Usando a nuvem no Linux!

Eu fui usuário de windows por um bom tempo da minha vida e acabei me acostumando com o aplicativo de integração do Google Drive ao file explorer, sem dúvida alguma é uma mão na roda. Porém desde minha migração ao Linux a alguns anos algo que sempre me incomodou/incomoda é a falta de um aplicativo nativo de integração do Google Drive com o gerenciador de arquivos.
Depois de um pouco de pesquisa acabei aderindo ao MEGA, que te da 70gb e ainda possui aplicativo nativo para linux, uma belezinha. Porém, apesar de tudo ainda fico triste pelo fato de não poder utilizar o Drive, ainda mais que minha universidade fornece um Drive ilimitado aos estudantes.
Gostaria de saber de saber como é a relação de vocês com a nuvem e quais serviços vocês usam.

Qual ambiente gráfico você utiliza? pois o Gnome tem uma integração com o Google Drive que funciona muito bem.

1 Curtida

1 Curtida

Utilizo o Google Drive através do GNOME, no Ubuntu 20.04.1 LTS, e consigo abrir e editar meus arquivos normalmente através do explorador de arquivos. É possível inclusive editar direto na nuvem (abrir um documento de texto no LibreOffice Writer, por exemplo, e ir salvando para atualizar diretamente no Drive).

1 Curtida

Não uso Google Drive, mas tem algumas opções aí.

1 Curtida

Eu utilizo o Gnome mesmo.
Já testei essa integração mas acabei não me adaptando muito bem a ela, talvez por conta de sempre depender de uma conexão ativa a internet

1 Curtida

É o princípio da Nuvem. Talvez se adapte melhor com um pendrive.
O Drive não baixa os arquivos para usar offline (por isso um pendrive deve te atender), ele baixa os arquivos conforme você vai usando eles. Deixar todos disponíveis offline acredito que ele não faça, até porque por princípio não seria interessante lotar o HD de arquivos que estão na nuvem…

Eu utilizo o Insync. Dá para fazer edições offline e quando estiver conectado ele sincroniza. É pago (uma única vez), e decidi comprá-lo porque possuo uma conta de 100gb no Google Drive. Assim posso trabalhar tranquilamente conectado ou não.

Editar e sincronizar depois dá. Desde que o arquivo tenha sido aberto antes.

Talvez isso ajude o @j.rheinheimer: