Ryzen 5 1600 - PC Reinicia e Congela, Ambos De Maneira Aleatória

Em Novembro de 2019, montei um PC Gamer com Ryzen 5 1600, desde então, qualquer distribuição Linux reinicia de maneira súbita e aleatória, e quando não reinicia, ele congela.

Estas linhas aparecem quando o PC reinicia:

Aqui está as configurações do meu hardware:


Hardwares novos:
ASUS TUF B450-PRO GAMING
Ryzen 5 1600 Six-Core
Corsair LPX 16 GB 2666

Hardwares reaproveitados:
Corsair 650w
GeForce GTX 960 4 GB 128 Bits
Intel SSD 240 GB


Os reinícios súbitos aleatórios e congelamentos não tem dia e nem hora para acontecerem, pode ocorrer desde nenhuma vez por dias, como pode ocorrer 7 vezes por dia.

*Já estou monitorando temperatura, está tudo normal, não é alto-aquecimento.

Até o instante momento, só encontrei uma solução alternativa, que é adicionar “processor.max_cstate=1” à linha “GRUB_CMDLINE_LINUX_DEFAULT=” em /etc/default/grub.

Esta minha solução alternativa tem se mostrado eficaz, visto que apliquei este parâmetro ao GRUB em Abril de 2020, desde então o PC não reiniciou mais, porém, removi este parâmetro do GRUB “ontem”, e o PC reiniciou “hoje”, e congelou uma vez enquanto eu estava escrevendo esta postagem, o que alimenta a teoria que o problema talvez tenha alguma relação com processador… powersave… microcode… algo do tipo.

Eu não tenho certeza do que se trata esta linha, algumas pessoas dizem que “processor.max_cstate=1” faz com que o CPU trabalhe em frequência máxima o tempo todo, consequentemente consumindo mais energia.

Se isto é verdade, não me importo com a vida útil dele, acredito que em frequência máxima ainda atinja uns 10 anos.

Gostaria de saber se mais alguém tem o mesmo problema, e se alguém já conhece alguma solução melhor para este problema.

Desde já agradeço pelo suporte!

To limit a CPU to a certain C-state, you can pass the processor . max_cstate =X option in the kernel line of /boot/grub/grub. … In order to save energy when the CPU is idle, the CPU can be commanded to enter a low-power mode. Each CPU has several power modes and they are collectively called “C-states” or “C-modes.”.

Com o valor 5 vc desativa, e pelo que li serve para economizar energia. O idle é controlador de temperatura…

Acho que é isso.

Com o link citado, vc pode acompanhar a solução.
Até

1 Curtida

Isso não é bem verdade, no C1 ainda já há abaixamento de frequência:
https://www.dell.com/support/article/pt-br/qna41893/o-que-é-c-state

A terceira solução do link do @swatquest pelo visto desativa o zeramento da voltagem da CPU, mas todas as outras artimanhas de poupar energia continuam ativas.

1 Curtida

Olá @ewertonurias tudo beleza? Essa placa-mãe que você está utilizando está com a BIOS atualizada?

Você fez algum ajuste na BIOS? Como overclock ou coisas do tipo? Caso tenha feito, sugiro voltar paras as configurações padrão e ver se o problema persiste.

Em último caso, acredito que o processador ainda esteja na garantia, então ao invés de ficar sofrendo… solicite um RMA. Existe a possibilidade de realmente ser um defeito no processador.

:vulcan_salute:t2:

1 Curtida

A BIOS está atualizada sim, desde que comprei já atualizei 3x, ultima atualização foi realizada ontem para a última versão.

As configurações da BIOS retornaram ao padrão após atualização, e mesmo assim continua reiniciando e congelando.

Estou pensando se vale a pena evitar o RMA e continuar usando com minha solução alternativa:

“processor.max_cstate=1"

Ou se solicito um RMA…

Você tem um equipamento em garantia que está gerando problemas, qual é a razão razoável para ficar com algo que está te incomodando ao invés de ter um hardware em perfeitas condições?

Para mim não faz sentido, uma vez que conheço outras pessoas que possuem um Ryzen 1600 e simplesmente não enfrentam o mesmo problema que você está enfrentando.

Mas, a decisão é sua.

:vulcan_salute:

1 Curtida

Eu sei que meu comentário ficou estranho haha, realmente não há vantagem em continuar com um CPU com problemas.

Desde 2019 venho pesquisando sobre este problema, e encontrei relatos de usuários gringos passando pelo mesmo problema desde 2017, o que me faz desconfiar se “trocar de CPU pelo mesmo modelo” realmente irá resolver meu problema, além do tempo que ficarei sem o CPU (logo, sem máquina) enquanto AMD estuda meu caso e envie um novo CPU…

Você diz que conhece pessoas que usam Ryzen 1600 e não enfrentam este problema… sabe me dizer se elas usam Linux ou Windows? Pois talvez o problema seja exclusivo em distribuições Linux.

Olá amigo.

Eu estou com um computador da Dell ( Ryzen 7 1700X e encontro problemas como travamentos ) e não dar vídeo também, às vezes. Ouvi relatos de que o kernel Linux estava com problemas de incompatibilidade com esses CPUs Ryzen de 1ª geração. Não sei se procede.

Eu ainda tenho garantia da máquina, falei com a Dell mas eles não fazem nada, visto que já mandaram fazer testes de Hardware e, segundo os testes deles, não tem problema de hardware e sim de software.

1 Curtida

Utilizam Linux, um deles se não me engano usa Fedora.
Pesquisei um pouco sobre esse problema que você está relatando e a maioria das reclamações cita versões antigas do Kernel.

Quais distribuições você testou? Testou versões recentes do kernel? Ou por exemplo o Pop!OS que é uma das distribuições com melhor suporte aos processadores Ryzen?

:vulcan_salute:t2:

1 Curtida

Recomendo ver aqui

Leia tudo…

Acho que definindo as configurações na bios corrige o problema…

Não cheguei a ler tudo… apenas algumas partes

1 Curtida

Os sistemas que instalei aqui com este Ryzen 5 1600 foram:

  • KDE Neon 18.04 com Kernel 4.x
  • KDE Neon 20.04 com Kernel 5.x
  • Manjaro 20 com Kernel 5.8.6 (Usando hoje)

Perceba que usei distribuições diferentes, e duas versões de kernel (com diversos patches de correções e segurança ao decorrer dos meses), o problema é sempre o mesmo.

Geralmente, a comunidade aponta os seguintes prováveis motivos:

  1. Versão da BIOS, porém, já realizei 3 atualizações. No momento está na última versão.

  2. Problema de fabricação;

  3. Problemas com amd-ucode, firmware, um problema de comunicação entre kernel Linux e o Ryzen;

  4. Problema no powersaving do Ryzen 5 1600, é o que mais estou considerando no momento, visto que “processor.max_cstate=1" é uma solução alternativa que não permitiu problemas de reinicializações e congelamentos por 6 meses.

Se eu ao menos soubesse qual é a raiz do problema, ficaria um pouco mais aliviado, porque teria um norte do que fazer.

Já estou pensando na possibilidade de tentar um RMA.

IMG_20200723_174456

1 Curtida

Desde que abri este tópico, estou realizando diversos testes, e experimentei desabilitar este “Global C-State Control” no BIOS, e pelos poucos dias que fiquei com isto desabilitado, “aparentemente” pareceu ser algo eficaz.

Daqui alguns dias voltarei a desabilitá-lo novamente, e testarei por um bom tempo.

Este tópico ficará sempre aberto, em constante atualização.

Até o instante momento, creio que o problema do meu Ryzen esteja no C-State.

1 Curtida

Também um Ryzen 5 1600 e acontece o mesmo é também desabilitei o Global C-state Control. Utilizo o Elementary OS e isso já estava irritando hahaha
Se quiser posso fazer alguns testes aqui também.

1 Curtida

Algumas perguntas…

Já faz quanto tempo que você tem esse CPU?
Os problemas começaram logo quando adquiriu ele?
Depois que você desabilitou o Global C-State Control, os problemas pararam?
Já faz quanto tempo que você desabilitou isto no BIOS?

Eu tenho um 1600AF e vou te falar que tive problemas em todas as distros praticamente, até no Ubuntu.

Tentei Manjaro, Ubuntu, Solus, Mint, Debian e nenhuma distro ficou sem problemas.

Solus travava aleatóriamente.

Manjaro tinha bugs de travamento de interface.
Ubuntu travamentos de interface.

Mint não lembro se chegou a apresentar problemas, mas por algum motivo eu troquei.

No Debian o processador ficava a 100% na área de trabalho.

Usando Fedora a uns dias e não aconteceu NENHUM bug comigo. Recomendo que você teste com o Fedora, realmente é muito estável. Provavelmente eu nunca mais vou usar nenhuma distro senão Fedora.

1 Curtida

Você está usando Fedora faz uns dias, mas este problema de congelamento e reinicialização pode demorar até 30 dias para acontecer, mas espero que não aconteça mais com você.

Caso volte a dar problemas, você pode experimentar fazer as coisas que já citamos aqui, como desabilitar o “Global C-State Control” no BIOS, ou adicionar o parâmetro “processor.max_cstate=1" no GRUB… você já havia experimentado algum destes antes?

Comprei na semana de lançamento dos Ryzen.

No começo não sabia do problema mas eu estava usando apenas Windows. Tem mais ou menos 1 ano que comecei a usar OpenSuse nele e não tinha problemas (eu não percebi), considerando que fiquei pouco tempo usando.
Mas desde o inicio deste ano eu precisei usar Ubuntu 19.04 para fazer processamento de dados, o pc tinha que ficar mais ou menos 20 horas ligado, no começo ele dava esse problema de congelar, levei quase 40 horas por causa disso. Ai já tem uns 3 meses com o Elementary OS que fica randômico esses crash.

Sim quando desabilitei ele parou os problemas.

Tem uns 20 dias que desabilitei.

1 Curtida

Comigo também acontecia esses congelamentos. Fui para o Fedora. No começo começou bem, mas depois apareceram nele também. Voltei para o Ubuntu, depois de rodar por várias distros.

Aí tive uma ideia bem besta, mas até agora está dando certo. Deixo alguma coisa rodando para que o computador nunca fique em estado ocioso. Parece que o problema maior dele era esse. Faz 5 dias e não aconteceu ainda travamentos/congelamentos.

Estou usando um Ryzen 7 1700X e uma GPU AMD RX 570.

É variável esses congelamentos, mas espero que de certo essa técnica kkkkkk

Como relatei antes, usando para processamento de dados onde a CPU ficava em 80 a 90% o tempo inteiro e usando ate 30 GB de RAM ele mesmo assim apresentava congelamento comigo… talvez por causa do Ubuntu 19.04