É possível ter perfis de volume de som inteligentes no Windows 10?

No KDE e no XFCE (e creio que seja o mesmo para os outros ambientes gráficos), é possível ter dois perfis de volume de som:

  1. Quando o fone de ouvido está conectado
  2. Quando o fone de ouvido não está conectado e o som vem do próprio notebook

No KDE Plasma, quando estou com os fones de ouvido, gosto de deixar o volume em torno de 50%; quando os fones de ouvido estão desconectados, prefiro que o volume fique no máximo. A vantagem no Linux é que quando conecto e desconecto o fone de ouvido, o próprio sistema faz essa mudança de volume, pois ele próprio já “aprendeu” por si só essa minha preferência.

O Windows meio que aplica isso também, mas de forma incompleta. Digamos que estou usando o computador sem fone de ouvido e com o volume no máximo, assim que coloco o fone de ouvido, o volume é reduzido para 37%, o que é bom, mas o Windows não passa disso. Digamos que reduzo o volume para 20%, tiro os fones, aumento o volume para o máximo e ponho o fone de ouvido de novo, o volume reduzirá para o padrão 37% em vez de 20% e quando eu novamente retiro os fones, o volume não retorna sozinho para o máximo. Não sei se ficou claro, mas o que quero dizer é que – pelo menos na forma padrão – não há um gerenciamento inteligente de volume no Windows 10.


A pergunta deste tópico é a seguinte: o próprio Windows 10 oferece alguma configuração que deixe seu gerenciador de volumes tão inteligente quando o do Linux?

O software do driver geralmente decide essa ação, mas e garantido que não fique fixo porque o fabricante trava um taxa segura de som, sem o driver o sistema trataria a gerenciar da sua forma
Mas o aviso sobre volume já e natural das fabricantes então o gerenciamento não vai ficar no seu ajuste

1 Curtida