Quais distros Linux brasileiras estão ativas em 2021?

Conto com a ajuda dos amigos para compor uma pequena lista de distribuição nacionais ativas neste momento (início de 2021). O objetivo é ajudar um amigo com uma bateria de testes.
Observação: quanto mais desconhecida melhor, o intuito é de alguma forma dar visibilidade como o Linux Kamarada e o Educatux:

2 Curtidas

Sei do Regata OS:

E do BrOS:

https://br-os.com/

2 Curtidas

O Tiger OS bem que poderia entrar nessa lista, não ?

4 Curtidas

Com certeza.

1 Curtida

Tem o Big Linux:

2 Curtidas

Sim, acredito que seja a distro brasileira mais longeva ainda ativa.

1 Curtida

Lembrei do Hyperbola Linux cujo diferencial é ser Linux Libre:
https://www.hyperbola.info/

1 Curtida

Temos o controverso LinuxFX:

http://www.linuxfx.org/

E esse eu não conhecia, o Gobo Linux:

O Hyperbola eu sei que é um dos projetos apoiados pela FSF por ser 100% FOSS. É uma rara distro baseada em Arch com ISOs 32 bits (o Bluestar é outra). Não sabia que era “brasileira”, achava que era um projeto de vários países (imagino que seja, mas eles marcaram Brasil no Distrowatch):

https://www.hyperbola.info/

O Distrowatch ainda fala do DuZeru, mas aqui sabemos que ele se foi… uma pena

2 Curtidas

Ah, teria o Linux Educacional… mas ele está sendo desenvolvido ainda? Está disponível, mas da última vez que olhei, me parece bem parado

Du já vi esse Gobo, ele é bem diferente. O Hyperbola deve ser isso mesmo que você disse, internacional, mas, provavelmente a idéia surgiu no Brasil e centralizado a partir daqui, outra curiosidade além de ser GNU/Linux Libre é que acho que ele é o único derivado do Arch que é “fixed”.

1 Curtida

Em tese sim, pois o site está funcional e tem versão 6.1 de 2018:
https://linuxeducacional.c3sl.ufpr.br/
Além disso, o Centro de Computação Científica e Software Livre (C3SL) da Universidade Federal do Paraná (UFPR) ainda está ativo e o suporta, apesar de aparentemente não existir mais interesse por parte do Governo Federal.

1 Curtida

Ah, tem o Amarok Linux também:

3 Curtidas

Pô, tá aí um bom exemplo de distribuição que vem com um WM por padrão (Awesome)! Tinha um tópico sobre isso outro dia e acho que o Gobo não entrou.

O interessante é que o Gobo usa uma estrutura diferente para armazenar os programas, como a própria documentação indica, é isso que o usuário encontra na raiz ("/") por padrão:

  • Programs/
  • Users/
  • System/
  • Data/
  • Mount/

Não é exatamente a minha praia, porque eu gosto do jeito Unix de fazer as coisas, mas tenho certeza que pode ser preferível para algumas pessoas.

2 Curtidas

Podemos dizer que o Endless os tbm faz parte deste grupinho?
Pelo menos um br está no time do Endlessos

1 Curtida

O TigerOS está muito vivo, até mais do que quando criei a primeira versão. Desde 2007, ele sempre foi uma distro para eu poder atender meus clientes com mais comodidade, uma vez que ele era “atraente” e pequeno, por não vir com programas “para tudo”.

Hj ele está se tornando algo interessante de tornar público, uma vez que o @eltonff e o @Natanael.755 estão se dedicando a criar particularidades.

A ideia nem de longe é tornar-se a distro mais usada, convencendo atuais usuários de outras distros a migrarem para ele, mas sim, ser a referência para empresas adotarem.

Logo mais irei para um estúdio gravar novos vídeos usando o visual definitivo da remaster, além de preparar um cursos de introdução para usuários leigos.

3 Curtidas

Na verdade, ele usa a unix fh, só que oculta usando um módulo no kernel chamado “gobohide” e cria symlinks para os subdiretórios de /System