Ubuntu - Significado da palavra, você sabia?

ubuntu

#1

A TV estava ligada, não me recordo em qual programa e eis que citam a palavra “Ubuntú”. Já fiquei curioso e continuei escutando, até que comentaram o significado da palavra:

Uma pessoa através de muitas outras

É muito curioso que o S.O. Ubuntu signifique algo como “um S.O. através de muitas pessoas”.

Abri este tópico apenas para compartilhar esse conhecimento, pois achei genial o nome uma vez que passei a entender o significado.

Veja algo mais detalhado em: Origem da Palavra Ubuntu - Mundo Ubuntu


#2

O nome “Ubuntu” IPA: [u’buntu] deriva do conceito sul africano de mesmo nome, diretamente traduzido como “humanidade com os outros” ou “sou o que sou pelo que nós somos”.

Uma pessoa com Ubuntu está aberta e disponível para outros, apoia os outros, não se sente ameaçada quando outros são capazes e bons, baseada em uma autoconfiança que vem do conhecimento que ele ou ela pertence a algo maior e é diminuída quando os outros são humilhados ou diminuídos, quando os outros são torturados ou oprimidos.

Esse nome busca passar a ideologia do projeto, baseada nas liberdades do software livre e no trabalho comunitário de desenvolvimento.

Fonte: Ubuntu - Wikipédia



A palavra Ubuntu, não traduzível diretamente, no entanto nessa tentativa seria “humanidade para com os outros”. Exprime a consciência da relação entre o indivíduo e a comunidade. Segundo o arcebispo anglicano Desmond Tutu, autor de uma teologia ubuntu “a minha humanidade está inextricavelmente ligada à sua humanidade”. Essa noção de fraternidade implica compaixão e abertura de espírito e se opõe ao narcisismo e ao individualismo.

Nelson Mandela também explica esse ideal:

Respeito. Cortesia. Compartilhamento. Comunidade. Generosidade. Confiança. Desprendimento. Uma palavra pode ter muitos significados. Tudo isso é o espírito de Ubuntu. Ubuntu não significa que as pessoas não devam cuidar de si próprias. A questão é: você vai fazer isso de maneira a desenvolver a sua comunidade, permitindo que ela melhore?

Fonte: Ubuntu (filosofia) - Wikipédia