OBS Studio Linux Fedora 32

Instalei o OBS Studio no Linux (Fedora 32). Segui as dicas do Diolinux e correu tudo bem. Se entendi direito, o OBS Studio destina-se a fazer lives abertas, por intermédio do Twitch ou YouTube. A minha pergunta é sobre a possibilidade de o OBS Studio ser utilizado com aplicativos de streamming, como Zoom, Jitsi ou Google Meet, em uma forma multicast e não broadcast como YouTube.
Procurando pelo Google, encontrei um plugin para o OBS-NDI, não sei se é adequado.
Para ser mais específico o que eu gostaria:
Estudantes acessam o Zoom, por exemplo, e eu acesso o Zoom por intermédio do sistema (DroidCam obs) --> Zoom. Seria possível ou é muita loucura? Com isso eu poderia fazer apresentações, explicar ensinar programação, etc em um ambiente integrado.

Você quer fazer a transmissão e gravar, é isso?

O Zoom não tem essa opção?

No Teams, é possível fazer uma conferência e gravar ela.

Obrigado por sua resposta, @nando3d. Possivelmente não especifiquei corretamente o problema. Penso em usar as funcionalidades do OBS Studio para a produção de lives, como disse e poder, or exemplo, desenvolver soluções em tempo real de problemas de física, matemática e computação (python, basicamente). Uma das funcionalidades do OBS é que eu posso preparar, no modo estúdio, um preview e mostrar simultaneamente com a explicação; claro que eu poderia gravar, ok. Mas seria legal fazer isso em tempo real, como em uma sala de aula convencional.
Vi que o obs possui a funcionalidade de câmera virtual. Imaginava que funcionaria somente no Windows, mas descobri isso:

For Linux, you can use the Video4Linux sink plugin for OBS Studio. Directions on how to configure it are available from that link. Work is underway to provide a similar plugin for macOS, but there is no ETA.

Que, suponho, pode dar certo. O que você acha?

Não conheço essa aplicação.

No caso seria isso mesmo, ou você faz uma live com o OBS direto pro Youtube, e aí as pessoas acompanham por lá, interagindo via chat.

Ou usar uma aplicação como Zoom e o Teams.

Não usei o Zoom, mas acho que as funções do Teams são iguais, já que eles são concorrentes. Nele é possível transmitir a tela para os outros participantes verem. A interação é maior porque os participantes podem transmitir audio, video e chat também.

Valeu @nando3d, vou testar esse tipo de solução, que seria algo como criar uma câmera virtual acessível aos aplicativos de streamming como zoom, jitsi ou google meet. A vantagem sobre o compartilhamento de câmera é que, com o obs, poderia, não apenas compartilhar a tela, como os aplicativos o fazem, como utilizar cenas, como sequências de vídeos, animações etc, como se faz o OBS. Vou pesquisar mais e compartilharei os resultados positivos ou negativos aqui.

A versão 26.1.0 do OBS Studio, lançada recentemente trouxe a câmera virtual para o Linux. Pra funcionar é necessário instalar o pacote v4l2loopback-dkms.

Fonte: Releases · obsproject/obs-studio · GitHub

Vou testar, e compartilhar os resultados. Valeu @Francehelder.

Verifiquei que o OBS Studio 26.1.0 possui a funcionalidade da câmera virtual, e conforme @Francehelder nos disse, basta instalar o pacote v4l2loopback-dkms. Instalei e vou testar. Suponho que desta forma seja possível fazer uma live, sequenciando conteúdos e apresentando-os ao longo da exposição de forma didaticamente coerente. A ver, então.
Mais uma vez, valeu @Francehelder pela preciosa dica. :sunglasses:

1 Curtida

@Francehelder: instalei o pacote v4l2loopback no desktop, funciona perfeitamente. Tentei instalar no notebook, aparentemente tudo ok, mas quando vou executar, obtenho essa mensagem de erro:

Failed to get properties for encoder ’ ’ (ffmpeg_aac)
Could not enumerate any AAC encoder bitrates
Failed to create aac streaming encoder (simple output)

Se tiver um tempinho vou investigar um pouco. Há um arquivo fonte e se alguém se interessar pode ser estudado. O código está em aqui. A linguagem é C++, mas nada absurdo.
Meu “chute” é que houve um problema na instalação e os codecs não estão definidos, mas há que se ver…

O ffmpeg está instalado?

Segui essa trilha e vi que precisava instalar não apenas o ffmpeg, mas toda uma suite de codecs. Uma vez instalados, funcionou na boa. Já havia verificado n vezes, mas quando analisei os requisitos e dependências, vi que não bastava só precisava dos pacotes de desenvolvimento. Tudo ok agora!
Valeu a força, @Francehelder!

1 Curtida

A minha distro linus é Fedora, F32, e só a título de informação, os pacotes que instalei são os sugeridos neste link.
Obrigado, @Francehelder e @nando3d pela atenção e ajuda.

2 Curtidas

Como disse, instalados os pacotes, a coisa funciona muito bem. Tentei utilizar o NDI tools, após duas tentativas mal sucedidas, descobri que o NDI Tools requer processadores do tipo ssse3. Meu desktop usa o Phenom II, que não é do tipo sssE3. Veja aqui a lista dos processadores compatíveis.

1 Curtida