O que falta nas distros linux para desktop pessoal em exatos 1 minuto

Incrível como algo simples passa despercebidos:

Se não entendeu, é simples: marketing

6 Curtidas

Eu acho que o que tem quer ter marketing é um produto (um pc por exemplo) e não um sistema que ta rodando nele em si, um exemplo é essa propaganda ai do Chromebook, é uma propaganda dele, e não do Chrome OS.

Comercial bem bolado kkkk, boa sacada da Google. O Chromebook tem potencial.

3 Curtidas

Marketing é fundamental, e através dele que vem usuários e são os usuários que atraem os desenvolvedores a plataforma, para não cair naquela se tivesse tal app eu migraria hoje, tal app não tem versão pra Linux, quando tiver tal app eu migro…
Um Linux Deepin da vida por exemplo numa parceria com a Lenovo venderia fácil, já que visual também é chamativo a novos usuários.

4 Curtidas

Indo pela contra mão, os comerciais do Windows são sobre o sistema operacional, o motivo da propaganda ser sobre chromebooks é porque a Google não dá suporte ao sistema fora deles

Tenho um Chromebook da geração 2 da Samsung há 5 anos.
Agora deu alerta que não terá mais atualização do sistema para ele.
Obviamente o hardware dele é bem antigo e já não tem a performance inicial. Agora minha filha usa para a faculdade.
Se tivéssemos acesso a um hardware melhor aqui no Brasil, como os Top da Google, Acer, Hp ou Samsung, a preços justos, usaria um sem pensar duas vezes. Não senti falta de absolutamente nada do que preciso usar num notebook.

2 Curtidas

No Brasil, a principal barreira para a popularização do ChromeOS é o preço (se a Google atuasse aqui com esse produto). Apesar de algumas iniciativas em trazer o Chromebook (Acer e Samsung) e o Chromebox (Dell)… O preço era proibitivo (com um pouco mais, dava para pegar outro equipamento, com especificações que saltavam aos olhos - em relação ao Chromebook).

Se for falar em produtos acessíveis, as fabricantes daqui começam a empurrar porcaria. Um exemplo claro é a Positivo e a Multilaser… lançam aqueles notebook de 1.2k reais com hardware de tablet. Quem fez um bom serviço, a pouco tempo atrás foi a Lenovo, com um notebook Ryzen por 1.8k (e o equivalente com Intel, era qse 3k).

Com certeza o ChromeOS ganharia popularidade muito rápido - sem falar na intergração total e nativa com aparelhos Android (ao estilo Windows e Windows Phone). O maior problema do ChromeOS deve ser a compatibilidade com inúmeros hardwares - e por isso eles não lançam para qualquer um instalar.

Há alguns anos atrás, li que a Google investiu no CloudReady da Neverware. Se o ChromeOS for disponibilizado… A Google compra a Neverware antes.

2 Curtidas

a maquina é só pra usar de protótipo pra levar o SO, a google pego os piores problemas dos sistemas Windows e Mac, update, em Vez das empresas como a canonical também jogar isso na cara deixa “midia especializada” falar que linux não recebe atualização.

1 Curtida