Plasma 5.17 mais leve que XFCE segundo o Forbes

Recentemente li um artigo do Forbes, fazendo vários testes com o KDE Neon, Xubuntu e Kubuntu, usando Plasma 5.17, XFCE e Plasma 5.16 respectivamente. Os números mostraram um consumo de RAM menor para o 5.17 em máquina virtual que o consumo médio de RAM pelo XFCE, e um consumo proporcional a quantidade de RAM disponível em uma máquina real, similar ao que o Windows 10 faz hoje em dia. Depois fizeram mais testes com outras distros como o archlinux mas ainda usando as mesmas versões das interfaces, com resultados similares. Vou deixar um link para o artigo caso queiram dar uma lida.

Agora para a nossa discussão, quero levantar dois tópicos. Um: Como esses números nos afetam na prática? Eu uso plasma 5.17 como interface padrão no meu desktop e posso dizer que esse consumo de RAM varia bastante dependendo da forma como a interface é configurada
Dois: O que acham disso tudo? Será que estamos a beira de uma mudança brusca de certa forma?

Link para o artigo: These Xfce Versus KDE Numbers Reveal A Shocking Surprise About Linux Desktop Environments

1 Curtida

Números de máquina virtual não são os mesmso de um uso real, em máquina física, esse é o primeiro aspecto, outro lance é que usar um DE vanilla é diferente de usar um customizado…

E o mais importante é que cada DE tem um tipo de resposividade relacionada aos programas que você usa, o consumo de um mesmo app pode variar de acordo com o DE.

4 Curtidas

Vi a matéria da Forbes, mas concordo com @rauldipeas

1 Curtida

É por isso que fiz esse tópico. Se fosse para basear apenas na afirmação que o Plasma 5.17 é mais leve, eu levantaria várias questões como “Qual processo está leve” e coisa do tipo. Como o Plasma é modular, o processo do plasmashell é independente do plasmasession, que é independente do kwin, que é independente do baloorunner, que é independente do krunner e por aí vai. Se somar todos os processos do Plasma, não sei não se vai sair mais leve em RAM que o XFCE, mesmo se colocar tudo em consumo mínimo, como fiz com o plasmashell uma vez para consumo abaixo de 80 MB. Mas o resto, como Kwin e o file indexer do baloo não foram mexidos.

Fala pessoal, tudo beleza?

Hoje em dia, na minha opinião não faz diferença para 90% dos usuários - a forma como o kernel gerencia memória RAM evoluiu muito e o fato da memória estar alocada não é mais necessariamente um problema, desde que a DE trabalhe corretamente em conjunto com o kernel para liberar os recursos quando for necessário.

Já fazem alguns anos que uso nos meus micros 8Gb de RAM eu realmente não me importo de ficar com 7.5Gb alocados se estiver tudo funcionando normalmente e eu estiver trabalhando de forma fluida.

Novamente “na minha opinião” parece existir uma espécie de fixação em querer rodar um sistema com o mínimo de RAM possível sendo que o restante da capacidade do hardware fica “desperdiçada”. A analogia que eu faço é a seguinte: você compra um ônibus, mas espera que os passageiros nunca ocupem mais do que 4 bancos. Nesse caso, não seria mais interessante então, que você tivesse comprado um carro de passeio?

No que se refere à memória RAM, se não estou observando travamentos/congelamentos ou lentidão eu nem me preocupo com o quanto está sendo consumido. Entenda que isso não quer dizer que o sistema ser otimizado não é importante, como há alguns anos quando o Gnome tinha um problema de vazamento de memória que causava todo tipo de problema e que felizmente foi resolvido nas versões atuais.

:vulcan_salute:

4 Curtidas

Vida longa e próspera!

Cara, tu tem total razão aí. No meu caso, minha única preocupação quanto a memória RAM é só quanto a navegadores de internet e alguns outros programas que não sejam tão bem otimizados assim. Por exemplo, eu jogo Starbound de vez em quando mas esse jogo é mal otimizado pacas. Eu tenho 6 GB de RAM aqui e o jogo pede pouco mais de 2 GB para funcionar nas especificações recomendadas na Steam. Mas como o jogo é mal otimizado, há momentos que ele usa tanta memória RAM que força os outros processos irem para Swap ou o Kernel matar o processo do Starbound por falta de RAM. Fora isso, o uso inteligente é o que importa, tirando um momento para citar o Baboo. xD

Tipo, como assim o Discord usa tanta memória RAM e CPU para mandar uma mensagem só? O meu PC tem um Intel Core i3-2100, 3.1 GHz Dual Core com Hyperthreading para virtualizar dois núcleos extras. Uma vez estava com ele e o Sims 3 aberto (pelo Wine, é claro) e, porque eu mandei uma mensagem enquanto o jogo estava salvando, o computador travou completamente, sendo necessário reiniciar. Quando fui abrir o jogo outra vez, eu vi que meu save tinha sumido.

Só dei uma olhada bem superficial no artigo, não li por inteiro, se eu estiver errado me corrijam, mas deu a entender que o comparativo foi entre distribuições e não ambientes gráficos. Se for comparar apenas DE’s, o XFCE ganha, basta olhar no gráfico abaixo pra entender.

Pra comparação ser justa, podiam usar distros minimalistas como o Arch Linux e o Void e comparar diferentes DE’s nelas pra que o resultado seja mais genuíno e coerente. Esse é o contexto.

3 Curtidas

Acho que é a primeira parte ou está incompleto, falta analisar uso de cpu, gpu, HD…consumo de energia etc…

Consumo de RAM do KDE é Ótimo, lembrando que o sistema não é só RAM, KDE usa bastante o Processador e GPU também

Acho que, independente da distro, deveriam usar só uma como base comparativa pros DEs, alias, sendo Ubuntu já abraçaria a grande maioria dos usuários de Linux.

2 Curtidas

Dependendo da forma como é configurado o Plasma pode ser o DE mais pesado ou mais leve, tendo em vista que é o mais customizável de todos.

2 Curtidas

Eu usava o KDE Plasma com vários efeitos ligados, blur e mais blur, e rodava “ok” em meu notebook com Celeron, mas o XFCE ainda continua sendo mais leve que o KDE Plasma :slight_smile:

2 Curtidas

Não cheguei a testar o xfce ainda, irei fazer isso hoje, mas o plasma mesmo com várias customizações, efeito de lâmpada mágica e janela gelatinosa ainda era mais leve que o Gnome., vamos ver como fica o xfce

2 Curtidas

Tipo assim, compararam um fusca com uma ferrari…

Ainda existe essa ideia estupida de economia de memoria?
Perda de tempo ver esse tipo de “jornalismo” de 5º kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Maior perda de tempo e ficar choramingando mbs de memoria…

1 Curtida

Humm interessante. Infelizmente existem vários aspectos que devem ser considerados. Só uma observação quanto ao uso de memória RAM: o uso maior ou menor (números) não significa necessariamente que um environment é melhor ou pior do que o outro. Existe, se não me falhe a memória, um vídeo onde o @Dio aborda esse assunto. Basta dar uma vasculhada no canal do YouTube. Memória RAM não usada pode ser desperdício de recurso. Outros aspectos como uso de CPU e disco podem ser mais relevantes. De qualquer forma, é simpre bom discutir e realizar testes (usando máquinas reais, claro).

Abraço a todos, pessoal.

Pois é, não usar uma quantidade exagerada de RAM hoje em dia é importante, como sempre foi, mas acima de tudo, o importante é a responsividade do sistema. Meu Smartphone Android tem 6GB e tem sempre mais de 3GB carregado, as vezes mais do que isso, mas funciona muito bem, a ponto de eu não precisar me preocupar com isso. Isso muitas vezes acaba se refletindo no computador.

Pode acontecer de um sistema travar ou dar algum problema porque a memória está lotada, mas eu também já vi muitas vezes as pessoas deduzirem de forma errada que uma interface deu uma travada e usa um pouco mais de RAM do que ela gostaria, que o problema é o consumo de memória, quando na verdade muito provavelmente é outra coisa.

3 Curtidas

Pra essa afirmação ser verdadeira, teríamos que ter uma comparação entre Arch Linux KDE e o KDE Neon / Kubuntu, o qual não foi feito.
Assim não dá pra comparar de forma justa já que o Arch XFCE tem uma base mais otimizada do que a do Xubuntu 19.10.

Totalmente. A comparação é entre interfaces, não as distribuições. Se for para eu fazer, só vou poder testar em máquina virtual, o que vai gerar resultados diferentes de uma máquina real. Talvez seria uma idéia interessante se fizéssemos os testes nós mesmos, usando uma instalação mínima como o Archlinux mesmo. Tem o mais recente de ambos e é relativamente estável.

Mas também não é só medir o consumo de RAM. Também tem a usabilidade e estabilidade sobre o consumo registrado.

2 Curtidas