-o. Em seguida abra o qjackctl (basta pesquisar “jack” no seu menu de aplicativos que o ícone do mesmo deve aparecer). Agora clique em “Start” e depois em “Connect”. Na aba “Alsa” o seu dispositivo deve estar na lista como na imagem abaixo:
Screenshot_20180930_144014
Screenshot_20180930_144220

Então verifique se o seu teclado está aparecendo também na aba “Midi”, se não estiver (como é o meu caso),
Screenshot_20180930_144230
Faça o seguinte:
Feche a janela “connections”, clique em “Stop” e depois em “Setup”. No campo “MIDI Driver” selecione “raw”, dê OK, clique novamente em “Start” e volte em “Connections” na aba “MIDI” para ver se o dispositivo apareceu.


Screenshot_20180930_144318
No meu caso, agora o dispositivo está aparecendo na aba “MIDI”, mas caso o seu não apareça, volte e no campo “MIDI Driver” selecione a opção “seq”.

Bom, como o meu Teclado está aparecendo na aba MIDI ,significa que está tudo pronto para que o Ardour o reconheça.

6 - Essa parte é opcional, mas recomendada. Vou apenas instalar alguns plugins para se utilizar com um teclado controlador no Ardour. Execute o seguinte comando:

“sudo apt install calf-plugins fil-plugins so-synth-lv2 swh-lv2 tap-plugins synthv1 zynaddsubfx yoshimi amsynth”

7 - Agora está tudo pronto, então bora testar essa bagaça!

Abra o Ardour, ao executá-lo pela primeira vez aparecerão as seguintes janelas:



Na primeira janela apenas clique “Avançar”, na segunda janela selecione a pasta em que o Ardour irá salvar os seus projetos e avance. Em seguida clique em “Scan for Plugins”, aguarde e clique em “Aplicar”.

Depois escolha qualquer nome para a sua sessão (No meu caso é “Teste”) e clique em “Abrir”.
Em “Sistema de Áudio” selecione “Jack”.



Em seguida clique em “Connect to Jack” e pronto! O Ardour está aberto! Agora clique em “Mesa de som”, clique com o botão direito na área vazia, selecione “Trilhas de Midi”, em “Instrumento” selecione o que você quiser (No meu caso o ZynAddSubFX), clique em “Add and Close”.


Agora clique em “Entrada para MIDI” (Conforme imagem abaixo) e selecione o seu teclado controlador.

Pronto! Agora é só se divertir e gravar suas performances like a boss!

2 Likes

#2

Essas configurações de rtprio e memlock não são necessárias quando você adiciona o repositório do KXStudio, o Jack que vem de lá já tem esses parâmetros embutidos através de outros arquivos.

E já que você adicionou o repositório do KXStudio, é bem mais vantajoso usar o Cadence ao invés do QJackCTL, além de ter mais recursos de configuração, eu acho ele mais intuitivo.

Outro lance importante é você instalar o pacote alsa-firmware-loaders, pra ter maior compatibilidade de drivers com interfaces de áudio(e controladores MIDI também).

0 Likes

#3

Entendi. Bom, seguindo exatamente esses passos do meu post ficou tudo funcionando certinho aqui, sem os parâmetros “rtprio” e “memlock” meu teclado não foi reconhecido pelo Ardour.

Quanto ao Cadence, nunca usei, mas vou testá-lo. Também acho o qjackctl um pouco confuso, seria bom ter uma alternativa melhor e mais intuitiva.

Quanto ao pacote “alsa-firmware-loaders”, eu nunca instalei e funciona direitinho aqui, mas é bom saber disso, talvez outra pessoa com outro dispositivo tenha problemas de compatibilidade. E mesmo assim vou instalá-lo, só pra deixar tudo “redondinho”.

Obrigado Raul, pelas dicas e complemento ao post!

0 Likes

#4

Os parâmetros rtprio e memlock não tem correlação com a detecção de dispositivos dentro do Ardour, talvez você tenha mudado mais alguma coisa no processo e não se deu conta, acabou fazendo essa associação baseada nos seus resultados.

Esses parâmetros estão relacionados à execução do Jack com preempção em tempo real, sem eles, o Jack não pode ser executado no modo RT.

Eu fiz questão de comentar, porque já lido com áudio no Linux há bastante tempo e acho válido reforçar postagens como a sua, porque tem pouca gente falando sobre isso por aí.

Como última dica, recomendo você testar o Tracktion, ou o REAPER, que são bem superiores ao Ardour em número de recursos.

0 Likes

#5

Com certeza foi muito bom tu ter comentado, e com certeza tem muito pouca gente falando sobre isso, infelizmente.

Inicialmente eu era um cara que tinha acabado de comprar um teclado controlador e queria utilizá-lo no Linux, mas não encontrei nenhum tutorial com um passo a passo de como fazer isso. Encontrei apenas muitas informações fragmentadas e demorei bastante para conseguir fazer funcionar. Com “funcionar” quero dizer que o meu objetivo era conectar o teclado no Ardour (ou programa semelhante) e gravar minhas performances. Como vi que não tinha nenhum tutorial para que alguém (como eu) que não é profissional/expert na área consiga realizar o procedimento, decidi fazer esse com o passo a passo de o que foi necessário para que funcionasse. Então por fim, é muito bom que alguém que entenda do assunto venha dar dicas, que são uma coisa bem escassa se tratando deste assunto. Obrigado!

E quando ao Cadence, Tracktion e Reaper, nunca usei nenhum deles, mas vou testar.

1 Like

#6

Tô pra começar a fazer postagens a respeito disso no meu blog do Medium, mas ainda tenho outros programas na fila, segue lá…

1 Like

#7

quando eu plugo a M-audio fast track pro além de não funcionar, não consigo nem abrir o gerenciador de áudio… o que posso fazer?

Linux mint 19.1 Cinnamon

0 Likes

#8

Você precisa adicionar o repositório do KXStudio e instalar o alsa-firmware-loaders.

0 Likes