É possivel usar uma distribuição Linux com 100% dos softwares avulsos sendo proprietários?

Não incluindo softwares essenciais para o bom funcionamento do sistema operacional.

AVISO
Esse vai ser meu ultimo tópico por enquanto, vou dar uma saida do Diolinux Plus, ainda vou entrar uma vez ou outra para ver como anda o fórum…

Claro, descontando a DE:

  • WPS Office ou FreeOffice podem fazer a vez da suíte Office

  • Opera pode ser o Browser

  • Foxit Reader o leitor de documentos

  • Acronis OS Selector pode em tese substituir o GRUB

  • Sophos Antivirus pode substituir o ClamAv

E ironicamente você não gastaria R$ 1,00

3 Curtidas

Se você pergunta se existem softwares proprietários pra Linux, o colega Natanael já lhe deu uma boa resposta. Só vou complementar:

Teoricamente, você pode (é possível tecnicamente e legalmente) criar um sistema operacional Linux 100% proprietário se desconsiderado o kernel (que obrigatoriamente tem que respeitar a licença GPL), o que acontece é que geralmente não há alternativas proprietárias – até onde eu sei – para componentes mais essenciais, como ambiente gráfico, daemon init, etc.

2 Curtidas

Até tem, mas no geral são coisas inventadas na hora para satisfazer um Linux embarcado e não seriam satisfatórias para um desktop.

Realmente é difícil fazer um Linux de desktop integralmente proprietário, mesmo pecinhas proprietárias que estavam na base das workstations UNIX nos anos 90 (o Common Desktop Environment, o próprio Qt, etc.) acabaram tendo o código aberto.

2 Curtidas

Aí fica mais fácil instalar o Android!

3 Curtidas

Se chama Android

1 Curtida

Putz, é mesmo, eu tinha esquecido do Android!

1 Curtida