Qual distro rolling release é mais estável?

Bem, sei que ao falar de estabilidade, esse tipo de atualização não é a 1ª coisa que se vem a mente, porém, não é como se rolling release fosse sinônimo de instabilidade. Dentre as distros de atualização continua, qual é a que tem a tendência a quebrar menos?

90% dos meus problemas com o Arch Linux eram relacionados ao driver da Nvidia, desde que troquei de PC e passei a utilizar apenas Intel Graphics tive uma experiência muito melhor. Bugs podem surgir, mas são relativamente incomuns e são corrigidos rapidamente, ao contrário do Ubuntu onde bugs se arrastam por anos. Na grande maioria dos casos quando um problema surge basta fazer o downgrade do pacote em questão, até que corrijam o problema.

1 Curtida

Olá @TiagoCardoso, apesar de não ser exatamente uma rolling release, eu fui usuário durante alguns anos do Debian Testing e posso dizer que não teve nenhuma vez que a distro quebrou - eu consegui quebrá-la alguns vezes, mas em 90% dos casos consegui trazê-la de volta à vida sem a necessidade de reinstalar.

No meu caso, eu alterava o “sources list” do nome da versão tipo “buster” para testing, então dessa forma eu permanecia eternamente no ciclo de testes. Das atuais distros realmente rolling eu estou testando o OpenSuse Tumbleweed mas ainda não tenho uma opinião formada.

1 Curtida

Estou querendo justamente testá-la.

Eu sou suspeito para falar de Debian, essa distro me acompanhou por anos e foi onde eu pude aprender e praticar muitos conhecimentos que me são úteis até hoje. Atualmente uso Elementary, mas sempre estou de olho nas coisas do Debian.

Acho que em distros Rolling, a sua atuação sobre o sistema influencia demais. Naturalmente nenhum sistema deve quebrar a si mesmo, você tem alguma preferência específica?

1 Curtida

Elas são estáveis, não como um Debian ou Slackware, mas são. Só que o “Estável” pode virar “Instável” dependendo da forma como o usa.

2 Curtidas

Arch, opensuse tumbleweed e manjaro nunca tive problemas

Atualmente uso o Manjaro e não tenho nada a reclamar.

2 Curtidas

Gostava muito do manjaro mas não funciona no meu pc novo. Atualmente estou no Solus OS e estou mais que satisfeito.

falar por experiência própria é complicado, pois vai variar muito…o fator “user” influencia tanto em distro rolling quando fixed release, claro se for um archlinux da vida o fator “user” vai pesar muito mais…

pode “tentar” chegar a alguma conclusão avaliando alguns fatores:

1 - quantidade de devs da distro
2- tamanho da comunidade que ajuda com testes
3- histórico
4- método do empacotamento e testes

2 Curtidas

@fastos2016 Alex (BabyDora/Wogue) publicou algo bem interessante, acho que se encaixa no seu comentário, e de certa forma é algo que observo faz bastante tempo, acompanho as publicações desde os tempos do World of GNOME (Wogue) que está extinto e apesar de ser um pouco radical, às vezes concordo com algumas das suas colocações, principalmente em relação a Canonical (Nada contra o Ubuntu), na questão dos testes no GNOME se houvesse uma versão do Ubuntu que proporcionasse um Technology Preview
https://dl.fedoraproject.org/pub/fedora/linux/development/rawhide/Workstation/x86_64/iso/Fedora-Workstation-Live-x86_64-Rawhide-20190701.n.0.iso
para os usuários para que estes pudessem reportar bugs seria bem interessante, maaaaaasss infelizmente isto não ocorre, na verdade acaba quase tudo ocorrendo no Fedora Rawhide, sendo a distro mais popular seria o mínimo que deveriam fazer, disponibilizar uma versão de testes com o GNOME unstable para que os usuários interessados pudessem testar, mesmo que fosse em máquinas virtuais, assim teriamos mais bugs reportados e solucionados.
https://babydora.me/blog/canonical-vs-red-hat-on-gnome/

PS:Rawhide não é rolling Ok, mas é a única grande distro Bleeding Edge com GNOME que Conheço, se houver outra por favor me apresente pois quero testar, no nível das outras está o Fedora estável (30) no momento.

1 Curtida

o ubuntu tem as 'daily builds" que é o canal de desenvolvimento, lá não tem o gnome em dev não?

1 Curtida

Migrei do Mint para o Manjaro em 2 computadores, nada a reclamar até o momento.

1 Curtida

Que eu me lembre não, pois a daily build é um snapshot da futura versão eoan, se eles forem incluir isto vai ser lá pra agosto ou setembro quando o GNOME já estará em RC ou Beta.
Ná época que utilizava o Ubuntu unstable para se ter a versão mais recente do GNOME somente através de ppa do Rico Tzschichholz mas ele não mantem mais este ppa sendo a última versão pré GNOME 3.20.

1 Curtida

Acredito que as distros R.R mais estáveis seja o Manjaro e o Arch (apesar de ter tido alguns bugs, mas que foi corrigido bem rápido :slight_smile:)

Bom, quanto eu utilizei o Mint eu sempre esperava um pouco antes de fazer qualquer atualização e no Manjaro sigo no mesmo compasso. Quando avisa que tem atualização disponível, eu espero algumas horas antes de efetivar essa atualização.

No Manjaro tem os “canais” Estável, Instável e Teste. Deixo o meu configurado no estável, e até agora tudo beleza. Já no instável tem situações que as pessoas testam, relatam os problemas e um pouco depois, até agora foi assim que vi, o pessoal corrigia aqueles erros relatados.

1 Curtida

Aproveitando esse ótimo tópico sobre distros RR, queria esclarecer uma dúvida que tenho: o Fedora Workstation é uma distro RR? Não sei dizer se ele é ou não, mas na minha visão, na forma como é atualizado os pacotes constantemente, parece muito com uma RR, mas realmente ele é mesmo RR?

O Fedora é uma distro estranha nesse ponto, alguns pacotes são atualizados, outros não, não existe uma política clara do que pode ou não ser atualizado, fica a critério dos mantenedores de cada pacote. Ainda assim o Fedora é uma distro fixed-release, o Gnome e alguns outros pacotes só são atualizados em novas versões da distro.

3 Curtidas

Agora entendi, agradeço pelos esclarecimentos :+1: