Como criar atalhos para certos programas especiais em Linux Mint?

Oi, pessoal. Sou mais que iniciante, sou recém chegada do windows para Linux Mint. Alguns programas que uso, com Netlogo e Godot, eu só baixei e rodei um determinado arquivo.Não fiz instalação.O problema é que não sei como criar atalhos na barra de tarefas. Quando abro um deles, o ícone que aparece lá não é o do programa, mas de configuração de “lista de janelas agrupadas”, e quando clico em configurar, aparece algo sobre preferências de miniaplicativo.
Não entendi nada. O que é isso? Tem como fazer algum tipo de atalho para estes programas?

Atalhos no linux são arquivos terminados em “.desktop” localizados normalmente em /usr/share/applications/ ou /home/$USER/.local/share/applications/.

Para criar um atalho para arquivos randoms que você executa sem instalar você tem a opção de criar o respectivo arquivo .desktop manualmente ou usar aplicativos como o menu libre que facilitam o uso (o menulibre é a melhor opção para isso e funciona independente da interface que você usar, mas há outras opções)

O uso desses apps é o mesmo.

Você abre, seleciona uma categoria apropriada na lista, clica em novo, adiciona um nome, um icone e a parte mais importante é na parte que diz “comando” você coloca o comando de terminal que abre o aplicativo e depois salva. No cinnamon, por algum motivo, você precisa fazer logoff ou reiniciar a interface pelo painel para o icone aparecer no menu.

Depois de fazer isso você pode adiciona-lo a barra de tarefas como faria com qualquer outro app.

3 curtidas

Puxa, obrigada. Tenho muito q aprender ainda :slightly_smiling_face:
Uma outra dúvida. Não consegui conectar os arquivos que o programa abre ao programa em si. Ou seja, quando clico no documento .nlogo, que o netlog abre, não tem a opção de abrir com netlogo, e eu não descobri como fazer. Por isso, eu tenho q abrir o Netlogo primeiro, e, de dentro dele, procurar o arquivo que eu quero abrir. Muito chato isso.

Isso aí é algo mais complexo e o menulibre não dá conta de mexer.

Quando você criar o arquivo com uma dessas aplicações (ainda é bom usar elas primeiro pois criar esses arquivos do zero é chato) você vai em /.local/share/applications e edita com um editor de texto.

Você vai ter que adicionar a linha StartupWMClass=“Classe” no final do arquivo.

Para descobrir a classe você abre um terminal, roda “xprop WM_CLASS”, aguarda o seu cursor ficar diferente e dá um clique na janela com a qual quer agrupar, o comando vai então mostrar algumas opções de classe.

Exemplo, seu eu quiser que as janelas se agrupassem ao Chrome eu adicionaria “StartupWMClass=google-chrome”

Tive que reinstalar o linux, e agora, por conselho de algumas pessoas, estou tentando o zorin os 17. De novo, não consigo entender o sistema de atalhos. Quando crio um, usando o botão direito e “criar atalho”, ele cria no mesmo lugar onde está o programa. Se eu coloco na área de trabalho, ele não funciona mais como atalho. Para que serve um atalho no mesmo lugar do programa?
Outra coisa: quando abro o programa, não tem, com botão direito no ícone da barra de tarefas, a opção “fixar na barra de tarefas”. Não faço ideia de como fazer isso, então. Não sei o que escrever no arquivo .desktop, também. Nunca fiz isso.
A vida toda passei em sistemas da microsoft. Tudo muito novo p mim em linux.
Também não entendi o menulibre, se é só um instalador, ou se é um menu alternativo, diferente do que existe. Não queria instalar coisas diferentes, que me tragam problemas que eu não vou saber resolver nem procurar ajuda.
Aparentemente, as pessoas aqui estão mergulhadas no mundo linux, mas para mim é só uma ferramenta, não trabalho com isso. Só quero criar meu ambiente de trabalho e não mexer mais para poder me concentrar no q faço

Iara, para criar um atalho na área de trabalho, há 2 caminhos:

  • Você clica no ícone Z (menu iniciar);
  • localiza ou pesquisa pelo programa que você deseja;
  • botão direito do mouse no ícone do programa (1)
  • adicionar à área de trabalho (2)

  • Abra o Arquivos
  • Vá em “Outros Locais” (fica na lateral esquerda)
  • Computador
  • usr > share > applications
  • clique com o botão direito no aplicativo que você quer criar o atalho (pode usar a lupa para pesquisar pelo nome)
  • “copiar para”

  • Clique em “Área de Trabalho” e depois em “Selecionar”

O ícone do programa vai aparecer na área de trabalho. Basta clicar com o botão direito do mouse sobre o ícone e clicar em “Permitir iniciar”.

1 curtida

Para fixar um programa na barra de tarefas, basta clicar com o botão direito do mouse sobre o ícone do programa aberto e “Fixar nos favoritos”.

ksnip_20240309-173828

1 curtida

Era pros programas darem essa opção também no Linux na hora da instalação, como é no windows.

Você conseguiu resolver as questões de criar atalho, de fixar ícone na barra de tarefas e dos outros problemas que você havia mencionado???

No Linux Mint clicando com o botão direito no menu você consegue escolher onde vai colocar o atalho na área dee trabalho ou fixar no painel.

Não funcionou: veja o que aparece na barra de tarefas
barra de tarefas
barra de tarefas godot

Não estou mais no Linux Mint, mas no zorin.
Criei o atalho e copiei para a área de trabalho. Na foto, o menu que aparece quando clico no atalho na área de trabalho.

E o atalho não abre o programa com 2 cliques. Tenho q clicar com o direito e escolher “run as program”, o que é chato.
Coloquei o programa em favoritos, mas não apareceu em lugar nenhum. O que é um favorito? Até reiniciei para ver se aparecia, mas não achei em lugar nenhum
Tive que tirar foto porque quando clico com botão direito o prtscn não funciona! :roll_eyes:

Quando faço a busca pelo menu principal, também não funcionou. Clico com botão direito e não aparece nada


Tente o seguinte:
Botão direito do mouse sobre o ícone na área de trabalho > Propriedades > Permissões
E marque “Permitir execução do arquivo como programa”.

ksnip_20240310-132139

É apenas uma maneira diferente de dizer para fixar o ícone na barra de tarefas. Talvez, ele não esteja indo para a barra de tarefas porque ainda não tem a permissão de ser executado como programa. Mas não tenho certeza disso.

1 curtida

Instale um app para tirar print, como o ksnip (está disponível na loja de aplicativos) e use o temporizador.

Assim, quando você clicar em Novo, dá tempo de ir no arquivo, clicar com o botão direito para aparecer o menu.

1 curtida

Não entendi bem sua pergunta. Pode reformulá-la, por gentileza?

olhei agora e já estava marcado, nos dois casos (Godot e Netlogo)

Acho que entendi. Sim, ao deixar selecionado, você está dando permissão para ser executado como programa.