Como escolher Driver da NVIDIA no Linux em 2020

Confira o post completo no blog: https://diolinux.com.br/2020/06/como-escolher-driver-nvidia-linux-2020.html

No tutorial de hoje, vamos ensinar a como escolher o driver de vídeo para a sua NVIDIA no Linux.

2 Curtidas

Muito bom o artigo, Ricardo, eu acrescentaria as outras branches de drivers como o beta e vulkan beta (que é o que eu utilizo) e qual seria a utilidade deles, o vulkan beta por exemplo vem com as features mais recentes do vulkan (última especificação da api) e é bem útil para games em vulkan para windows que acabaram de ser compatíveis com o proton. Ex.: Red Dead Redemption 2.

1 Curtida

Muito trabalho ter um computador pra jogos com Linux rsrsrs ainda prefiro mil vezes usar o computador para as tarefas do dia a dia e ter um console pra jogar os games

Não entendi, qual o “muito trabalho” vc se refere??? pq hj em em dia é praticamente instalar a Steam e ativar o Proton ou instalar o Lutris e instalar o game. Fiquei curioso com o “muito trabalho” eheheh.

1 Curtida

Estava no Ubuntu, depois fiquei uns dias Manjaro e agora migrei pro Pop!_OS, acho o último a distro quase perfeita para notebook com placa hibrida.

É que por exemplo, eu gostava de jogar lol usando o Lutris antigamente, mas era sempre uma dor de cabeça baixar as atualizações, sempre dava algum erro. Sem falar que os jogos que eu queria jogar como o Valorant ou o Fortnite tem o anti-cheat ativado, e não dá pra jogar. Daqui a alguns anos provavelmente não vai ter diferença entre baixar e jogar um jogo no Linux ou Windows, mas no momento eu ainda acho que é meio “gambiarra” o método de baixar os jogos no Linux, e dos vários jogos que eu tenho na epic games store, eu consegui jogar menos da metade deles por causa do dxvk. Mas isso tudo é minha experiência pessoal, eu sei que tem gente que consegue jogar no Linux de boa, mas pra mim não rolou jogar no pinguim não.

Bom, da primeira metade do seu texto, sobre os jogos q vc citou, vc sabe q a culpa não é do Linux (distros) ne?? E sim da empresas que não compatibilizam para um versão nativa ou ate mesmo com o Proton e/ou DXVK. E me desculpe, falar que é gambiarra mesmo entre aspas é desmerecer todo o esforço que os devs responsáveis estão tendo para compatibilizar uma gama muito grande de jogos no Linux, fora que eu dei dois exemplos de como baixar e jogar que são extremamente fáceis e não precisa de muita coisa pra funcionar (Steam e Lutris). Recomendo acompanhar mais os avanços nesta área para não acontecer esse equívocos apontados.

1 Curtida

Cara… FINALMENTE eu entendi essa parada dos drivers! :3

1 Curtida

@CanalOCaraDoTI Grande Ricardo, obrigado pelo texto e pelo vídeo! Tive uma dúvida: no texto, você diz o seguinte:

“Se a sua GPU for ainda mais antiga, pode ser que ela funcione nos drivers da série 340.XX ou 304.XX, e nesse caso é mais recomendado tentar usar o driver open source Nouveau, pois nestes casos, ele consegue tirar melhor proveito das GPU’s.”

No vídeo você diz mais ou menos a mesma coisa e, salvo engano, você diz que essa é uma recomendação da própria Nvidia.

Eu queria entender melhor essa questão. Você poderia me indicar suas fontes com relação a esse ponto em específico? Em especial, a recomendação da Nvidia?

Agradeço de antemão!

1 Curtida

Então João, como as placas são mais antigas, elas vão recebendo bem menos updates e correções da NVIDIA, até chegar ao ponto de não compensar mais para ela gastar “tempo e dinheiro” com elas saca. E sobre a fonte, encontrei nos fóruns da NVIDIA mesmo :v: :smiley: .

1 Curtida

Uma correção.

Se a sua GPU for ainda mais antiga, pode ser que ela funcione nos drivers da série 340.XX ou 304.XX, e nesse caso é mais recomendado tentar usar o driver open source Nouveau, pois nestes casos, ele consegue tirar melhor proveito das GPU’s.

Mesmo sendo antiga é melhor instalar o driver proprietário porque os software não dão suporte ao nouveau e por isso rodam sem nenhuma aceleração de hardware. Como por exemplo o Chrome que sob o driver proprietário faz um uso bom da aceleração de hardware menos para vídeos, mas já é alguma coisa, agora com o nouveau não tem suporte a nenhuma aceleração de hardware o que prejudica muito a performance. Falo por experiência própria.

Mas nesse caso de GPUs antigas, usar o proprietário é um risco desnecessário e usar o nouveau é o mais recomendado mesmo. Usar algo “legado” ou com suporte nas últimos só pra ter uma aceleração de video em um navegador, nao compensa muito.

Se o processador for muito fraco, compensa muito, caso contrário fica impossível de usar o computador

Usar um driver de 2017 (se for da serie 304) só por causa disso??? Não vejo muita vantagem, visto que o Nouveau tem updates recentes e lida melhor com a segurança. SE for da serie 340 ate da pra relevar, mas mesmo assim é um driver sem updates desde o final de 2019 e isso no mundo da informática é muito tempo. E outra, não existe só o Google Chrome como navegador rs.

Eu usava a versão 340 quando tinha Linux instalado, dava um fôlego pro processador que é dual core, no meu caso.

Então, se usou ate o final de 2019 (até comecinho de 2020, como Fevereiro), PODERIA ter dado esse fôlego momentâneo, mas já estamos há 4 meses pra terminar 2020, e teve muita coisa que rolou no mundo da NVIDIA (como melhoramentos e varias tecnologias lançadas), novidades e melhoramentos que essas GPUs mais antigas não serão contempladas, ciclo “natural”. Muito provavelmente esse “fôlego” logo logo não será mais sentido e a única alternativa para não ficar com brechas no seu sistema é usar o driver Nouveau. Sobre as aplicações, muitas já estão “dropando” essas GPUs “velhas” vamos assim dizer e isso era questão de tempo ate. O meu ponto é: Não tá compensando se arriscar por algo que em breve será “largado as traças” pela empresa, saca. E tbm não é pq “ahh ta funcionando deixa queto”, que podemos relaxar em outros pontos, como a segurança mencionada. A logica serve pra Windows tbm.

O melhor então é trocar o hardware, usar um hardware que nem a empresa suporta é complicado. O computador que citei por exemplo não uso mais há certo tempo.

Acho mais pratico man, melhor “jogar no seguro” vamos assim dizer rsrs.