Arch Linux XFCE - Sem lixeira?

Oi gente,

Eu migrei pra Linux tem ± uns 2-3 meses, e decidi me aventurar pelo Arch Linux. Eu sei que para um iniciante não é recomendado, mas eu migrei para justamente por aprendizado. De início, eu baixei o GNOME, Com a intenção de testar na minha máquina. MAS como ela não é das melhores, instalei o XFCE e me apaixonei.

O problema foi que, após um tempo com o Arch, eu tive um problema com o NetworkManager que acabou desinstalando num comando que usei para desinstalar algumas coisas, e assim não conseguia usar internet nele. Como eu já tinha um pendrive com o Zorin OS Lite, troquei o SO e fiquei com ele por um tempo; mas eu me acostumei tanto com o Arch que eu decidi voltar, e com o XFCE.

Mas pelo que eu percebi, a instalação do XFCE é bem mais enxuta que os outros, e ele acabou vindo sem as pastas comuns (lixeira, imagens, documentos etc.). Isso não aconteceu antes, porque aparentemente o GNOME já vem com isso no pacote de grupo. Procurei sobre e descobri que tinha que baixar o xdg-user-dirs; instalei, fiz tudo direitinho, mas ainda continuei sem a lixeira. Meu inglês não é muito bom, e nem tudo da Arch Wiki tem em português, além de que eu ainda me perco muito fácil nela.

Alguém que não seja estúpido como muitos da comunidade Arch, pode me dar uma luz do que fazer?

Vendo a lista de dependências do Thunar (pacman -Si thunar)

Depend. opcionais    : gvfs: for trash support, mounting with udisk and remote filesystems
                       xfce4-panel: for trash applet
                       tumbler: for thumbnail previews
                       thunar-volman: manages removable devices
                       thunar-archive-plugin: create and deflate archives
                       thunar-media-tags-plugin: view/edit id3/ogg tags

gvfs: for trash support

Acho que basta um sudo pacman -S gvfs , seguido de deslogar e logar/reiniciar, pra fazer a lixeira aparecer.

4 Curtidas

exatamente!