Google Drive no Linux

#1

Caso alguém conheça algum outro cliente não oficial, eu agradeço.

3 Likes

#2

Algum problema com algumas destas opções? Já que são várias.

0 Likes

#3

Não.

Coloquei esse tópico para divulgar aos iniciantes no Linux os clientes do Google Drive, eu, mesmo, só conheço os que você citou nos vídeos. Porque antes eu usava o DropBox que tem cliente oficial para Linux, mas a versão gratuita só da direito a armazenar até 2 gigas de dados. Nem se compara com a versão gratuita do GD que dá direito a 15 gigas.

2 Likes

#4

Grive2

git do Grive2: GitHub - vitalif/grive2: Google Drive client with support for new Drive REST API and partial sync

Só vou adicionar um complemento, alguns podem achar meio fora de mão pra iniciante, mas acredito que é tão fácil quanto os outros métodos. Estou falando do grive2.

Ele funciona por terminal, mas é oq mais funcionou pra mim sem me dar problema de exclusão, ou perda de dados ou dados duplicados.
Ele é extremamente simples, vc pode instalar ele por todas as lojas de aplicativo ou clonando a versão do github. Após instalar ele, vc simplesmente cria uma pasta na sua home com o nome que quiser, abre o terminal dentro desta pasta e
escreve: grive -a

Após isso é gerado um link no terminal que leva a acessar sua conta no google drive e após vc logar, é gerado uma chave de acesso que vc copia e volta a digitar ela no mesmo terminal. Dando enter após digitar essa chave, seus arquivos vão ser baixados com extrema rapidez e mostrando no terminal oq está sendo baixado ou enviado.

Pronto, seus arquivos estarão no seu pc e no drive e sempre que vc quiser fazer a sincronização, basta abrir a pasta do seu computador que tem o seu drive pelo terminal e executar: grive e tudo vai ser sincronizado. Bem simples.
Há também a possibilidade de multi contas, diferenciando simplesmente por pastas para quem tem mais de uma conta no drive.

Também há a possibilidade de exclusão de arquivos ou diretórios caso vc queira sincronizar apenas algumas pastas especificas, funciona com um arquivo que vc coloca quais diretórios vão ser excluídos da sincronização. bem simples no git também está explicando como funciona a exclusão de sincronização.

Atenção

A versão estável não permite uma sincronização automática sempre que houver a atualização tanto no drive quanto no seu computador, precisando sempre que vc quiser sincronizar utilizar o comando grive dentro da pasta.
Porém a versão que está no github fornece já um sistema de atualização semi-automático que consiste em executar o comando grive a cada tanto tempo. Sinceramente isso funciona muito bem, hoje só coloco os arquivos e espero uns 10 segundos eles já estarão sincronizados tanto em nuvem quanto no computador.
No site do git eles ensinam a habilitar essa função. Enfim, só uma informação que acho relevante pq por mais que seja por terminal, é extremamente simples de se instalar, configurar e usar e pra mim foi a melhor solução, tendo em vista que ja utilizei todas as outras possíveis.

2 Likes

#5

Já experimentei vários (todos dos vídeos, inclusive).
O Grive2 ainda não testei.
Como disse o @leonardopn acima, também tive vários problemas com exclusões, dados duplicados e perda de dados e lentidões insuportáveis.
Na minha opinião, dos que já testei, o Insync é, de longe, o melhor. Porém, considero-o caro também.
Nas minhas buscas, me deparei com o OverGrive. É uma solução paga, mas considero um preço “justo”: U$4,99 (existe uma versão trial disponível). Me parece que o projeto está abandonado, mas funciona excelentemente bem.
Ele sincroniza sem problemas, é muito simples de configurar e não tive problemas com perdas de dados. fikdik. :sunglasses:

1 Like

#6

Uma coisa engraçada: Geralmente no mundo Linux os programas são “free”, mas no caso do google drive temos que pagar por um cliente. Já no mundo Windows, onde a maioria dos programas tem licença, o Google Drive é de graça.

2 Likes

#7

Já usei o OverGrive durante uns 6 meses e tive problemas, aonde ele mostrava tudo sincronizado, mas ao olhar por outro lugar notava que algumas coisas não estavam lá, ou seja se formato a máquina perderia algumas informações por achar que a ferramenta estava fazendo seu trabalho assim como mostrava, até entrei em contato com suporte deles, mas não resolveram, no fim mudei para o Insync no qual estou a mais de ano e nunca tive qualquer problema.

1 Like

#8

Uso o Opendrive no Mint e no lubuntu e funciona 100%!

1 Like

#9

Nossa, muito simples mesmo.

0 Likes

#10

Obrigado, @thiagodalsoto.
Até agora não detectei nada, mas vou ficar ligado. :+1:

0 Likes

#11

Instalei o Odrive no Linux Mint, mas não estou conseguido fazer a sincronização dos arquivos, ele nem chega a criar a pasta, e está aparecendo a seguinte mensagem: Error: EISDIR: illegal operation on a directory, read, como também mostra na foto.

Alguém já teve esse problema e conseguiu resolve-lo? agradeço a ajuda.

Captura%20de%20tela%20de%202019-02-28%2000-54-23

0 Likes

#12

Onde vc está tentando criar essa pasta google drive?

0 Likes

#13

@tnsampa Um engano na minha mensagem anterior. Ele cria a pasta “Google Drive”, chega a sincronizar poucos arquivos antes de aparece a mensagem de erro.

desculpe-me.

0 Likes

#14

O meu ele criou dentro da minha home/meu usuario/Google Drive. Vocẽ está criando a pasta dentro do seu home/usuario/? pelo print não tem como ver…

0 Likes

#15

Sim. home/usuário/Google Drive

0 Likes

#16

Não sei te responder… Pela mensagem parece que está tendo erro ao tentar ler o diretório…
Tente mudar o diretório, por exemplo:
/home/user/Odrive/Google Drive. ou apenas /home/user/Odrive

0 Likes

#17

Pergunta… vc já tentou ver nas propriedades do diretório se está habilitado a permissão de leitura?

0 Likes

#18

@tnsampa, ainda não, vou tentar aqui, obrigado pela sugestão.

1 Like

#19

Estou indo dormir.
espero que encontre uma solução e que ela seja tão simples quanto alterar as permissões do diretório.

Boa noite

0 Likes

#20

Obrigado pela ajuda e torcida @tnsampa. Boa noite!

0 Likes