Como você particiona seu SO (e por que)?

(excluindo /boot)
  • /
  • / + Swap
  • / + /home
  • / + /home + Swap
  • / + /home + /var
  • / + /home + /var + Swap

0 votantes

2 curtidas

Atualmente eu deixo apenas a / e faço a divisão com os subvolumes do btrfs, é bem prático.
Quando usava ext4 eu particionava em /, /home e usava swapfile. A home separada ajuda muito quem formata o PC direto igual eu kkk

2 curtidas

Selecionei a opção do / + /home + swap, mas na verdade meu esquema é bem mais complicado:

1 curtida

Olá,
Estou prestes a formatar minha máquina e instalar um SSD junto com o antigo HD.
Penso em colocar a /home no HD e deixar no SSD o sistema.

Aproveito pra perguntar: é possível deixar um espaço ou partição no SSD para arquivos que uso com mais frequencia mesmo estando o /home no HD?

E porque algumas pessoas criam uma partição EFI e outras não criam?

1 curtida

Sim, é possível. É só atribuir o /home a uma partição no HD, mas, ao invés de dedicar todo o SSD ao /, você pode reservar um espaço, formatá-lo mas não atribuir a ele nenhuma função específica, permanecendo como um espaço para armazenar arquivos.

Depende da sua máquina, no geral a ESP (EFI System Partition) armazena instruções para que o seu computador chegue até o bootloader do seu sistema operacional. No Linux, a partição EFI é o /boot/efi, enquanto no Windows e macOS é \EFI. Se o seu computador está configurado para o modo UEFI, você deve criar uma ESP. Caso contrário, ela é inútil (para computadores mais antigos que usam a LEGACY BIOS).

1 curtida

Marquei / e Swap. Uso assim porque tenho um HD externo (Dell) que guardo meus arquivos, então, se precisar formatar, não tenho que fazer backup de quase nada, aliás, até prefiro fazer uma formatação limpa. Para facilitar o acesso a esses arquivos, criei nas pastas correspondentes (documentos, música. vídeos, etc) da home links simbólicos das pastas do meu HD e defini um ponto de montagem fixo (/mnt/hdell).

Ei, massa @Kogane . Brigado. Vou tentar fazer isso…

Eu deixo uma partição / e uma efi no meu SSD para o sistema iniciar naquele pique kkk, e uma partição /home e swap no HD

EFI
/
/HOME

e swap em arquivo.

O que acontece se eu quiser formatar o computador? Seja para reinstalar o sistema operacional por conta de um problema que não consegui resolver ou porque quero instalar uma distribuição nova.

Dá para formatar somente um subvolume? Isso é possível mesmo se eu for instalar outro sistema operacional?

Por exemplo, vamos dizer que há somente a partição / e esta é dividida nos subvolumes /boot/efi e /home (suponho que a partição swap, se você for criar uma, ficará numa partição própria como é feito tradicionalmente, e os arquivos do sistema (/dev, /usr, /bin, etc) ficam na partição principal) e o sistema operacional é o Arch Linux. Então quero mudar para *ubuntu, daria para fazer a substituição do Arch Linux ou a formatação apagaria tudo do HD/SSD?

Neste caso vai depender do suporte da distribuição, não sei como o instalador do Ubuntu lida com btrfs. Distribuições onde a instalação é mais “flexível”/manual, como Arch, Gentoo, Slackware etc. devem funcionar normalmente.

Eu tenho mais experiência com o Arch e crio duas partições no meu SSD: sda1 - fat32 e sda2 - luks2. No sda1 eu monto o /boot e na partição luks eu uso o btrfs para criar os subvolumes: root, home, tmp, var e swap (monto o swapfile aqui dps).

Logo, quando vou formatar, eu simplesmente monto os subvolumes e excluo o conteúdo deles (exceto o home), depois basta seguir a instalação normal do Arch com o pacstrap etc.

Teria que verificar se nas outras distribuições você pode indicar os subvolumes para o instalador copiar os arquivos nos lugares certos, gerar o fstab e instalar o bootloader, muitos instaladores colocam várias restrições nas montagens das partições.

Se você quiser ver essa instalação na prática, sugiro que dê uma olhada no canal do Ermanno Ferrari, eu me baseei nos vídeos dele para deixar o particionamento assim.

1 curtida

Valeu!

1 curtida