Linux Mint 19.3 - Ambiente de desenvolvimento

Boa noite galera, preciso de uma ajuda com configurações no linux mint 19.3

Então, estou migrando do ambiente windows para o ambiente linux, com essa mudança veio alguns erros… Pesquisando na internet eu conseguir configurar alguns aplicativos pelo terminal, porem continuo com alguns erros. Preciso de ajudar para configurar esse ambiente, pois windows já me encheu a paciência.

Configurações feitas:

1 - Linux mint com tema macos.
2 - JDK 11
3 - Tomcat 9 (erro ao acessar porta 8080).

Na configuração do Tomcat, eu vi muitos videos ensinando a instalar via terminal, porém aconteceu muitos erros de permissão, “caguei o negocio todo”.

Sou leigo em linux, portanto preciso de ajudar para montar esse ambiente nem que tenha que formatar novamente, na internet tem muita coisa, e nada concreto.

Como sou novato também, vou tentar lhe ajudar em pelo menos uma dúvida.
Eu segui esse tutorial e foi de boa para deixar como o macos

Geralmente a porta 8080 da problema em todo SO mesmo, já tento muda de porta?

Tira print do erro pra gente vê certinho

1 curtida

Olá, @alanngeorge1, bem vindo ao fórum!

Para instalar esses pacotes eu realmente recomendo usar o terminal. Dá para se fazer isso usando o gerenciador de aplicativo, porém eu acho um pouco pior para achar esses pacotes do sistema e ver quais dependências (pacotes) que serão instalados juntos.
Ou seja, simplesmente rodando o comando abaixo vai instalar as duas coisas:
$ sudo apt install openjdk-11-jdk-headless tomcat9

Porém, para configurar o tomcat é outra história. De forma bem resumida, por padrão o tomcat roda no usuário “tomcat”, e você provavelmente vai usar um diretório que pertence ao seu usuário. Quando o tomcat for criar os arquivos de log, por exemplo, esses arquivos e diretórios criados pertencerão ao usuário “tomcat” e não ao seu usuário, o que vai começar a dar embolar as coisas. Eu já tive vários problemas com isso. A solução que eu cheguei foi configurar o tomcat para rodar no usuário que possuir os arquivos que serão executados.
Nesse tutorial eu explico como fazer isso para o caso do software “DSpace”, mas dá pra usar como exemplo para qualquer outra coisa. Veja a seção " Instalação do sistema", e ai adapte para o seu usuário.
http://www.inf.ufpr.br/bnzanette/dspace/howto-install-dspace.html

Sobre o erro que você comentou, da porta 8080, pode ser uma infinidade de coisas. Recomendo ver o arquivo /var/log/tomcat9/catalina.out para verificar qual erro que está acontecendo.

Não use essa porta, qualquer coisa que abra portas TCP/IP vai usar essa por padrão

Sim sim, sempre com SO.

Erro é em subir meu projeto para o tomcat, o mesmo não encontra os links setando as pastas css, js, bootstrap.
Verificando na internet, vi que tinha algumas configurações, sem sucesso.

Obrigado pela dica.
Vou reconfigurar.

Bruno, vou da uma olhada agora.

Aproveitando, uso spring no back e react /node no front … entre outros framework, alguma dica nas instalações dos mesmos?

Cara, eu estou começando a brincar com o Node agora pra aprender. No momento estou utilizando dois sistemas: Mint 19.3 (principal) e Ubuntu 20.04 Beta. No Mint eu acho que usei o PPA do NodeJS para instalar (distributions/README.md at master · nodesource/distributions · GitHub), mas creio que dá pra instalar uma versão mais antiga sem o PPA (Eu não estou usando o Mint no momento para verificar com mais detalhes as versões). No Ubuntu, eu decidi instalar via Snap e, mesmo não sendo muito fã da forma que os Snaps funcionam, está funcionando perfeitamente bem. Tem como instalar via Snap no Mint também sem problemas, bastando instalar o suporte para Snap. O que eu gostei desse método é que não precisa instalar um monte de dependências e é muito simples de instalar.

Outra opção é usar gerenciadores de versões especializados, como o RVM para Ruby e NVM para Node. Eu já usei bastante o RVM e funciona muito bem, mas ainda não testei o NVM.

O que eu recomendo é evitar ao máximo usar PPAs (no caso do Mint só usei o PPA do Node por ser um PPA oficial do distribuidor do pacote e por não ter uma versão decente nos repositórios do sistema), e verificar bem as dependências que serão instaladas (por exemplo para verificar se não vai remover algum pacote importante ou se tem algum conflito de versões de dependências).

Ou seja, no fim a dica é só ter um pouco de bom senso, não instalar um monte de coisas sem saber minimante o que está instalando, e quando não souber tentar achar algum site confiável que explique. Alguns sites de Hospedagem de servidores disponibilizam bons tutoriais de como instalar e configurar o ambiente de desenvolvimento para certas linguagens/framewors (Ex.: Aprenda Como Instalar Node.js e NPM no Ubuntu 18.04) e as vezes até o próprio site mostra as melhores formas de instalar (Installing Node.js via package manager | Node.js).

Entendi!

A ideia é fazer funcionar sem muito arrodeio, acabei cagando o sistema realizando um monte de instalação.

como sou leigo no assunto, acabei instalando a distro mint, até então show de bola.
Porém estou com esses problemas de configuração.

Se tiver algum scripts para automatizar a configuração, eu aceito!

O problema não é o Mint não. Pode ficar tranquilo que você fez uma boa escolha.
É mais se acostumar mesmo em como as coisas funcionam. Muitas vezes as coisas vão quebrar, mas aí é só remover tudo e começar de novo. Com o tempo é fácil de pegar o jeito.

Por exemplo, com os comandos abaixo você pode remover todo o tomcat, deletar os diretórios que podem ter sobrado (normalmente /var/log/tomcat9, /var/cache/tomcat9 e /var/lib/tomcat9) (Pode deletar sem medo. Pode usar o navegador de arquivos como root, caso não queira se arriscar muito no terminal) e depois instalar novamente com o mesmo comando, assim você terá uma instalação limpa novamente.
$ sudo apt purge tomcat9 (remover o pacote)
$ sudo rm -rf /var/lib/tomcat9 /var/log/tomcat9 /var/cache/tomcat9 (deletar os diretórios que podem ter sobrado)
$ sudo apt install tomcat9 (instalar o pacote)

Eu não tenho nenhum script para isso, pois normalmente a parte mais chata é a configurações desses pacotes, o que acaba sendo mais fácil fazer na mão. Eu só costumo deixar anotado em algum lugar como fazer e as configurações que eu usei. Nesse caso do DSpace, por exemplo, de tanto instalar e reinstalar, eu acabei escrevendo esse LeiaMe com as instruções e vou atualizando ele sempre que percebo algum erro ou forma melhor de fazer.

1 curtida

Resolvido, obrigado Bruno!

1 curtida