É possível automatizar o backup e a restauração de imagem do sistema (Clonezilla)?

Olá pessoal…
Seria possível automatizar os processos de backup e restauração de uma imagem de um sistema (partição) com o Clonezilla?

Para facilitar a a compreensão da ideia, o cenário seria o seguinte:
/dev/sda1 - Sistema principal (Podendo ser Linux ou Windows)
/dev/sda2 - Partição para salvar imagem de backup
/dev/sda3 - Ubuntu (ou outra distro) sem DE, com o Clonezilla instalado - Um sistema bem básico mesmo, somente para este propósito

A ideia é ter um script com todos os passos automatizando a criação de um bkp.img da /dev/sda1 salvo em /dev/sda2

E outro script automatizando todos os passos para restaurar o bkp.img salvo em /dev/sda2 para /dev/sda1.

Observações:

  • A intensão é realmente ter um sistema somente em CLI, por isso podem haver sugestões de qual distro pode se encaixar melhor que o Ubuntu
  • Outras sugestões, caso sejam mais simples de implementar no lugar do Clonezilla, também são bem vindas
    • Systemback sempre instala uma DE (não consegui fazer a instalação e muito menos utilizar somente com CLI) e não consegui encontrar como encaixar nos dois pontos acima
    • Também vi algumas possibildades com os comando “dd” e “pv”, mas não consegui chegar a algo conciso, por minha parte mesmo. Não entendi muito bem se era somente o que mostrava em alguns tutoriais. Ví em alguns casos falando que não era uma forma bem segura, por isso fiquei com um pouco de receio (os mais experientes podem ajudar com isso :grinning:)…
    • Por isso queria pedir a ajuda de vocês para chegar em algo que posso solucionar esta ideia.

Valeu! :v: :smiley:

Então… É possível sim! Ao menos em parte.

Confesso que como nunca tinha utilizado o Clonezilla antes, e pelo fato de ser uma quantidade razoável linhas de códigos nas saídas entre as muitas e muitas tentativas, junto com aquela boa e velha frustração de já estar há várias horas procurando a solução (que muitas vezes está bem na nossa frente, mas não conseguimos ver…) não estava enxergando o óbvio.

Observei que ao final de quase todas as etapas, o próprio Clonezilla mostra o comando completo para o “pulo do gato” na próxima vez.

Criar Backup:

*****************************************************.
PS. Na próxima vez você pode executar este comando diretamente:
/usr/sbin/ocs-sr -q2 -c -j2 -z1p -i 4096 -sfsck -enc -p reboot saveparts BKP.img sda1
Este comando também será salvo com este nome de arquivo para uso posterior se necessário: /tmp/ocs-BKP.img-2021-04-28-18-46
*****************************************************.

Restaurar Backup:

*****************************************************.
PS. Na próxima vez você pode executar este comando diretamente:
/usr/sbin/ocs-sr -e1 auto -e2 -t -r -j2 -c -k -scr -p reboot -f sda1 restoreparts BKP.img sda1
Este comando também será salvo com este nome de arquivo para uso posterior se necessário: /tmp/ocs-BKP.img-2021-04-28-19-12
*****************************************************.

Só ainda não consegui resolver mais um detalhe para que fiquem totalmente automatizados os comandos:

Depois de exibir as saídas acima, aparece o questionamento de confirmação “Deseja continuar?” e tenho que responder “y” ou “n”. Este questionamento é feito duas vezes e as vezes (em tentativas anteriores com outros detalhes) pede para teclar Enter parar continuar.

Então, queria saber se tem como automatizar estas respostas.
Obs.: Já tentei o “-y” e o “-noconfirm” mas eles não são reconhecidos.

Resolvi compartilhar para ficar documentado como ajuda, caso mais alguém se interesse no futuro.

Acho que copiar o sistema inteiro com rsync ia funcionar melhor e ser mais simples…

Como imagem de backup do sistema (Windows ou Linux) pra que possa ser restaurado no futuro em caso de falha?

Do windows não daria pra fazer. Mas no linux vc basicamente espelha os arquivos em outro local e pra ser restaurado vc copia de novo pra partição padrão. É só ter o cuidado de copiar os arquivos com as permissões especiais e escolher um sistema de arquivos de destino que suporte todos os atributos. Na maioria das vezes vc escolhe o mesmo tipo de sistema de arquivos.

Se vc usar o btrfs ainda há uma gama maior de possibilidades, tipo o espelhamento raid via software, ou ainda usar snapshots e copiar o snapshot inteiro via “btrfs-send”.

O ideal é vc montar o sisteminha em VM, simular esses eventos de backup e verificar se vai funcionar tranquilamente.

2 Curtidas

Entendi.

Ainda assim, a ideia seria uma solução como sistema secundário apenas para backup e restauração do sistema principal (sendo ele Windows ou Linux).

De todo modo, irei explorar as possibilidades que você sugeriu. É algo a mais para aprender… Obrigado!