Sobre KDE... Sobre Plasma... Sobre como o projeto trata seu pretenso público

Olás!

Já experimentei muitos sabores.
PS: adoro o Neon apesar dele nunca durar comigo, quebradiço como osteoporose nível 7.

Recentemente me deparei com a oportunidade de instalar uma distro no escritório (contabilidade, softs altamente dependente do Windows) e, por conseguinte, sendo apresentado a desafios e oportunidades de aprendizado com as quais estou maravilhado!

Por agora: não consigo acessar o \fileserver do escritório via Dolphin.
Instalei o Nemo e VRAU!!: smb:\fileserver\

Já estudei e resolvi vários problemas do Dolphin (como abri-lo como root, ex), mas sempre me deparo com “travas” que não fazem sentido pra mim.

Então…

  1. o KDE é realmente uma opção de entrada para curiosos? Ademais, tu escolheria ele como base pra apresentar as pessoas?
  2. o Kubuntu não é só um Neon com apps predefinidos?
  3. Por que o projeto é assim?
  4. Quem é o público alvo?

#desabafei

Se alguém tiver uma solução pro meu problema também agradeço :slight_smile:

Instalação (PC, pc de escritório). Mas… Dei uma sorte da porr4, pois o meu pc é o único i3 8100 - tem até Celeron 550, rs):

Kubuntu 22.04.1. Drivers:
sda (grub e UEFI) 500gb sata3 (Win, /boot/efi);
sdb 320gb (Kubuntu 22.04.1, GPT /, /home, swap 8gb)
Adata DDR4 4GB